Dra. Arnete Almeida Faria

Fonoaudiólogo mais

Rio de Janeiro 1 endereço

Número de registro: CRFa 13622

1 opinião

Consultório

Consultório particular
R. Conde de Bonfim 232 sala 204, Tijuca, Rio de Janeiro

Este especialista não oferece agendamento online neste endereço

Este especialista não fornece todas as informações que você precisa?

Mostrar outros fonoaudiólogos perto de mim

Serviços e preços

Os preços são para pacientes sem convênio médico

Serviços em destaque


R. Conde de Bonfim 232 sala 204, Rio de Janeiro

Consultório particular

Outros serviços


R. Conde de Bonfim 232 sala 204, Rio de Janeiro

Consultório particular



R. Conde de Bonfim 232 sala 204, Rio de Janeiro

Consultório particular

Experiência

Sobre mim

 
 Minha experiência profissional se iniciou em 2001, quando minhas filhas foram diagnosticadas com o Transtorno do Déficit de Atenção-Hiperativ...

Mostrar a descrição completa

Experiência em:

  • Linguagem

1 opinião de paciente

Classificação geral

Todas as opiniões são importantes, por isso os especialistas não podem pagar para alterar ou excluir uma opinião. Saiba mais.
U
Local: Consultório particular

Excelente profissional! Dedicada aos pacientes, além de sempre dar boas orientações aos pais!

Ocorreu um erro, tente outra vez

Dúvidas respondidas

4 dúvidas de pacientes respondidas na Doctoralia

Tenho um filho que tem defict de atenção e ele esta estudando num colégio que tem turno integral, ou seja fica o dia inteiro na escola e ele esta muito atrasado nas matérias gostaria de saber se não seria melhor ele estar em um colégio de turno normal e arrumar um professor particular para ele?

O déficit de atenção prejudica a memória e atenção, e memória e atenção são fundamentais para a aprendizagem. Recomendo uma avaliação fonoaudiológica para verificar se há alguma alteração na audição ou no processamento auditivo capaz de causar dificuldades em manter a atenção e memorizar as informações auditivas. É importante avaliar a linguagem oral (expressiva e receptiva), a leitura e a escrita. Como a leitura é muito exigida na aprendizagem, o deficit de atenção tem sido considerado um fator contribuinte nos problemas de linguagem escrita. A avaliação pedagógica pode analisar o método, o modo de estudo, as estratégias e recursos que possibilitem a criança a melhorar a aprendizagem. O acompanhamento médico também é muito importante.

Dra. Arnete Almeida Faria

Pergunta sobre Dislexia

Qualquer pessoa com dislexia pode consultar um psicólogo?

A dislexia é uma falta de habilidade na leitura e na escrita. O problema não é de origem comportamental, psicológica, motivacional ou social. A dislexia diagnosticada deve ser tratada pelo fonoaudiólogo. Dependendo de como o disléxico convive com sua dislexia, podem surgir problemas emocionais como baixa auto estima, ansiedade, depressão, agressividade. Nesse caso, faz-se necessário adicionar a psicoterapia ao tratamento.

Dra. Arnete Almeida Faria

Todos os conteúdos publicados no doctoralia.com.br, principalmente perguntas e respostas na área da medicina, têm caráter meramente informativo e não devem ser, em nenhuma circunstância, considerados como substitutos de aconselhamento médico.

Perguntas frequentes