Elvira Eugenia Silva Aranha Barbosa Santos, Psicólogo São Luís

Elvira Eugenia Silva Aranha Barbosa Santos

Psicólogo

Número de Identificação Profissional: CRP 22/01352 MA
1 opinião
154 visitas ao perfil nos últimos 30 dias

Consultório

Via Dois, 37 - LaRavardiere Residence, Itinga, São Luís
Consultório particular (mapa)

Próxima data disponível:

Mostrar o calendário
Atende: adultos
(98) 98108.....

Experiência

Sobre mim

Sou psicóloga por opção e/ou vocação além do que é a profissão que mais me define, afinal já exerci algumas outras profissões, dentre elas a docência...

Mostrar a descrição completa

Experiência em:

  • Psicologia Clínica e da Saúde
  • Aconselhamento Psicológico
  • Psicoterapia de Casal
Veja mais


Formação

  • Psicóloga, Mestra em Educação Especial, Especialização em Psicopedagogia e Educação Especial, UniCeuma, UFMA, FACAM, UEMA, 2013
  • Psicóloga, Mestra em Educação Especial, Especialização em Psicopedagogia e Educação Especial, UniCeuma, UFMA, FACAM, UEMA, 2013

Fotos


Idiomas

Português

Opiniões dos pacientes

5

Classificação geral
1 opinião

  • Pontualidade
  • Atenção
  • Clínicas e hospitais
U
Paciente verificado
Local: Consultório particular Cuidar da minha saúde emocional

Pontos positivos
Uma excelente profissional, atenciosa, dedicada que está me ajudando bastante. Super recomendo!

Elvira Eugenia Silva Aranha Barbosa Santos

Agradeço pela confiança, sua opinião é muito importante para mim, me ajuda a procurar sempre me capacitar para melhor atender a você. Obrigada.


Serviços e preços

Psicoterapia


Via Dois, 37 - LaRavardiere Residence, São Luís

Preço não relatado

Consultório particular


Consulta Psicologia


Via Dois, 37 - LaRavardiere Residence, São Luís

Preço não relatado

Consultório particular


Psicoterapia Breve


Via Dois, 37 - LaRavardiere Residence, São Luís

Preço não relatado

Consultório particular


Psicoterapia de Grupo


Via Dois, 37 - LaRavardiere Residence, São Luís

Preço não relatado

Consultório particular


Aconselhamento Psicológico


Via Dois, 37 - LaRavardiere Residence, São Luís

Preço não relatado

Consultório particular

Opiniões dos pacientes

5

Classificação geral
1 opinião

  • Pontualidade
  • Atenção
  • Clínicas e hospitais
U
Paciente verificado
Local: Consultório particular Cuidar da minha saúde emocional

Pontos positivos
Uma excelente profissional, atenciosa, dedicada que está me ajudando bastante. Super recomendo!

Elvira Eugenia Silva Aranha Barbosa Santos

Agradeço pela confiança, sua opinião é muito importante para mim, me ajuda a procurar sempre me capacitar para melhor atender a você. Obrigada.


Ocorreu um erro, tente outra vez

Dúvidas respondidas

7 dúvidas de pacientes respondidas na Doctoralia


  • Pergunta sobre Autismo

    Quais os sintomas de Autismo num adulto?

    Nos adultos os sintomas mais significativos são nas seguintes áreas:
    Interação, apresenta dificuldade para compreender regras sociais subliminares, manter contato visual, entender expressões faciais que não são óbvias, dar continuidade a um diálogo e entender metáforas, ironias e piadas.
    Socialização, não demonstra ou recebe afeto com naturalidade, não costuma falar sobre seus sentimentos, não se envolve com interesses alheios, não consegue se colocar no lugar dos outros, encara a vida de forma muito objetiva, prefere falar de poucos assuntos específicos e não percebe quando os outros não estão mais interessados.
    Funcionamento, trabalha melhor sozinho do que em equipe, não tem bom desempenho em entrevistas de emprego, não costuma ter bom desempenho escolar ou na universidade especialmente por ter foco bastante restrito.
    Sensibilidade, sofre mais com barulhos incômodos, ambientes agitados, roupa de tecido não tão confortável ou comida com espessura, cheiro ou gosto diferente do que está acostumado. São frequentes outras alterações sensoriais, como hipersensibilidade a luzes e ao toque.

    Elvira Eugenia Silva Aranha Barbosa Santos

  • Pergunta sobre Autismo

    Qual a diferença entre autismo moderado e severo?

    O que difere entre grau moderado e severo do autismo é a intensidade dos sintomas.
    No autismo moderado há uma necessidade apoio substancial nas áreas:
    Comunicação Social
    A criança apresenta um déficit notável nas habilidades de comunicação tanto verbais como não-verbais;
    Percebe-se acentuado prejuízo social devido pouca tentativa de iniciar uma interação social com outras pessoas;
    Quando o outro inicia o diálogo as respostas, geralmente, mostram-se reduzidas ou atípicas.
    Comportamentos repetitivos e restritos
    Apresenta inflexibilidade comportamental e evita a mudança na rotina, pois tem dificuldade em lidar com ela;
    A criança se estressa com facilidade e tem dificuldade de modificar o foco e a atividade que realiza.
    No grau severo a necessidade de apoio é muito maior principalmente nas seguintes áreas:
    Comunicação social, há severos prejuízos na comunicação verbal e não- verbal;
    Apresenta grande limitação em iniciar uma interação com novas pessoas e quase nenhuma resposta as tentativas dos outros.
    Comportamentos repetitivos e restritos,
    há presença de inflexibilidade no comportamento;
    extrema dificuldade em lidar com mudanças na rotina e apresentam comportamentos restritos/repetitivos que interferem diretamente em vários contextos;
    alto nível de estresse e resistência para mudar de foco ou atividade.

    Elvira Eugenia Silva Aranha Barbosa Santos

Todos os conteúdos publicados no doctoralia.com.br, principalmente perguntas e respostas na área da medicina, têm caráter meramente informativo e não devem ser, em nenhuma circunstância, considerados como substitutos de aconselhamento médico.

Experiência

Sobre mim

Sou psicóloga por opção e/ou vocação além do que é a profissão que mais me define, afinal já exerci algumas outras profissões, dentre elas a docência...

Mostrar a descrição completa

Experiência em:

  • Psicologia Clínica e da Saúde
  • Aconselhamento Psicológico
  • Psicoterapia de Casal
Veja mais


Formação

  • Psicóloga, Mestra em Educação Especial, Especialização em Psicopedagogia e Educação Especial, UniCeuma, UFMA, FACAM, UEMA, 2013
  • Psicóloga, Mestra em Educação Especial, Especialização em Psicopedagogia e Educação Especial, UniCeuma, UFMA, FACAM, UEMA, 2013

Fotos


Idiomas

Português

Redes sociais


Artigos

Depressão

Depressão é um transtorno mental que se caracteriza por uma tristeza intensa e de longa duração. O que compromete o dia a dia da pessoa com depressão, já que este transtorno passa a interferir em sua vida atingindo suas capacidades de comer, dormir, trabalhar, estudar, e realizar outras atividades do seu dia a dia. A depressão precisa de acompanhamento psiquiátrico e psicológico, além de tratamento medicamentoso. O psicólogo, através de técnicas psicológicas pode auxiliar, em alguns comportamentos adotados pelo pessoa com depressão, ajudando a melhorar os sintomas da depressão.


Transtorno De Pânico

O Transtorno de Pânico se caracteriza pela ocorrência espontânea de ataques de pânico. Estes pode durar menos de uma hora com intensa ansiedade ou medo, juntamente com sintomas como palpitações, respiração ofegante e até mesmo medo de morrer. Os ataques podem ocorrer acompanhados por agorafobia, que é definido pelo medo de estar sozinho em locais públicos. Principalmente, locais de onde uma rápida saída seria difícil em caso de ocorrer um ataque de pânico. A pessoa pode sentir extremo medo e uma sensação de morte e catástrofe iminente e em geral, é incapaz de indicar a origem de seus medos. Esses quadro pode apresenta dificuldade de concentração, confusão, aceleração do coração, palpitações.


Abandono Afetivo

O afeto é vital para o desenvolvimento emocional do sujeito humano, para que uma criança, cresça fisicamente e psicologicamente saudável deverá receber amor, alimentação, orientação, proteção, segurança e aprovação para fazê-la sentir-se parte integrante da família à qual pertence. O inverso poderá causar dano emocional irreversível para a criança. Mediante qualquer indício de abandono emocional, é aconselhável que a família procure ajuda psicológica que possa este possa ajudá-los a redirecionar a situação e auxiliar na solução da carência afetiva da criança.


Dificuldades escolares

Dificuldades de aprendizagem configura-e quando um estudante apresenta um perfil de funcionalidade discrepante com o esperado para sua faixa etária e nível de escolaridade. Estas podem traduzir-se em dificuldades de concentração, dificuldades na leitura e escrita, tais como leitura silabada, trocas fonológicas, erros ortográficos, orientação espacial e perceptiva comprometida. Geralmente é a escola quem primeiro identifica os sinais de alarme destas dificuldades e como tais não devem ser ignoradas, então a família deve ser contatada para intervir juntamente com a escola para que não haja não comprometimento no percurso pessoal e académico do estudante.


Fobia social

A fobia social é um transtorno de ansiedade que se materializa quando uma pessoa sente um medo incontrolável e excessivo de situações sociais. Uma pessoa com fobia social teme cometer alguma erro e em decorrência deste, ser humilhada e passar vergonha diante dos demais. Esta fobia pode se tornar ainda pior se a pessoa for muito introvertido ou não se sentir apto em suas relações interpessoais.Na intenção de proporcionar uma melhor qualidade de vida, para que se minimizem os efeitos incapacitantes deste transtorno, o psicoterapeuta pode ser de grande ajuda, utilizando as técnicas psicológicas pertinentes ao caso que auxilie em sua autoavaliação.


Dificuldades no relacionamento

O atendimento psicológico de casal é bastante complexo, traz consigo inúmeras variáveis a serem analisadas e trabalhadas durante o processo terapêutico. Quando o casal chega ao consultório, geralmente relata em sua queixa: insatisfações, decepções e mágoas, cada um com sua verdade, e ao profissional da psicologia cabe explorar e observar o processo daquela relação, objetivando trazer à consciência o modo como eles próprios funcionam, a fim de despertar o interesse e o conhecimento do casal pela relação conjugal. O psicólogo poderá ajudá-los a entender um ao outro conduzindo-os a interagir verdadeiramente um com o outro, clarificando a ambos sobre a importância de compartilhar seu pensamentos.

Veja todos os artigos