Cirurgia do pterigio - Informações, especialistas e perguntas frequentes

Especialistas - cirurgia do pterigio

Bernardo Fernandes

Bernardo Fernandes

Oftalmologista

São Paulo

Agendar uma visita
Hegel Bessa

Hegel Bessa

Oftalmologista

Fortaleza

Agendar uma visita
Katia Santana Santos

Katia Santana Santos

Oftalmologista

São Paulo

Agendar uma visita
Gilberto Vianna Sanches Junior

Gilberto Vianna Sanches Junior

Oftalmologista

Belo Horizonte

Perguntas sobre Cirurgia do pterigio

Nossos especialistas responderam a 1345 perguntas sobre Cirurgia do pterigio

Sim! No pós operatório da cirurgia de pterígio não há restrições alimentares.
1 respostas

Olá! As recomendações gerais de alimentação após cirurgias oftalmológicas são: alimentação leve e não ingerir álcool. A preocupação principal deve ser não ingerir nada que possa resultar em vômitos.…
1 respostas

Boa tarde, comunique seu médico cirurgião sobre o ocorrido, mas após 9 dias de cirurgia, normalmente não há problema se soltam os pontos.
1 respostas

Especialistas falam sobre Cirurgia Do Pterigio

Na cirurgia de pterígio, buscamos e excelência com taxa de sucesso de 99,9% (recidiva de 0,01%) através de técnica moderna em que realizamos uma remoção extensa do pterígio (incluindo a parte que recobre o músculo ocular) e a realização de transplante de conjuntiva extenso. Essa técnica, aprendida com Prof. Lawrence Hirst (Australia Pterygium Center), permite indicar a cirurgia com fins estéticos e não somente em casos avançados que comprometem a visão. Nos casos em que houve recidiva do pterígio, os resultados também são excelentes.

Fernando Zeitounian

Oftalmologista

São Paulo


O pterígio é um espessamento vascularizado da conjuntiva (membrana transparente que recobre toda a região branca do olho) de forma triangular que se estende do ângulo interno (nasal) do olho em direção à córnea. Não é uma doença ocular infecciosa, mas pode afetar a visão caso se estenda na região central da córnea. Sintomas de Pterígio: Os principais sinais e sintomas são olho vermelho e fotofobia (sensibilidade à luz). Tratamento de Pterígio e feito através de cirurgia. No entanto, é comum a sua recorrência após a cirurgia.

Realizo exérese (retirada) de pterígio utilizando a técnica de auto transplante conjuntival, o que permite menor taxa de recidiva. É feita a retirada do pterígio e tecido nutridor do mesmo, confecção do auto enxerto e fixação com sutura ou cola biológica.

Sylvia Portugal

Oftalmologista

Rio de Janeiro

Agendar uma visita

A cirurgia do pterígio consiste em duas etapas: 1. Exérese do tecido doente (o pterígeo em si), e sua raspagem da córnea; 2. Confecção de um enxerto de conjuntiva saudável (do olho do próprio paciente) e o transplante dele para o local onde o pterígio estava inicialmente. O enxerto pode ser fixado no local através de sutura ou com cola biológica (que traz um pós operatório mais tranquilo e uma recuperação mais rápida).

Elisa Martins

Oftalmologista

Recife

Quais profissionais realizam Cirurgia do pterigio?

Pesquisas relacionadas


Todos os conteúdos publicados no doctoralia.com.br, principalmente perguntas e respostas na área da medicina, têm caráter meramente informativo e não devem ser, em nenhuma circunstância, considerados como substitutos de aconselhamento médico.