Roberta Fonseca Brum Cardoso, Psicólogo Canoas

Dra. Roberta Fonseca Brum Cardoso

Psicólogo

Nº de identificação: CRP 07/27398
3 opiniões

Consultórios (2)

Fioravante Milanez, 58 - Sala 306, Canoas
Consultório particular

Nesse endereço não é possível marcar consulta online


Não adicionou informações sobre seus serviços
Rua Sete Povos 330 - Sala 901, Canoas
Consultório particular

Nesse endereço não é possível marcar consulta online


Não adicionou informações sobre seus serviços

Experiência

Sobre mim

Graduada em Psicologia pela Universidade Federal de Pelotas (UFPel). Psicanalista em Formação pela Clínica Espaço Criar e especializada em Neuropsicol...

Mostrar a descrição completa

Experiência em:

  • Psicanálise
  • Avaliação Neuropsicológica
  • Transtornos de Ansiedade
Veja mais


Serviços

Sem informação sobre serviços e preços

Este especialista ainda não adicionou nenhuma informação sobre serviços

Opiniões dos pacientes

5

Classificação geral
3 opiniões

  • Pontualidade
  • Atenção
  • Clínicas e hospitais
U
Paciente verificado
Depressão

Pontos positivos
Espaço acolhedor e profissional capacitada

Dra. Roberta Fonseca Brum Cardoso

Obrigada!


P
Paciente verificado
Local: Consultório particular Tratamento da ansiedade

Pontos positivos
Muito dedicada

Dra. Roberta Fonseca Brum Cardoso

Obrigada!


P
Psicoterapia Psicanalítica

Pontos positivos
Ótima psicóloga, tem me ajudado mto!

Dra. Roberta Fonseca Brum Cardoso

Obrigada pelo carinho!


Ocorreu um erro, tente outra vez

Dúvidas respondidas

4 dúvidas de pacientes respondidas na Doctoralia


  • Pergunta sobre Ansiedade

    Fui diagnosticada com TAG lembro de poucos momentos na vida em que não me senti nervosa com medo e insegura as vezes mais as vezes menos, hoje tenho 32 anos faço psicoterapia. Quero resolver e viver feliz e tranquila, mas tenho medo da dependência do medicamento.O tratamento com medicamento tem fim?

    A atuação dos medicamentos pode tornar a psicoterapia mais efetiva, pois podem reduzir a severidade dos sintomas e aumentar a adesão do paciente à intervenção psicoterápica. Por isso a necessidade de acompanhamento médico, para que o uso da medicação seja adequada.

    Dra. Roberta Fonseca Brum Cardoso

  • Pergunta sobre Depressão

    Passei por uma perda gestacional com 32 semanas, após essa perda ingressei na minha na área da educação, porém tive muitas frustrações é passo o dia angústiada, faço psicoterapia, o psiquiatra acha que tenho uma depressão não tratada devido a perda, existem casos de sucesso na cura da depressão s?

    Sua depressão está ligada com uma perda, um luto no qual você está vivenciando. A psicoterapia psicanalítica é imprescindível em todas as formas de depressão, tendo o potencial de eliminá-las, a partir da elaboração dos conflitos psíquicos inconscientes.

    Dra. Roberta Fonseca Brum Cardoso

Todos os conteúdos publicados no doctoralia.com.br, principalmente perguntas e respostas na área da medicina, têm caráter meramente informativo e não devem ser, em nenhuma circunstância, considerados como substitutos de aconselhamento médico.

Experiência

Sobre mim

Graduada em Psicologia pela Universidade Federal de Pelotas (UFPel). Psicanalista em Formação pela Clínica Espaço Criar e especializada em Neuropsicol...

Mostrar a descrição completa

Experiência em:

  • Psicanálise
  • Avaliação Neuropsicológica
  • Transtornos de Ansiedade
Veja mais


Artigos

Psicoterapia

A psicoterapia é feita por um profissional formado em psicologia. Ele trabalha para que você "trabalhe" em cima de questões pessoais que você deseja. Se exclui a teoria de dar conselhos (o que o psicólogo chama de "aconselhar" tem ênfase em intervenções psicoterapêuticas), não se vai ao psicólogo para conversar e tão pouco para conselhos, como qualquer outro profissional, o psicólogo utiliza-se de técnicas estudadas por muitos anos. Cada psicólogo utilizará técnicas conforme a sua abordagem teórica.


Psicanálise

A psicanálise constitui-se como um referencial teórico para a compreensão da constituição do psiquismo e uma técnica para tratamento do sofrimento humano. Através dela, o paciente amplia seu autoconhecimento ao acessar conteúdos inconscientes, o que proporciona maior compreensão de seus sentimentos e suas ações. Dessa forma, é possível romper com ciclo repetitivo de atuações que levam ao sofrimento, colocando-se de forma mais saudável nas relações e nos demais contextos que se insere.

Veja todos os artigos