Esquizofrenia causa impotência sexual no homem? Se causa pode ser revertido?
Dra. Irani Marangão
Dra. Irani Marangão
Psicólogo, Sexólogo
Cuiabá


Foi feita pesquisa com 200 pacientes esquizofrênicos na fase estável da doença, tratados na clínica psiquiátrica do KBC Rijeka, em um período de dois anos. Os pesquisadores explicam que 100 dos pacientes tiveram um episódio de esquizofrenia aguda, e outros 100 eram pacientes com a forma crônica do quadro. A pesquisa consistiu em questionários referentes à percepção dos estudados sobre sua sexualidade e outros quesitos, sendo que o conteúdo foi informado previamente aos pacientes, que puderam optar por participar ou não do estudo.


Entre os resultados do levantamento, revelam que indivíduos esquizofrênicos atingiram escores consideravelmente maiores no quesito das emoções negativas e na incompetência sexual, quando comparados com os pacientes saudáveis, assim como níveis menores de satisfação sexual. No entanto, não foram encontradas diferenças significativas entre os portadores da esquizofrenia crônica e os que sofreram com a forma aguda do problema.

Apesar disso, os especialistas relatam que "no nível consciente da organização da libido, em pacientes esquizofrênicos, a consciência da própria sexualidade é preservada, assim como o ímpeto para a atividade e aventuras sexuais". No entanto, segundo eles, o desempenho e a satisfação podem ser prejudicados por elementos como a baixa auto-estima e por problemas no relacionamento.

Consiga todas as respostas durante a Telemedicina

Agende uma Telemedicina e pergunte aos especialistas sobre tudo o que precisa sem sair de casa

Mostrar especialistas Como funciona?
Dra. Conceição Leite
Dra. Conceição Leite
Psicólogo, Sexólogo
Montes Claros
A Esquizofrenia é um quadro de doença mental crônico,complexo, em que ocorre alterações nos neurotransmissores(substâncias cerebrais).
As medicações usadas no tratamento podem ocasionar variações nas atividades e desempenho sexual, não existindo correlação entre Esquizofrenia e Disfunção Sexual.
Indica-se acompanhamento com profissionais da área Médica e da Psicologia e Sexologia.

 Junior Gaia
Junior Gaia
Psicólogo, Sexólogo
Fortaleza
Qualquer tipo de Transtorno ou Doença Neurológica, Neuroquímica ou Psiquiátrica, poderá afetar o Desejo Sexual e acarretar em um quadro de Disfunção Erétil. Porém, somente a partir de uma avaliação minuciosa poderemos identificar se a esquizofrenia seria a causa. Não é uma relação determinante, provavelmente a causa deve estar sendo psicogênica " temor de desempenho".

Especialistas em Disfunção erétil (impotência)

Jerônimo Coelho

Jerônimo Coelho

Urologista

Fortaleza

Antonio Segundo Neto

Antonio Segundo Neto

Urologista, Cirurgião geral

Patos

Sarah Martins

Sarah Martins

Sexólogo

Uberlândia

Suhayl Pereira Jr

Suhayl Pereira Jr

Cirurgião geral, Urologista

Palmas

Tarcisio Sandes Ronacher

Tarcisio Sandes Ronacher

Cirurgião geral, Urologista

Teixeira de Freitas

Filipe Tenorio Lira Neto

Filipe Tenorio Lira Neto

Urologista

Recife

Perguntas relacionadas

Você quer enviar sua pergunta?

Nossos especialistas responderam a 229 perguntas sobre Disfunção erétil (impotência)

Este valor é muito curto. Deveria ter __LIMIT__ caracteres ou mais.

  • A sua pergunta será publicada de forma anônima.
  • Faça uma pergunta de saúde clara, objetiva seja breve.
  • A pergunta será enviada para todos os especialistas que utilizam este site e não para um profissional de saúde específico.
  • Este serviço não substitui uma consulta com um profissional de saúde. Se tiver algum problema ou urgência, dirija-se ao seu médico/especialista ou provedor de saúde da sua região.
  • Não são permitidas perguntas sobre casos específicos, nem pedidos de segunda opinião.

Escolha a especialidade dos profissionais que podem responder sua dúvida
Iremos utilizá-lo para o notificar sobre a resposta, que não será publicada online.
Todos os conteúdos publicados no doctoralia.com.br, principalmente perguntas e respostas na área da medicina, têm caráter meramente informativo e não devem ser, em nenhuma circunstância, considerados como substitutos de aconselhamento médico.