Caio Reis, Psicólogo Salvador

Caio Reis

Psicólogo, Psicanalista mais

Número de registro: CRP 12266 / 03
4 opiniões

Salvar

Tempo estimado de resposta:

Não descuide da sua saúde

Escolha a consulta online para iniciar ou continuar o seu tratamento sem sair de casa. Se precisar, você também pode marcar uma consulta no consultório.

Mostrar especialistas Como funciona?

Consultório

Rua Dr. José Peroba, 349, Edifício Empresarial Costa azul, 14° andar, sala 1408, Costa Azul, Salvador
Centro de Psicanálise Escutar

Este especialista não oferece agendamento online neste endereço

Medidas de segurança neste consultório

Mostrar
Atende: adultos, crianças de qualquer idade
Dinheiro, Cartão de Crédito, Cartão de Débito
Convênios médicos aceitos neste endereço

Pacientes particulares (sem convênio)

FACHESF

FACHESF Saúde

Seguros Unimed


Não adicionou informações sobre seus serviços

Este especialista não fornece todas as informações que você precisa?

Mostrar outros psicólogos perto de mim

Experiência

Sobre mim

Caio Reis  (CRP - 03/12266) Psicanalista, Analista membro da Associação de Psicanálise da Bahia. Especialista em psicologia clínica. Mestrando em lin...

Mostrar a descrição completa

Experiência em:

  • Transtornos de Ansiedade
  • Depressão
  • Dependência afetiva
Veja mais

Tratar condições médicas

  • Ansiedade
  • Sintomas psicossomáticos
  • Bipolaridade
Mostrar mais doenças

Serviços

Sem informação sobre serviços e preços

Este especialista ainda não adicionou nenhuma informação sobre serviços

5

Classificação geral
4 opiniões

  • Pontualidade
  • Atenção
  • Clínicas e hospitais
Todas as opiniões são importantes, por isso os especialistas não podem pagar para alterar ou excluir uma opinião. Saiba mais.
G
Paciente verificado
Local: Centro de Psicanálise Escutar

Profissional atencioso. A cada consulta me sinto mais animada para as próximas. Sempre tenta me ajudar a achar o motivo do meu problema de uma forma imparcial e sensível. Grande profissional


G
Paciente verificado
Local: Centro de Psicanálise Escutar Tratamento da ansiedade

Um ótimo profissional, atencioso, cauteloso. Continuo fazendo análise e indico, tive melhora significativa. Um grande abraço Dr.


L
Paciente verificado
Local: Centro de Psicanálise Escutar Psicanálise

Profissional muito bom, conduz a terapia de forma leve porém me fez refletir o tempo todo. Me ajudou a conhecer mais a mim mesma.


Paciente verificado
Local: Centro de Psicanálise Escutar Primeira consulta Psicanálise

Profissional ético e comprometido em acolher e escutar seus pacientes. Recomendo este profissional para quem esteja com dificuldade em lidar com seus próprios conflitos.


Ocorreu um erro, tente outra vez

Dúvidas respondidas

15 dúvidas de pacientes respondidas na Doctoralia

Pergunta sobre Autismo

Minha filha foi diagnosticada com autismo ,pela falta de interesse em brincar com outras crianças e ainda naum fala( ela tem tres anos) o autismo dela e leve ,moderado, ou intenso?

É muito complexo fechar diagnóstico infantil. Para isso são necessários acolhimentos interdisciplinares. O autismo na sua manifestação de acordo com os manuais de diagnóstico, apresentam uma faixa de intensidade denominada "espectro", contudo é de fundamental importância considerar sempre, que qualquer sujeito seja por si só mais interessante e potente que qualquer nome dado para algum estado considerado patológico.

Caio Reis

Pergunta sobre Transtornos de ansiedade

Bom dia
Ao realizar uma consulta com o psiquiatra e passar a fazer uso de uma determinada medicação se faz necessário um acompnhamento pelo psicólogo???

Tudo vai depender de seu quadro clínico. Ou seja, se é algo pontual, se o medicamento é usado para aliviar sintomas, porém uma psicoterapia é necessária para compreender melhor a causa, dentre outros motivos no caso a caso. Enfim, o psiquiatra está apto a explicar essas questões ao paciente.

Caio Reis

Todos os conteúdos publicados no doctoralia.com.br, principalmente perguntas e respostas na área da medicina, têm caráter meramente informativo e não devem ser, em nenhuma circunstância, considerados como substitutos de aconselhamento médico.

Experiência

Sobre mim

Caio Reis  (CRP - 03/12266) Psicanalista, Analista membro da Associação de Psicanálise da Bahia. Especialista em psicologia clínica. Mestrando em lin...

Mostrar a descrição completa

Experiência em:

  • Transtornos de Ansiedade
  • Depressão
  • Dependência afetiva
Veja mais

Tratar condições médicas

  • Ansiedade
  • Sintomas psicossomáticos
  • Bipolaridade
Mostrar mais doenças

Artigos

Transtorno da ansiedade

Quando Freud começou a relatar suas primeiras impressões sobre quadros de ansiedade em seus pacientes, ele acreditava que essa era uma resposta do nosso inconsciente aos nossos conflitos internos e a situações comuns do nosso dia a dia e da nossa relação com o ambiente em que vivemos. Para tratar a ansiedade, Freud acreditava que a psicanálise era uma alternativa para evitar os problemas psicológicos e psiquiátricos relacionados a esse quadro clínico.


Transtornos psicossomáticos

A psicanálise não só deu origem a psicossomática e criou as bases para a terapia psicossomática, mas permanece sendo também para esta uma referência permanente e essencial. Embora a Psicossomática e Psicanálise estejam estreitamente ligadas, as duas ciências não se confundem (PRIMO, s.d). As contribuições da psicanálise para a teoria psicossomática são valiosas, no sentido de que qualquer que seja o momento de sua elaboração, a teoria psicossomática permanece estreitamente ligada à psicopatologia e mais especificamente à noção de psiconeurose. O estudo mais moderno da psicossomática apresenta uma visão integrada, ou seja, um olhar voltado para o indivíduo e não á doença.


Psicanálise

Como uma terapia, a psicanálise é baseada na observação de que os indivíduos muitas vezes desconhecem muitos dos fatores que determinam as suas emoções e funcionamento. Esses fatores inconscientes podem criar angústias, às vezes na forma de sintomas reconhecíveis e em outros momentos como traços de personalidade, perturbadoras dificuldades no trabalho ou nos relacionamentos amorosos, ou distúrbios de humor e auto-estima. O tratamento psicanalítico demonstra como esses fatores inconsciente estão relacionados ao funcionamento do sujeito no meio social. A psicanálise ajuda o sujeito a compreender melhor os arranjos de si com o outro e vice-versa. Seja na infância, adolescência ou fase adulta.


Depressão

A depressão é uma forma muito particular e avassaladora daquilo que corriqueiramente chamamos a dor de viver. Juntamente com a angústia e a dor propriamente dita, é uma constelação de afetos tão familiar que, como escreve Daniel Delouia, dificilmente conseguimos classificá-la entre os quadros clínicos da psicopatologia. À dor do tempo que corre arrastando consigo tudo o que o homem constrói, ao desamparo diante da voragem da vida que conduz à morte – que para o homem moderno representa o fim de tudo – a depressão contrapõe um outro tempo, já morto: um “tempo que não passa”, na expressão de J. Pontalis. O tratamento psicanalítico é pontual em todas as formas de depressão.

Veja todos os artigos

Pesquisas relacionadas