Gastrectomia total por câncer - Informações, especialistas e perguntas frequentes

A gastrectomia total é a retirada completa do estômago por tumores de corpo, fundo ou cárdia. A gastrectomia consiste da ressecção do tumor, com reconstrução imediata do trânsito intestinal, ligando o intestino à parte restante do estômago (gastrectomia parcial) ou ao esôfago (gastrectomia total). Às vezes há invasão direta de fígado, pâncreas e baço ou de outros órgãos ao redor do estômago. Neste caso é possível retirar a parte acometida destes órgãos junto com o estômago. Os gânglios linfáticos ao redor do estômago também podem ter que ser removidos. Esta cirurgia chama-se linfadenectomia. Mesmo em pacientes com câncer de estômago em fase mais avançada (quando há comprometimento de camadas mais profundas da parede gástrica), de órgãos vizinhos ou metástases à distância, existe benefício em retirar parte do estômago ou o órgão inteiro que contém o tumor. A cirurgia evita complicações como sangramentos ou obstrução à passagem de alimentos, permitindo melhor qualidade de vida ao paciente.

Especialistas em gastrectomia total por câncer

Encontre um especialista em Gastrectomia total por câncer na sua cidade:
Carlos Otavio Corso

Carlos Otavio Corso

Cirurgião geral

Porto Alegre

Agendar uma visita
Lucio Filgueiras Pacheco Moreira

Lucio Filgueiras Pacheco Moreira

Cirurgião do aparelho digestivo, Cirurgião geral

Rio de Janeiro

Agendar uma visita
Maurício Aguiar Reis

Maurício Aguiar Reis

Cirurgião do aparelho digestivo, Cirurgião geral

Santo André

Agendar uma visita
Marcello Giovani Cardoso Alves

Marcello Giovani Cardoso Alves

Cirurgião do aparelho digestivo, Cirurgião geral

São Paulo

Agendar uma visita
Tiago Riuji Ijichi

Tiago Riuji Ijichi

Cirurgião do aparelho digestivo, Cirurgião geral

São Paulo

Agendar uma visita
Andre Bouzas

Andre Bouzas

Cirurgião oncológico, Cirurgião geral, Oncologista

Salvador

Agendar uma visita

Perguntas sobre Gastrectomia total por câncer

Nossos especialistas responderam a 91 perguntas sobre Gastrectomia total por câncer

Dr. Ricardo Almeida
Dr. Ricardo Almeida
Cirurgião do aparelho digestivo, Cirurgião geral, Gastroenterologista
São Paulo
A perda de peso maior que 10% do peso habitual já classifica o paciente como desnutrido. Isso implica um maior risco de complicações pós-operatórias para cirurgias de grande porte. Um "reforço"…
2 respostas

Dr. Marcos Radtke
Dr. Marcos Radtke
Cirurgião do aparelho digestivo, Cirurgião geral
São Paulo
Pode ser desde algo mais simples, com um seroma (líquido de cicatrização da ferida) ou até uma eventração (quando os pontos internos afrouxam). Pergunte à equipe que o operou para maiores esclarecimentos.
1 respostas

Dr. Patrick Salomao scomparin
Dr. Patrick Salomao scomparin
Cirurgião do aparelho digestivo, Cirurgião geral
São Paulo
Ideal para cirurgia pelp menos maior que 10 hemoglobina, Nossa A equipe faz, problema que não poderemos usar cell saver se for câncer , podemos fazer eritropoietina e noripurum antes...precisa…
2 respostas

Especialistas falam sobre Gastrectomia total por câncer

Quando se retira o estômago em sua totalidade, geralmente por câncer (adenocarcinoma) chamamos esse procedimento de gastrectomia total. Ao retirar-se o estômago é realizada a ligação do esôfago ao intestino delgado jejuno reconstituindo o trânsito alimentar. É uma cirurgia de grande porte que geralmente é acompanhada de linfadenectomia que se trata da limpeza de gânglios linfáticos. Pode ser realizada por via aberta-corte clássico ou por videolaparoscopia- pequenos furos e com micro-câmera minha principal opção. As vantagens da via videolaparoscópica são muitas como menor dor pós-operatórias, menor tempo de internação, reabilitação precoce para o trabalho e desporto, além da estética.

Dr. Sergio Renato Pais-Costa

Oncologista, Cirurgião do aparelho digestivo

Brasília

Agendar uma visita

A gastrectomia videolaparoscópica é a retirada de uma parte ou a totalidade do estômago por uma técnica minimamente invasiva, utilizando uma câmera e pinças especiais para realizar a cirurgia sem a necessidade de realizar uma grande incisão (corte) no abdomen, o que proporciona uma recuperação mais rápida e menos dolorosa. Indicada para tratamento de doenças intestinais benignas como a úlcera ou malignas, como o adenocarcinoma de estômago.

Vinicius Vieira Simonetti

Cirurgião oncológico, Cirurgião geral

São Paulo

Agendar uma visita

Na gastrectomia total por câncer, é removido todo o estômago, linfonodos próximos e o omento, podendo incluir, ainda, existe possibilidade de remoção do baço e partes do esôfago, intestino, pâncreas e outros órgãos adjacentes. A extremidade do esôfago é então ligada a uma parte do intestino delgado, criando um espaço para o alimento ser armazenado antes de descer para o trato intestinal. Os pacientes que tiveram seu estômago removido só podem ingerir pequenas quantidades de alimento de cada vez, por isso devem comer várias vezes por dia. Tomar Vit B12 injetavel. A maioria das gastrectomias são realizadas através de uma grande incisão no abdome, podendo ser feita por videolaparoscopia.

Ronald Delgado

Cirurgião geral, Cirurgião oncológico

Salvador

Agendar uma visita

Quais profissionais realizam Gastrectomia total por câncer?

Todos os conteúdos publicados no doctoralia.com.br, principalmente perguntas e respostas na área da medicina, têm caráter meramente informativo e não devem ser, em nenhuma circunstância, considerados como substitutos de aconselhamento médico.