Dermatoscopia - Informações, especialistas e perguntas frequentes

Especialistas em dermatoscopia

Encontre um especialista em Dermatoscopia na sua cidade:
Mauricio Zanini

Mauricio Zanini

Dermatologista

Blumenau

Agendar uma visita
Daniela Nacif

Daniela Nacif

Dermatologista

Niterói

Agendar uma visita
Danilo Siqueira Talarico

Danilo Siqueira Talarico

Especialista em medicina estética, Generalista

Americana

Agendar uma visita
Renata Rezende

Renata Rezende

Dermatologista

Rio de Janeiro

Agendar uma visita

Perguntas sobre Dermatoscopia

Nossos especialistas responderam a 1 perguntas sobre Dermatoscopia

Dra. Renata Marques
Dra. Renata Marques
Dermatologista
Rio de Janeiro
Existem vários tratamentos para manchas na face, como despigmentantes, peelings e lasers. Procure seu dermatologista para melhor avaliação.
3 respostas

Especialistas falam sobre Dermatoscopia

Dermatoscopia é um exame de imagem que ajuda no diagnóstico correto de lesões de pele, câncer de pele, alopecias (queda de cabelo) e doenças das unhas. É um exame que pode ser realizado durante a consulta médica. Por ser um exame relativamente recente, nem todo dermatologista tem domínio na sua realização.

Marcela Benez

Dermatologista

Rio de Janeiro


O dermatoscópio é um aparelho que pode ser usado pelo dermatologista para um exame mais detalhado das lesões de pele. Este exame recebe o nome de dermatoscopia. Uma das maiores vantagens da dermatoscopia consiste em permitir a descoberta de lesões de câncer de pele em fases bem iniciais, com maiores chances de cura.

A dermatoscopia é um exame não invasivo capaz de avaliar pintas e lesões de pele, benignas ou suspeitas, atuando na prevenção e/ou detecção do câncer de pele. É realizada durante a consulta dermatológica e tem grande importância para a saúde da sua pele. O ideal é realizar a dermatoscopia anulamente, porém, pode ser mais frequente dependendo do histórico pessoal e familiar de cada paciente.

O mapeamento corporal de nevos com dermatoscopia digital consiste na obtenção de imagens de quase toda a superfície corporal do paciente utilizando-se uma câmera macroscópica digital. . Inicia se a com obtenção de fotografias digitais corporais em poses padronizadas, em seguida é realizada uma seleção das pintas ( nevos ) que apresentem alguma característica que chame a atenção (como a forma, tamanho, cores, local, historia de mudança, entre outros ) que são identificadas e marcadas nas fotos do corporais. Então é feito registro dermatoscópico dessas pintas utilizando-se uma câmera microscópica digital com aumento que varia de 20 a 100X.

Ana Polizeli Cavaller

Dermatologista

São Paulo


A dermatoscopia é uma ferramenta muito útil na avaliação das lesões pigmentadas (pintas ou nevos) da pele. Utilizando o dermatoscópio, podemos observar estruturas e detalhes não visíveis a olho nu, possibilitando diagnóstico precoce de câncer de pele e seguimento de pintas. As lesões irregulares são fotografadas, através de uma lente de aumento. O procedimento é repetido com intervalo de alguns meses. O registro fotográfico permite avaliar o surgimento de novas pintas e a evolução de pintas pré-existentes.

A dermatoscopia é um método que permite avaliar tanto lesões pigmentadas da pele, as chamadas pintas, como lesões não pigmentadas. Com isso, podemos dizer se uma pinta tem chance de ser um tumor e atuar na prevenção do câncer de pele. Para chegar ao diagnóstico das lesões, é usado o dermatoscópio, aparelho que permite ampliar a imagem da pele, proporcionando uma visão em profundidade, facilitando a análise e documentação.

A dermatoscopia é um exame não invasivo utilizado para analisar de forma mais precisa alguns tipos de lesões de pele, como os nevos (pintas), diferenciando-as entre benignos e malignos. O exame é feito com a ampliação da imagem dos sinais da pele e visualiza estruturas profundas que não são visíveis a olho nu.

Fábio Gontijo

Dermatologista

Belo Horizonte


A dermatoscopia representa o estetoscópio do Dermatologista, correspondendo a um microscópio de superfície, o qual aumenta a imagem entre 10-70 vezes.Constitui uma importante e indispensável arma na avaliação e detecção precoce de vários tipos de tumores de pele( melanoma, carcinoma espinocelular e carcinoma basocelular). A dermatoscopia é indicada para pacientes que apresentam múltiplos sinais, história de câncer de pele na família, exposição solar prolongada ao longo dos anos. Qualquer lesão de pele com aumento recente, endurecida, avermelhada ou negra, com sangramento ou descamação, deve ser avaliada pelo dermatologista e submetida ao dermatoscópio.

A dermatoscopia é um método para aprimorar o exame dermatológico, através do aparelho que aumenta a imagem e proporciona iluminação especial, auxiliando no diagnóstico precoce de diversas condições cutâneas, especialmente dos cânceres de pele.

Amanda Cavalleiro Mota

Dermatologista

Rio de Janeiro


A dermatoscopia é um método diagnóstico não invasivo, que usa um equipamento especial auxiliando a visualização de estruturas na profundidade da pele, não visíveis ao olho nu. É uma excelente ferramenta no diagnóstico diferencial dos diversos tipos de câncer de pele.

Roberta Werlich

Especialista em medicina estética

São Paulo

Agendar uma visita

A dermatoscopia é um exame dermatológico que faz uso do dermatoscópio, instrumento que aumenta a imagem e expõe a luzes que permitem o melhor estudo da lesão pelo dermatologista. Esta avaliação tem evoluído muito e permitido que se diagnostique e trate, bem como se evite submeter o paciente a uma cirurgia desnecessária.

♣ Exame não invasivo relizado por dermatologista treinado, que auxilia no diagnóstico de lesões de pele. Utilizando um aparelho chamado dermatoscópio, o dermatologista avalia as características da lesão, que geralmente não são visíveis a olho nu, para avaliar de forma complementar ao exame clínico. ♣ Algumas lesões avaliadas com dermatoscopia são: sinais ou pintas, cânceres de pele e queratoses.

Através do dermatoscópio, espécie de lente de aumento, conseguimos observar com mais detalhes as lesões da pele, couro cabeludo, unhas e pelos, definindo com maior certeza os diagnósticos.

Tatiana Milunovic Lobo Rosa

Especialista em medicina estética

São Paulo

Agendar uma visita

A Tricoscopia é a dermatoscopia do couro cabeludo e dos fios de cabelo. O exame é realizado através de um aparelho chamado dermatoscópio que permite ampliar bastante a imagem. A tricoscopia é considerada, atualmente, uma técnica indispensável no diagnóstico das doenças do cabelo e do couro cabeludo.

A dermatoscopia é um exame complementar realizado pelo dermatologista durante a consulta e permite uma avaliação mais segura e detalhada de lesões pigmentadas (como pintas/sinais), doenças do couro cabeludo e das unhas. É feita com um aparelho colocado próximo à pele, ou seja, não é invasivo.

Ferramenta usada por médico dermatologista durante a consulta que auxilia no diagnóstico de doenças de pele e detecção precoce do câncer de pele.

Nira Herênio

Dermatologista

São Paulo

Quais profissionais realizam Dermatoscopia?


Todos os conteúdos publicados no doctoralia.com.br, principalmente perguntas e respostas na área da medicina, têm caráter meramente informativo e não devem ser, em nenhuma circunstância, considerados como substitutos de aconselhamento médico.