Nefrectomia total - Informações, especialistas e perguntas frequentes

Especialistas em nefrectomia total

Encontre um especialista em Nefrectomia Total na sua cidade:

Perguntas sobre Nefrectomia total

Nossos especialistas responderam a 39 perguntas sobre Nefrectomia total

Olá, é normal ter algum tipo de dor no pós operatório de nefrectomia. Hoje adotamos as técnicas de Video-cirurgia para minimizar esses impactos, Podendo o paciente voltar para as suas atividades…
1 respostas

Olá. Depende qual cirurgia foi realizada.
1 respostas

Na nefrectomia radical se tira o rim a gordura perirrennal e linfonodos. Na total apenas o rim. À disposição
1 respostas

Especialistas falam sobre Nefrectomia Total

A nefrectomia total é o procedimento de retirada do rim . Podemos viver muito bem com apenas um rim e diversas doenças podem levar a necessidade de retirar o rim , tais como: calculo renal, tubérculose renal, câncer de rim , estenose de ureter ( junção ureteropélvica ). Essa cirurgia é menor realizada pelas técnicas minimamente invasivas( laparoscopica e robótica ). A cirurgia se baseia na ligadura da artéria e veia renal , liberação do rim , com ou sem a gordura em volta , retirada da peça e envio da mesma para análise histopatológica. Realizamos há 13 anos esse procedimento , por laparoscopia e mais recentemente por via robótica

Lessandro Curcio

Urologista

Rio de Janeiro

Agendar uma visita

A Nefrectomia Total é a retirada completa do rim, sendo geralmente indicada quando o rim afetado apresenta comprometimento anatômico e funcional, frequentemente associado a outras doenças, como cálculos renais ou estreitamento do ureter. Quando a retirada do rim é realizada para tratamento do câncer renal, é chamada de Nefrectomia Radical. A Nefrectomia pode ser realizada por laparoscopia, através de pequenas incisões abdominais, permitindo uma recuperação pós-operatória mais rápida, menos dor e alta precoce. Em razão da boa experiência com a técnica, a laparoscopia é a via de escolha para Nefrectomia, inclusive no tratamento de tumores renais volumosos.

A Nefrectomia total é a retirada completa do rim. Está indicada quando o rim já não funciona mais e está causando dor nas costas e infecção urinária. Uma das principais causas de perda renal é a hidronefrose, uma dilatação no sistema coletor causando compressão no tecido renal e retenção de urina. Ela pode ocorrer devido a presença de cálculos renais, cirurgias no ureter ou próximas a ele e estenose na junção ureter-pelve. A infecção urinária de repetição também pode lesar o órgão, causando uma inflamação crônica que leva a perda do rim. A nefrectomia é realizada por laparoscopia (pequenos furos na barriga) por médicos treinados e capacitados para tal.

A retirada do rim (nefrectomia total) é o procedimento realizado nos rins (que não possuem a presença de câncer) que se apresentam com grave deterioração da função renal e que sua presença no organismo apresenta algum prejuízo para o paciente. É um procedimento de exceção, cada vez mais raro na pratica diária do urologista. Converse com seu urologista.

Quais profissionais realizam Nefrectomia total?


Todos os conteúdos publicados no doctoralia.com.br, principalmente perguntas e respostas na área da medicina, têm caráter meramente informativo e não devem ser, em nenhuma circunstância, considerados como substitutos de aconselhamento médico.