Implante de eletrodo para estimulação cerebral - Informações, especialistas e perguntas frequentes

Especialistas - implante de eletrodo para estimulação cerebral

Bruno Burjaili

Bruno Burjaili

Neurocirurgião, Especialista em dor

São Paulo

Agendar uma visita
Henrique Lira

Henrique Lira

Neurocirurgião

Brasília

Agendar uma visita
Arthur Pedro da Costa Ribeiro

Arthur Pedro da Costa Ribeiro

Neurocirurgião

São José dos Campos

Agendar uma visita
Paulo Augusto Bonini

Paulo Augusto Bonini

Ortopedista - traumatologista

Adamantina

Glauco Andre Saraiva

Glauco Andre Saraiva

Neurocirurgião, Neurologista

Novo Hamburgo

Perguntas sobre Implante de eletrodo para estimulação cerebral

Nossos especialistas responderam a 2 perguntas sobre Implante de eletrodo para estimulação cerebral

Bom dia,

Existem vários tipos de neurocirurgias indicadas para o tratamento de depressão e outros transtornos psiquátricos de difícil controle. No caso da depressão, o tratamento…

Especialistas falam sobre Implante De Eletrodo Para Estimulação Cerebral

Tal cirurgia pode ser feita com anestesia geral, ou com sedação e anestesia local. Logo antes da cirurgia é feita a fixação de um aparelho chamado "Halo de Estereotaxia" no crânio do paciente, com anestesia local. O paciente realiza uma tomografia de crânio com o Halo fixado à cabeça e segue para a cirurgia. É realizada incisão em forma de "meia-lua" na região frontal, atrás da linha do cabelo quando possível, geralmente bilateral. É feita uma trepanação ou pequeno "furo" no crânio através do qual passará o eletrodo de estibulação, que tem sua extensão passada pelo subcutâneo e conectado a um aparelho gerador de pulsos elétricos que ficará debaixo da pele da região logo abaixo da clavícula.

Carlos Eduardo Romeu

Neurocirurgião, Especialista em dor

Salvador

Agendar uma visita

Estamos ultrapassando uma velha fronteira na medicina! A estimulação cerebral profunda ou cirurgia de DBS (Deep Brain Stimulation, do inglês) é um tratamento inovador para diversos distúrbios neurológicos com excelentes resultados clínicos. O procedimento consiste na inserção de eletrodos em estruturas cerebrais específicas que são estimuladas por meio de uma corrente elétrica. Com o estímulo constante essas regiões apresentam melhora de sua função. É indicada para pacientes com distúrbios do movimento em geral. Conhece alguém ou tem familiar com doença de Parkinson, distonia, discinesia ou outro distúrbio neurológico? Talvez essa pessoa possa se beneficiar do DBS.

Diego De Castro Dos Santos

Neurofisiologista, Neurologista

São Paulo

Quais profissionais realizam Implante de eletrodo para estimulação cerebral?


Todos os conteúdos publicados no doctoralia.com.br, principalmente perguntas e respostas na área da medicina, têm caráter meramente informativo e não devem ser, em nenhuma circunstância, considerados como substitutos de aconselhamento médico.