Angioplastia coronariana - Informações, especialistas e perguntas frequentes

Especialistas - angioplastia coronariana

Marcos Benchimol

Marcos Benchimol

Cardiologista, Médico clínico geral

Rio de Janeiro

Agendar uma visita
Diogo Antônio Gomes Tiago

Diogo Antônio Gomes Tiago

Cardiologista, Médico clínico geral

Belo Horizonte

Agendar uma visita
Fernando Bernardi

Fernando Bernardi

Cardiologista

Concórdia

Agendar uma visita

Perguntas sobre Angioplastia coronariana

Nossos especialistas responderam a 120 perguntas sobre Angioplastia coronariana

Se já foram abordadas todas as lesões e não há outros procedimentos, pôde-se ter relação sexual em 5 dias após a alta hospitalar.
Porém, sem ainda existam lesões ou novo cateterismo a…
1 respostas


Com certeza ! O Álcool pode reduzir ou aumentar o efeito das medicações que você está utilizando e pode predispor tanto a trombose quanto a sangramento.
1 respostas


Se estiver sem sintomas, não há restrições. Porém deve ter uma orientação formal do seu médico, pois pode haver eventual programação de novos procedimentos ou alguma outra restrição difícil de…
1 respostas

Especialistas falam sobre Angioplastia coronariana

Realizo angioplastias coronárias com implante de stents com stents, sou especialista em bifurcação e casos complexos.

Tammuz Fattah

Cardiologista

Florianópolis


A angioplastia coronariana é um procedimento minimamente invasivo, que visa restaurar o fluxo de sangue em uma ou mais artérias do coração (chamadas coronárias), que apresentam obstrução parcial ou total. Para isso, uma prótese chamada "stent" é inserida até o local de obstrução, através de um cateter. Esse procedimento geralmente é utilizado no contexto de um infarto ou para o tratamento da angina (dor no peito causada pelas obstruções das coronárias).

Wilton Francisco Gomes

Generalista

Curitiba


A angioplastia coronária é o procedimento de desobstrução das artérias coronárias. Trata-se de um procedimento que deve ser realizado no serviço de hemodinâmica dos Hospitais. A angioplastia pode ser realizada com implante de stent e ou dilatação das placas de gordura com balão. A angioplastia normalmente é indicada em pacientes que possuem sintomas de dor no peito ou cansaço aos esforços e que possuem obstruções documentadas pelo cateterismos nas artérias coronárias, em locais que favorecem o implante de stent. Esse procedimento deve ser realizado por médicos super especializados conhecidos como hemodinamicistas e com titulação pela Sociedade Brasileira de Hemodinâmica (SBHCI).

Rodrigo Esper

Cardiologista

São Paulo


A Angioplastia Transluminal Coronariana (ou ATC). Foi introduzida em 1977 pelo médico Suiço Dr. A. Gruentzig, como alternativa às cirurgias de revascularização (Ponte de Safena, Mamária) nos casos de doença obstrutiva das coronárias, sem os inconvenientes deste tipo de tratamento. Por ser minimamente invasiva, feita sob anestesia local (na virilha ou pulso), tempo de internação muito curto, riscos hospitalares (infecção, baixa qualidade hospitalar, etc) mais baixos, acabou se consagrando progressivamente como tratamento seguro , viável, confortável, com possibilidade de novas intervenções, se necessário, e que vem incorporando novas tecnologias em materiais , farmacologia e experiência.

Otavio Eboli

Cardiologista

São Paulo


A angioplastia coronariana é o procedimento de implante de stent na artéria coronária. Pode ser realizado pelo braço (artéria radial) ou pela perna (artéria femoral). O tempo do procedimento pode variar de acordo com o número de stents, mas, em geral, dura entre 1 e 2 horas. O paciente precisa ficar internado na Unidade Coronariana ou CTI, recebendo alta na manhã do dia seguinte, após reavaliação. É necessario o uso de medicamentos como a aspirina (AAS), entre outros. Pacientes alérgicos a iodo podem fazer a angioplastia, desde que orientados quanto preparo prévio. Dúvidas? Perguntas? Escreve pra mim.

Daniel Peralta

Cardiologista

Rio de Janeiro

Quais profissionais realizam Angioplastia coronariana?

Pesquisas relacionadas


Todos os conteúdos publicados no doctoralia.com.br, principalmente perguntas e respostas na área da medicina, têm caráter meramente informativo e não devem ser, em nenhuma circunstância, considerados como substitutos de aconselhamento médico.