Trombose - Informações, especialistas e perguntas frequentes

É chamado um trombo ao coágulo que retém os glóbulos vermelhos e obstrui os vasos sanguíneos. Quando a inflamação começa a ser grave, é chamada de trombose venosa profunda. Apenas 10% afeta os membros superiores, ou seja, 90% podem afetar as veias abdominais (do umbigo à virilha) e membros inferiores (da virilha até o tornozelo). A trombose é uma das causas de infarte do miocárdio agudo. Existem várias causas da trombose, tais como diabetes, obesidade, histórico da família, pacientes com varizes ou problemas de coagulação do sangue após a gravidez, ficar mais de quatro horas sentado sem movimentação (trabalho, avião), pacientes com quimioterapia ou pacientes dependentes e acamados. Tipos de trombose : trombose por precipitação, coagulação e trombose por hialina.

Não descuide da sua saúde

Escolha a consulta online para iniciar ou continuar o seu tratamento sem sair de casa. Se precisar, você também pode marcar uma consulta no consultório.

Mostrar especialistas Como funciona?

Especialistas - trombose

Encontre um especialista na sua cidade:
Edson Blanco de Oliveira Junior

Edson Blanco de Oliveira Junior

Cirurgião vascular

Cascavel

William Ramos Filho

William Ramos Filho

Angiologista, Cirurgião vascular

Governador Valadares

Diego Robson Da Silva

Diego Robson Da Silva

Angiologista, Cirurgião vascular

Sinop

PAOLO SCUDERI

PAOLO SCUDERI

Cirurgião vascular

Sorocaba

Natalia Teixeira Souza

Natalia Teixeira Souza

Hematologista

Jacareí

Guilherme Tarso De Andrade Alves

Guilherme Tarso De Andrade Alves

Angiologista, Cirurgião vascular

Natal

Perguntas sobre Trombose

Nossos especialistas responderam a 199 perguntas sobre Trombose

Sim, pode. Usar meias elásticas de compressão e manter o pé elevado quando em repouso também podem ajudar bastante a desinchar o local. Procure se certificar de que o inchaço não está sendo causado…
2 respostas


Olá, a trombose ainda está muito recente, o indicado é fazer repouso por mais 7 dias e ser reavalida pelo angiologista/cirurgião vascular. Vc poderá andar dentro de casa, ir ao banheiro, tomar…
3 respostas


Olá Boa Noite. Nenhuma interação medicamentosa clinicamente relevante foi reportada até o momento entre o daflon e outras medicações. Portanto, não há problemas em usá-las concomitantemente.…
2 respostas

Especialistas falam sobre Trombose

A Trombose Venosa Profunda (TVP) é uma doença potencialmente grave causada pela formação de coágulos (trombos) no interior das veias profundas. Na maior parte das vezes, o trombo se forma na panturrilha, ou batata da perna, mas pode também instalar-se nas coxas e, ocasionalmente nos membros superiores. A TVP pode ser uma causa de inchaço nas pernas e outros sintomas crônicos, podendo ser grave em sua fase aguda. O desprendimento do coágulo pode deslocar-se até o pulmão e obstruir uma artéria. Esse episódio é chamado de embolia pulmonar e, conforme o tamanho do coágulo pode ser muito grave.

Andre Pinotti

Cirurgião vascular

Valinhos


A Trombose Venosa Profunda (TVP) é a doença causada pela coagulação do sangue no interior das veias em um local ou momento não adequados. As veias mais comumente acometidas são as dos membros inferiores (cerca de 90% dos casos). Os sintomas mais comuns são o edema ( inchação) e a dor, mas muitas vezes é assintomática e de diagnóstico difícil. É uma patologia mais frequentemente associada a certas condições predisponentes – uso de anticoncepcionais ou tratamento hormonal, tabagismo, presença de varizes, insuficiência cardíaca, tumores malignos, obesidade, idade avançada e anormalidade genética do sistema de coagulação.

Guilherme Jonas Da Silva Ribeiro

Angiologista, Cirurgião vascular

Contagem

Agendar uma visita

A trombose é o sangue coagulado obstruindo a passagem do sangue pelo vaso. O quadro clínico é totalmente distinto a depender do vaso acometido: 1) A trombose arterial impede a irrigação do tecido (o sangue não chega com os nutrientes e oxigênio) e o tecido morre levando à gangrena distalmente ao local da obstrução. 2) A trombose venosa o sangue coagula dentro da veia (obstrui a drenagem de retorno ao coração) e o membro incha, neste caso o risco é de deslocamento súbito do coágulo que vai para o coração e pulmão levando à embolia pulmonar que pode ser fatal a depender do tamanho do coágulo, este caso é de internação para anticoagulação e estabilização do trombo.

Maira Souza

Angiologista, Cirurgião vascular

Aracaju

Agendar uma visita

Em casos extremos pode ser recomendado a cirurgia para a retirada do coágulo, mas para casos menos complicados é comum as injeções de Heparina e de remédios anticoagulantes via oral.

Clayton De Paula

Cirurgião vascular

Osasco


Portadores de Varizes têm maior risco de ter Trombose ? Sim. As Varizes dos membros inferiores constituem-se em fator de risco independente de Trombose Venosa Profunda (TVP). Calcula-se que o risco seja duas vezes maior em relação aos não portadores. Porém, a incidência de TVP relacionada com varizes diminui com a idade, ou seja, quanto mais velho o indivíduo, menor a ocorrência de trombose associada a veias varicosas. É importante lembrar do diagnóstico de Trombose em todo paciente que se apresentar com queixas de dor e edema (“inchaço”) nas pernas. Na dúvida, sempre procure o angiologista para orientações adequadas!

Marina Fonseca

Angiologista, Cirurgião vascular, Cirurgião geral

Belo Horizonte

Agendar uma visita

Caracterizada pela oclusão de uma veia (mais comum nos membros inferiores) por um trombo, ou coágulo. Pode decorrer sem uma causa inicialmente conhecida, nesse caso podendo haver uma doença genética ou uma neoplasia (câncer) que predisponha à trombose, ou após um longo período de imobilização (viagens longas, imobilização por gesso etc). É fundamental o seguimento com um cirurgião vascular, para o tratamento adequado e orientações sobre a doença.

Ivan Marcelo Martins

Cirurgião vascular

São Paulo

Agendar uma visita

É o desenvolvimento de um “coágulo de sangue” dentro de um vaso sanguíneo venoso, sendo as veias dos membros inferiores as mais atingidas. Os principais fatores de risco são: história de Trombose anterior ou embolia pulmonar, varizes, paralisia, anestesia geral ou raquideana prolongadas, cirurgias ortopédicas, fraturas, obesidade, quimioterapia, imobilização prolongada, uso de anticoncepcionais, gravidez, queimaduras, entre outros. Os sintomas mais comuns são: dor, inchaço, endurecimento do membro acometido, aumento de temperatura da pele no local da trombose, e em alguns casos, coloração azulada na(s) perna(s).

Denisson Macedo

Angiologista, Cirurgião vascular

Juazeiro


Nas veias os entupimentos podem ser causados por vários fatores, entre eles: hormônios, imobilizações, traumas entre outros, podendo causar embolia pulmonar (coagulo ir parar no pulmão) e até a morte, além de sequelas como dor nas pernas e inchaços além de varizes em membros inferiores. Nas artérias o entupimento pode acometer a aorta e/ou vasos das pernas e dos órgãos da barriga, trazendo problemas de falta de circulação, podendo causar dor nas pernas ao andar, dor ao repouso e até mesmo amputação. Quando o estreitamento ocorre no vaso que leva sangue para a cabeça (artéria carótida), pode ocasionar falta de circulação cerebral e derrames, com risco de sequelas ou até de morte.

Alexandre De Arruda Martins

Angiologista, Cirurgião vascular

São Paulo

Quais profissionais tratam Trombose?


Todos os conteúdos publicados no doctoralia.com.br, principalmente perguntas e respostas na área da medicina, têm caráter meramente informativo e não devem ser, em nenhuma circunstância, considerados como substitutos de aconselhamento médico.