Karine Cunha, Psiquiatra São Paulo

Dra. Karine Cunha

Psiquiatra mais

Número de registro: CRM SP 97264 RQE Nº: 43461
51 opiniões

Salvar

Tempo estimado de resposta:

Consultório

Rua Maria Figueiredo 595 conj. 63/64, Paraíso, São Paulo
Dra Karine cunha

Este especialista não oferece agendamento online neste endereço

Atende: adultos, crianças a partir dos 14 anos de idade
Dinheiro
(11) 3050..... Mostrar número

Não adicionou informações sobre seus serviços

Experiência

Sobre mim

------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------ Sou médica formada pela Un...

Mostrar a descrição completa

Experiência em:

  • Psiquiatria Ambulatorial
  • Psiquiatria Biológica
  • Psiquiatria Geriátrica
Veja mais

Tratar condições médicas

  • Transtornos De Estresse Pós-Traumáticos
  • Transtornos Psicóticos
  • Transtorno bipolar
Mostrar mais doenças

Formação

  • Residência Médica em Psiquiatria, Instituto de Psiquiatria da Universidade de São Paulo (HC-FMUSP), 2002
  • Graduação em Medicina, Escola Paulista de Medicina (UNIFESP-EPM), 1999
  • Pós Graduação em Dependência Química, Escola Paulista de Medicina (UNIFESP-EPM), 2013


Idiomas

Português

Opiniões

5

Classificação geral
51 opiniões

  • Pontualidade
  • Atenção
  • Clínicas e hospitais
Todas as opiniões são importantes, por isso os especialistas não podem pagar para alterar ou excluir uma opinião. Saiba mais.
P
Local: Dra Karine cunha Outro

Estou iniciando o tratamento praticamente agora, e com bastante esperança de um resultado bem positivo. A médica, Dra Karine, me transmitiu muita segurança, mostrou que possui conhecimento, experiência nos atendimentos e principalmente empatia. Não tive problema algum ao fazer a consulta e gostei bastante do atendimento.


F
Local: Dra Karine cunha Outro

Certamente quando resolvi fazer um atendimento psiquiátrico estava bem receoso, porém, vi que precisava de tratamento, e fui pesquisar. Encontrei a doutora online, e então fui atendido de uma maneira muito tranquila, ela observou minhas questões, entendeu o que eu sentia e desde a primeira consulta me senti bem e principalmente soube receitar remédios que me fizeram melhorar com o mínimo de efeitos colateráis. Indico a Dra. Karine de olhos fechados!


C
Local: Dra Karine cunha Outro

A doutora realmente tem sido uma benção na minha vida, mudou completamente meu tratamento e estou me sentindo curada! Ela sim é muito disposta a ouvir, muito pontual e mais do que tudo é humana. Tive muitas dúvidas sobre meu transtorno, e todas elas foram respondidas com paciência, sempre indico a Dra para todos que conheço e aqui não seria diferente!


L
Local: Dra Karine cunha Outro

Já estou na minha quarta consulta, estou me tratando para a depressão pós parto, a doutora é muito atenciosa, simpática e principalmente: empática! Demorei a encontrar um profissional que demonstrasse empatia para essa doença terrível, sendo assim, irei recomendá-la sempre que puder!


C
Local: Dra Karine cunha Outro

A Dra. certamente é uma excelente profissional! Ela mostrou-se preocupada com todas as nuances do meu caso clínico, o que acabou levando a um diagnóstico mais eficaz e preciso. Dessa forma, sempre que me perguntam ou que posso recomendo-a, pois foi a partir dela que consegui me recuperar e ter uma vida mais normal!


A
Local: Dra Karine cunha Outro

Amei as abordagens da doutora pois são super modernas, o tratamento é completamente agregador e me senti muito bem durante toda a consulta. Apesar de encontrá-la na internet, recomendo sem sombra de dúvida, isso porque consegui algo que nunca tinha conseguido antes com outros psiquiatras que é melhorar completamente!!!


F
Local: Dra Karine cunha Outro

Esse foi um atendimento esclarecedor e bem confortável, inclusive, adorei a atenção que a Dra. reservou para meu atendimento. Ela me explicou detalhadamente cada medicamento que devo usar, em todo o atendimento ela foi bem paciente e com informações bem claras, recomendo muito.


F
Local: Dra Karine cunha Outro

A doutora é muito simpática, e conseguiu explicar da forma mais simples e acessível ao mesmo tempo, finalmente consegui compreender minha doença e sobre como as medicações funcionam em meu organismo. Recebi uma excelente orientação sobre a terapia, e principalmente entendi quais aspectos do cotidiano me ajudarão a melhorar. Recomendo veementemente!


G
Paciente verificado
Local: Dra Karine cunha Outro

Demorei, mas encontrei uma doutora empática, que consegue me ouvir com atenção e que não faz toda a consulta muito rapidamente. Indico a doutora para aquelas pessoas que ainda não conseguiram encontrar bons médicos atenciosos, e que principalmente ainda não acertaram em seu tratamento.


A
Local: Dra Karine cunha Outro

Sofro a alguns anos com transtorno bipolar do humor, para quem conhece o diagnóstico dessa doença é muito complexo, e frequentemente sofri trocando de médicos sem obter um tratamento de sucesso. Foi então que pesquisei e encontrei a doutora online, resolvi tentar visto que as opiniões eram as melhores, hoje já sinto uma melhora significativa com os tratamentos da doutora.


Ocorreu um erro, tente outra vez

Dúvidas respondidas

54 dúvidas de pacientes respondidas na Doctoralia


  • Pergunta sobre Cymbi

    Qual o tempo maximo que se pode usar o Cymbi, para não fazer mal ao organismo?

    Olá boa tarde. O Cymbi é um medicamento bastante seguro se usado até a dosagem de 120 mg/d. É um bom antidepressivo e também eficaz em dores crônicas. Em alguns casos pode ser utilizado de forma contínua sem que haja malefícios ao organismo. É uma medicação que não provoca dependência.

    Dra. Karine Cunha

  • Pergunta sobre Depakene

    Comecei tomando um Depakene a noite, após uma semana dois ao dia, sinto minha boca seca e muito amarga, sinto tonturas e sono durante o dia, o que posso estar fazendo para melhorar? É normal?

    Boa tarde. Esses sintomas que você está sentindo são efeitos colaterais bastante comuns do Depakene e em geral são mais intensos no início do tratamento. Eles vão diminuir e até mesmo sumir com a continuidade do tratamento. Considero uma excelente medicação, tanto para epilepsia quanto para transtorno afetivo bipolar.

    Dra. Karine Cunha

Todos os conteúdos publicados no doctoralia.com.br, principalmente perguntas e respostas na área da medicina, têm caráter meramente informativo e não devem ser, em nenhuma circunstância, considerados como substitutos de aconselhamento médico.

Experiência

Sobre mim

------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------ Sou médica formada pela Un...

Mostrar a descrição completa

Experiência em:

  • Psiquiatria Ambulatorial
  • Psiquiatria Biológica
  • Psiquiatria Geriátrica
Veja mais

Tratar condições médicas

  • Transtornos De Estresse Pós-Traumáticos
  • Transtornos Psicóticos
  • Transtorno bipolar
Mostrar mais doenças

Formação

  • Residência Médica em Psiquiatria, Instituto de Psiquiatria da Universidade de São Paulo (HC-FMUSP), 2002
  • Graduação em Medicina, Escola Paulista de Medicina (UNIFESP-EPM), 1999
  • Pós Graduação em Dependência Química, Escola Paulista de Medicina (UNIFESP-EPM), 2013

Certificado Doctoralia



Idiomas

Português

Redes sociais


Artigos

Estresse

O estresse é uma resposta natural do corpo a situações extremas, nas quais o cérebro nos prepara para reagir, liberando cortisol e adrenalina. Dessa maneira, ficamos prontos para apresentarmos o melhor desempenho possível, fisicamente e mentalmente. Quando somos submetidos, continuamente, a situações estressantes (por exemplo, muitas cobranças no trabalho, relacionamentos abusivos etc.) ou experiências traumáticas, podemos entrar em um quadro crônico de estresse e, o que era uma exceção, passa a perdurar e desgastar corpo e mente. Os principais sintomas são: irritabilidade, insônia, dificuldade de concentração e memorização, cansaço excessivo, dores de cabeça e alterações de apetite.


Transtornos De Estresse Pós-Traumáticos

O transtorno do estresse pós-traumático (TEPT) é um distúrbio de ansiedade provocado pela experiência de um momento altamente impactante, sobretudo quando há ameaça à vida da pessoa ou de alguém próximo. Para os pacientes com essa condição, as memórias e a sensação de medo fazem parte do cotidiano. Viver ou observar casos de violência urbana, desastres naturais, sequestro, situações de guerra ou agressão sexual são alguns dos fatores que podem desencadear um trauma. Os sintomas podem aparecer logo após a situação perturbadora ou levar anos para se manifestar. O TEPT não pode ser totalmente curado mas, com auxílio psiquiátrico, é possível controlar os sintomas e manter uma rotina normal.

Veja todos os artigos

Publicações

Publicações (2)

Pesquisas relacionadas