Perguntas sobre Transtornos de déficit de atenção e do comportamento disruptivo

O que é?

Transtorno de déficit de atenção foi uma definição médica criada para descrever crianças sem foco, que quebram as regras e não conseguem direcionar sua vida. Porém, como esse comportamento não é exclusivo das crianças foi criada uma nova classificação internacional para enquadrar, por exemplo, os adultos que cometem crimes e fazem o uso de drogas a partir de transtornos da infância que não foram tratados de forma adequada. Essa disfunção foi nomeada de comportamento disruptivo, que tem suas principais ramificações no transtorno de conduta, transtorno do uso de substâncias e no transtorno desafiador de oposição. Ou seja, as crianças que não se enquadram nos modelos pré-estabelecidos tornam-se adultos que também são incapazes de se encaixar nos comportamentos sociais considerados adequados.

Transtorno do déficit de atenção

É um padrão apresentado por pessoas extremamente distraídas e com um estado de agitação além do comum. Normalmente acontece em crianças com idades entre seis e 12 anos podendo persistir até a vida adulta.

Transtorno de conduta

Por vezes é chamado de delinquência. Caracteriza-se por um padrão repetitivo de conduta social agressiva e desafiadora. Isso deve acontecer por ao menos seis meses para que o quadro possa ser diagnosticado dessa maneira. Trata-se de uma avaliação relativamente difícil, pois é subjetiva. Baseia-se em conceitos de moral e ética.

Transtorno do uso de substâncias

O comportamento agressivo e desafiador leva o paciente à dependência de substâncias químicas.

Transtorno desafiador de oposição

É um transtorno caracterizado pelo padrão de desobediência, desafiador e de comportamento hostil. Os pacientes discutem com todos à sua volta, não aceitam ordens e regras. Perdem facilmente o controle se seus desejos não forem atendidos.

Qual é a causa?

Não existe uma causa apontada como geradora desses comportamentos. Acredita-se que exista um fundo genético e biológico aliado ao fator ambiental.

Quais os sintomas?

Os principais sintomas presentes em todos os transtornos citados acima são a grande frequência de comportamentos agressivos e as violações habituais das regras.

Como fazer o diagnóstico?

Não há qualquer exame laboratorial ou de imagem que auxilie no diagnóstico, que deve ser feito com o exame clínico.

Qual o tratamento?

Psicoterapia e medicamentos são as opções disponíveis. Geralmente devem ser utilizadas em conjunto.

Você quer enviar sua pergunta?

Nossos especialistas responderam a 15 perguntas sobre Transtornos de déficit de atenção e do comportamento disruptivo

Este valor é muito curto. Deveria ter __LIMIT__ caracteres ou mais.

  • A sua pergunta será publicada de forma anônima.
  • Faça uma pergunta de saúde clara, objetiva seja breve.
  • A pergunta será enviada para todos os especialistas que utilizam este site e não para um profissional de saúde específico.
  • Este serviço não substitui uma consulta com um profissional de saúde. Se tiver algum problema ou urgência, dirija-se ao seu médico/especialista ou provedor de saúde da sua região.
  • Não são permitidas perguntas sobre casos específicos, nem pedidos de segunda opinião.

Iremos utilizá-lo para o notificar sobre a resposta, que não será publicada online.

Perguntas sobre Transtornos de déficit de atenção e do comportamento disruptivo

 Luciana Dias Nascimento
Luciana Dias Nascimento
Psicólogo
Salvador
Olá! O TDAH é um transtorno de aprendizagem. Ou seja, ele pode impactar negativamente na vida escolar da criança. Sendo assim, após concluído o diagnóstico é importante avaliar os níveis de prejuízos…
6 respostas

Dra. Mariana Pavani
Dra. Mariana Pavani
Psicanalista, Psicólogo
Campinas
Pode ser sim o famoso TDAH mas pode também não ser. Visite um bom psiquiatra infantil que avalie o seu filho e possa fazer um diagnóstico seguro. Também sugiro que você procure um bom Psicólogo…
5 respostas

Como essa dificuldade de concentração é algo que está te incomodando e talvez te trazendo prejuízos, recomendo que busque avaliação com psiquiatra para averiguar do que se trata:
-É uma…
7 respostas

 Deusa R. Matos
Deusa R. Matos
Psicólogo
São Paulo
Olá Padrões repetitivos de comportamento
e restritivos de atividades e interesses
São características do TEA.
De modo bem prático. EX: criança que tem interesse fixo restrito…
5 respostas

Olá Boa Tarde!
É fato que quando diagnosticado precocemente o resultado é sempre favorável!
Falando do adulto, podem ocorrer problemas de concentração e aprendizado na vida e que…
14 respostas

 Adna Rabelo
Adna Rabelo
Psicólogo
Rio de Janeiro
Olá, sua questão é muito pertinente, pois muitos sintomas são comuns em ambos os transtornos, especialmente no tocante a falta da atenção, concentração e memória. Como também já foi citado é…
7 respostas

È importante uma boa anamnese, em seguida os testes diagnósticos, como questionários de avaliação para os pais e professores, contribui para fechar diagnóstico. Essa avaliação é bom que seja…
14 respostas

O Transtorno de déficit de atenção e hiperatividade (TDAH) é um transtorno neurobiológico, de causas genéticas, que aparece na infância e, muitas vezes, se mantém ao longo da vida do indivíduo.…
9 respostas

 Ana Carolina Praça Cirino
Ana Carolina Praça Cirino
Psicólogo
Rio de Janeiro
Procure um neuropsicólogo para testagens.
11 respostas

Depois de feita uma avaliação neuropsicológica completa, o tratamento é feito baseado em acompanhamento psicoterápico e, se necessário, acompanhamento de um psiquiatra. Fico à disposição. Att,…
12 respostas