Terapia familiar - Informações, especialistas e perguntas frequentes

Especialistas em terapia familiar

Encontre um especialista em Terapia Familiar na sua cidade:
Cristiano Campos Ferreira

Cristiano Campos Ferreira

Psicólogo

São José dos Campos

Agendar uma visita
Camila Cristina Faquini

Camila Cristina Faquini

Psicólogo, Sexólogo

São José do Rio Preto

Agendar uma visita
Marilene Zignani

Marilene Zignani

Psicanalista, Psicólogo

Jundiaí

Agendar uma visita

Perguntas sobre Terapia familiar

Nossos especialistas responderam a 21 perguntas sobre Terapia familiar

Boa tarde!
Eu não sei quanto tempo a senhora é separada, mas algumas vezes para uma criança que está em transição da infância para adolescência é um pouco difícil lidar com a separação…
30 respostas

Prof. Joe Gerbase
Prof. Joe Gerbase
Psicólogo
Salvador
O terapeuta familiar buscará identificar elementos tanto relacionados à individualidade de cada um quanto analisar como se dão as relações, limites e espaços, assim como os papéis desempenhados…
6 respostas

bom dia, é interessante se distanciar do pessimismo dos pais e tentar se fortalecer sobre o que deseja realizar, ser mais assertiva nas escolhas que respeitam mais tuas capacidades para conseguir…
13 respostas

Especialistas falam sobre Terapia Familiar

Tratamento em que se propõe atender ao mesmo tempo pais, filhos e até avós e tios. Do ponto de vista da comunicação, a família sintomática perde-se em críticas, acusações, silêncios, duplas mensagens: há muita dificuldade em colocar-se no lugar do outro e rigidez em tentar novas formas de resolver problemas. Do ponto de vista de estrutura, os papéis são mal definidos, com filhos desempenhando papéis paternos e pais formando alianças com filhos, excluindo o outro membro do casal. Do ponto de vista dinâmico, há, em muitos casos, dificuldade em assumir a função de pais, com suas responsabilidades e limites, bem como dificuldade em estabelecer objetivos familiares e organizar-se para atingi-los.

Betânia Tassis

Psicanalista, Psicólogo

Rio de Janeiro

Agendar uma visita

Profissional especializada em Psicologia com larga experiência na orientação de casais, orientação vocacional e apoio psicológico nas seguintes áreas: pensamentos acelerados, stress, os porquês da felicidade, comportamento corporativo e com equipe especializada em coaching Life Professional. "Na complexidade das diversas demandas trazidas pela pessoa, o diferencial sugere estar na forma do acolhimento do profissional de psicologia diante das angustias ali apresentadas." .

Terapia Familiar- Abordagem terapêutica que visa modificar as interações entre os membros da família, de forma a melhorar o funcionamento individual. A técnica incentiva a competência da própria família, ativando a participação dos membros na resolução dos seus problemas. Indicações: Dificuldade em lidar com mudanças (nascimento de filhos,mortes, divórcios, casamentos, etc.),de relacionamento,de comunicação e adoecimento de membros ou grupo familiar. Vantagens: Proporciona a cada parte da família expor suas percepções e sentimentos, ser ouvido e ouvir as percepções e sentimentos dos outros membros, mobilizando todo o sistema familiar. Modo de Atendimento: Individual, casal ou familiar.

A família funciona seguindo certa homeostase, assim cada membro tem o seu papel muito enraizado ali, sendo comum exemplos de um "depositário", alguém que é "tudo que deu errado na família". A psicanálise familiar visa movimentar esses papéis e gerar reflexões sobre o papel de cada um ali, as identificações e dinâmica. A família é tratada como um paciente, não cada membro separado. São comuns problemáticas baseadas em segredos familiares, chegada de filhos, adolescência e quando os filhos saem de casa. Cada família é tratada como um todo individual e particular.

Mariana Pavani

Psicanalista, Psicólogo

Campinas

Quais profissionais realizam Terapia familiar?


Todos os conteúdos publicados no doctoralia.com.br, principalmente perguntas e respostas na área da medicina, têm caráter meramente informativo e não devem ser, em nenhuma circunstância, considerados como substitutos de aconselhamento médico.