Cerclagem do colo uterino - Informações, especialistas e perguntas frequentes

Especialistas - cerclagem do colo uterino

Encontre um especialista na sua cidade:
Flávia Gusmão Rossi

Flávia Gusmão Rossi

Ginecologista

Rio de Janeiro

Agendar uma visita
Rogeria Teixeira Coelho

Rogeria Teixeira Coelho

Ginecologista

Rio de Janeiro

Agendar uma visita
Marcelo Tissiani

Marcelo Tissiani

Ginecologista

João Pessoa

Agendar uma visita
Luis Ie

Luis Ie

Ginecologista

São Paulo

Agendar uma visita
Rosangela Tiengo Marino

Rosangela Tiengo Marino

Ginecologista, Mastologista

São Paulo

Agendar uma visita

Perguntas sobre Cerclagem do colo uterino

Nossos especialistas responderam a 99 perguntas sobre Cerclagem do colo uterino

Olá. Sempre siga as orientações do seu médico. Agende a sua consulta de reavaliação e esclareça suas dúvidas.
A sua avaliação clínica através da sua história clínica, suas queixas e exame…
1 respostas


Se não estiver causando nenhum problema, não precisa tirar. Pode ficar para as próximas gestações. Se estiver causando irritação, necrose, ou sangramento , então vale a pena tirar. No seu caso,…
2 respostas


Olá. Sempre siga as orientações do seu médico. Agende a sua consulta de reavaliação e esclareça suas dúvidas.
Nunca inicie uma medicação sem a ajuda do seu médico, principalmente na gravidez…
1 respostas

Especialistas falam sobre Cerclagem Do Colo Uterino

Gestantes com colo do útero curto e com perdas vaginais cada vez mais precoces é necessário fazer a cerclagem uterina. Pode ser feita com a técnica clássica ou com a colocação de pessário ( anel que faz a função do ponto ). Quando completa 37 semanas de gestação é retirado para que possa evoluir para o trabalho de parto normalmente.

Carolina Curci

Ginecologista

São Paulo

Agendar uma visita

Quais profissionais realizam Cerclagem do colo uterino?

Pesquisas relacionadas


Todos os conteúdos publicados no doctoralia.com.br, principalmente perguntas e respostas na área da medicina, têm caráter meramente informativo e não devem ser, em nenhuma circunstância, considerados como substitutos de aconselhamento médico.