Carlos Alfredo Westphalen, Angiologista São Paulo

Dr. Carlos Alfredo Westphalen

Angiologista

Número de registro: CRM 17563 SP - RQE 3559
2 opiniões

Salvar


Não descuide da sua saúde

Escolha a consulta online para iniciar ou continuar o seu tratamento sem sair de casa. Se precisar, você também pode marcar uma consulta no consultório.

Mostrar especialistas Como funciona?

Consultório

Este especialista não oferece agendamento online neste endereço

Este especialista não fornece todas as informações que você precisa?

Mostrar outros angiologistas perto de mim

Experiência

Sobre mim

Sou um Medico com grande expertise e vasto conhecimento na área de Clinica Cirurgia Vascular Periférica com dedicação exclusiva há mais de 40 anos no ...

Mostrar a descrição completa

Experiência em:

  • Crioescleroterapia
  • Diagnóstico Vascular Não-Invasivo
  • Flebologia

Tratar condições médicas

  • Varizes nas pernas
  • Varizes
  • Pé Diabético
Mostrar mais doenças

Serviços e preços

Os preços são para pacientes sem convênio médico

Serviços populares

Primeira consulta Angiologia


Av: Pompeia 1124, São Paulo

Clinica Westphalen


Retorno de consultas Angiologia


Av: Pompeia 1124, São Paulo

Clinica Westphalen

Outros serviços

Escleroterapia


Av: Pompeia 1124, São Paulo

Clinica Westphalen


Primeira consulta Cirurgia Vascular


Av: Pompeia 1124, São Paulo

Clinica Westphalen


Primeira consulta Medicina Estetica


Av: Pompeia 1124, São Paulo

Clinica Westphalen

Opiniões dos pacientes

5

Classificação geral
2 opiniões

  • Pontualidade
  • Atenção
  • Clínicas e hospitais
J
Local: Clinica Westphalen Primeira consulta Medicina Estetica

Excelente profissional e mestre em saúde e conhecimento.Ele faz parte da Medicina da Longevidade,sou grata por ser sua paciente!


P
Local: Clinica Westphalen varizes

Pontos de melhoria
outros horarios


Ocorreu um erro, tente outra vez

Dúvidas respondidas

5 dúvidas de pacientes respondidas na Doctoralia


  • Pergunta sobre Trombose

    Boa noite!
    Minha mãe tem trombose na perna esquerda há 40 anos. ela também toma remédios para pressão alta(enalapril, hidroclotizel, atenolol, AAS, omeprazol) e o antidepressivo (fluoxetina).
    Mais ou menos 20 dias gripou e deve dengue também, e tomou o xarope Loratatina, deve que tirar o AAS por causa da dengue.
    há dois dias inchou o pé.
    Pergunto: foi porque por uma semana parou de tomar o AAS? O xarope Loratatina fez mal?
    O que devo fazer?

    Olá, provavelmente a sua mãe é portadora de um processo crônico de membros inferiores chamado Síndrome Post-Trombócia provavelmente houve recrudescimento desta patologia. Procure elevar os membros inferiores acima de 15 cm, usar um medicamento de nome Daflon 1.000 mg 2x ao dia e se necessário estamos atendendo presencialmente (somente urgências) em consultório , com os devidos equipamentos e conforme as normas determinadas pela Vigilância Sanitária

    Dr. Carlos Alfredo Westphalen

  • Pergunta sobre Vecasten

    Boa noite, estou com os pés inchado, faz 2 meses, comecei a tomar vecasten a uma semana, e ainda não fez efeito, é normal? Ou demora fazer efeito?

    Boa tarde,este é um bom medicamento porém precisa saber qual é a patologia (doença) diagnosticada. Há necessidade de exame presencial para determinar o tratamento mais adequado. No momento aumente para 3 x ao dia e use meia elástica, durma à noite com os pés elevados(+|- 15cm).

    Dr. Carlos Alfredo Westphalen

Todos os conteúdos publicados no doctoralia.com.br, principalmente perguntas e respostas na área da medicina, têm caráter meramente informativo e não devem ser, em nenhuma circunstância, considerados como substitutos de aconselhamento médico.

Experiência

Sobre mim

Sou um Medico com grande expertise e vasto conhecimento na área de Clinica Cirurgia Vascular Periférica com dedicação exclusiva há mais de 40 anos no ...

Mostrar a descrição completa

Experiência em:

  • Crioescleroterapia
  • Diagnóstico Vascular Não-Invasivo
  • Flebologia

Tratar condições médicas

  • Varizes nas pernas
  • Varizes
  • Pé Diabético
Mostrar mais doenças

Pesquisas relacionadas