A minha filha tem apenas 1 ano...ela pode ter hemiatrofia...a pessoa ja nasce com ela ou aparece com o tempo.....onde posso ver mais informaçoes sobre a doença?
 Isabel Vieira de Figueiredo e Silva
Isabel Vieira de Figueiredo e Silva
Cirurgião plástico
Rio de Janeiro
É uma doença genética, a pessoa já nasce com ela . Procure seu pediatra para que ela seja examinada com detalhes. Você pode procurar em Bibliotecas Médicas no Google informações sobre a doença mas, é melhor ver exatamente o caso da sua filha com o pediatra dela.

Dr. Danilo Chammas
Dr. Danilo Chammas
Cirurgião cranio-maxilo-facial, Cirurgião plástico
São José do Rio Preto
Atrofia Hemifacial Progressiva ou Síndrome de Romberg é uma doença adquirida, sem uma causa definida e ocorre mais em jovens maiores de 8 a 10 anos de idade. Pode ser que o diagnóstico de sua filha esteja equivocado e ela tenha na verdade Microssomia Hemifacial. Esta sim é uma é uma doença genética, 90% dos casos unilateral e acomete 1º e 2º arcos branquiais. Pode acometer mandíbula, orelha, mímica facial (nervo facial), região orbital e TECIDO MUSCULAR. Talvez esteja aí a patologia da sua filha. Procura um Cirurgião Plástico Especialista da SBCP para melhor diagnóstico.

Especialistas em Hemiatrofia Facial

Gustavo Salviano

Gustavo Salviano

Cirurgião plástico

Palmas

Adriano de Lima e Silva

Adriano de Lima e Silva

Cirurgião plástico

São Paulo

Antonio Sergio Costa Guimaraes

Antonio Sergio Costa Guimaraes

Cirurgião plástico

Niterói

Antonio Marcos Pinto Coelho Júnior

Antonio Marcos Pinto Coelho Júnior

Cirurgião plástico

Bauru

Leandro Debs Procopio

Leandro Debs Procopio

Cirurgião plástico, Especialista em medicina estética

Porto Velho

Marcela Benetti Scarpa

Marcela Benetti Scarpa

Cirurgião cranio-maxilo-facial, Cirurgião plástico

São Paulo

Perguntas relacionadas

Você quer enviar sua pergunta?

Nossos especialistas responderam a 2 perguntas sobre Hemiatrofia Facial

Este valor é muito curto. Deveria ter __LIMIT__ caracteres ou mais.

  • A sua pergunta será publicada de forma anônima.
  • Faça uma pergunta de saúde clara, objetiva seja breve.
  • A pergunta será enviada para todos os especialistas que utilizam este site e não para um profissional de saúde específico.
  • Este serviço não substitui uma consulta com um profissional de saúde. Se tiver algum problema ou urgência, dirija-se ao seu médico/especialista ou provedor de saúde da sua região.
  • Não são permitidas perguntas sobre casos específicos, nem pedidos de segunda opinião.

Iremos utilizá-lo para o notificar sobre a resposta, que não será publicada online.
Todos os conteúdos publicados no doctoralia.com.br, principalmente perguntas e respostas na área da medicina, têm caráter meramente informativo e não devem ser, em nenhuma circunstância, considerados como substitutos de aconselhamento médico.