Quem tem transtorno de ansiedade tem que procurar um psicólogo ou psiquiatra?
Dr. Douglas Motta Calderoni
Dr. Douglas Motta Calderoni
Psiquiatra
São Paulo
Isso varia de cada caso. O psicólogo ira realizar um tratamento psicoterápico sem medicações, já o psiquiatra se for necessário poderá prescrever medicamentos.
Minha opinião pessoal é que o melhor seria passar primeiramente com um psiquiatra, ele avaliará se há a necessidade de um tratamento farmacológico ou não e se for o caso irá indicar que o paciente faça um acompanhamento psicoterápico também.

 Marcelo Marui Biondo
Marcelo Marui Biondo
Psiquiatra
São Paulo
Os dois tratamentos são possiveis e complementares. Para casos leves cabe um dos 2 profissionais, Psicologa ou Psiquiatra. Para casos graves os dois são mandatórios.

Uma equipe multidisciplinar é sempre bem vinda! A ansiedade com sintomas exacerbados, como taquicardia frequente, sudorese, irritabilidade e perturbação do sono, precisam ser medicados. O profissional habilitado para o tratamento medicamentoso é o psiquiatra. A psicoterapia, com o psicólogo dará conta das questões emocionais, buscando junto com o paciente possíveis causas para o desenvolvimento da ansiedade e elaborar estratégias para os sintomas e os conflitos sejam melhor elaborados, visando uma qualidade de vida melhor. Os dois profissionais são capacitados para o tratamento da ansiedade. Abraço, Daniela.

 Luiz Paulo Milani
Luiz Paulo Milani
Psicólogo
São Gabriel
Essa pergunta é muito frequente. Costumo responder o seguinte: Procure a psicoterapia, se for necessário intervenção medicamentosa, o profissional psicólogo encaminhará o paciente a um psiquiatra com recomendação ética pertinente.

Existem casos em que a psicoterapia, independente da abordagem utilizada, acaba suprindo sem o uso de psicofármacos. Se isso não ocorrer, o encaminhamento ocorrerá e haverá um equilíbrio entre os dois tipos de comportamento.

 Renata Pereira Garcia
Renata Pereira Garcia
Psicólogo
Rio Grande
Com certeza o cliente se beneficiará com ambos. Na maioria das vezes é necessário o uso de medicamentos, que só o psiquiatra poderá indicar.

 Ricardo B. Marques
Ricardo B. Marques
Psicanalista, Terapeuta complementar
Fortaleza
Depende. Psiquiatra é médico, e deve avaliar o transtorno de ansiedade (T.A.) do ponto de vista médico, numa visão mais organicista, tendendo a tratar basicamente com medicação. O psicólogo - assim como o psicanalista e outros psicoterapeutas (nem todo bom psicoterapeuta é psicólogo) - avalia o transtorno numa perspectiva mais emocional e comportamental, tratando o caso com psicoterapia. O ideal, portanto, seria começar consultando simultaneamente um psiquiatra e um psicoterapeuta. Importante considerar que o T.A. pode ou não precisar de intervenção medicamentosa, mas SEMPRE exigirá intervenção psicoterápica. A medicação, muitas vezes necessária, ajuda a aliviar sintomas, mas não proporciona uma solução definitiva para o problema; já a psicoterapia, especialmente as mais modernas (interventivas), e melhor ainda com apoio de técnicas como bio/neurofeedback, mindfulness ou mesmo hipnose, produz resultados extraordinários. Nas situações adequadas, o ideal é usar medicação e psicoterapia.

No meu entendimento, a pessoa que suspeita que possa sofrer do que é chamado de Transtorno de Ansiedade pode procurar tanto um psicólogo como um psiquiatra e ambos deveriam ajudá-lo no entendimento da sua questão e dos possíveis tratamentos, se fosse o caso. E se fosse o caso e os sintomas mais intensos e perdas na qualidade de vida, um tratamento medicamentoso através do médico psiquiatra seria muito recomendado, entretanto a conjugação com a psicoterapia poderia ajudar muito principalmente na recuperação de médio e longo prazo. Agora, se os sintomas são mais leves e suportáveis pela possa sem maiores perdas, a psicoterapia poderia ser suficiente para o restabelecimento do bem-estar e da saúde esperável.

O tratamento deve ser feito preferencialmente com os dois profissionais. Os dois profissionais se complementam.

 Natalia Marques Antunes
Natalia Marques Antunes
Psicólogo
São Paulo
Precisamos saber o quanto o transtorno de ansiedade interfere na sua vida profissional, familiar, social e afetivo relacional.

Por isso é fundamental uma avaliação com um profissional da sua confiança.

Com essa avaliação poderá definir se será necessário o tratamento medicamentoso ou somente Psicoterapia.

Abraços

Com os dois profissionais.

Att.

Dr. Nailton de Paula
Dr. Nailton de Paula
Psiquiatra
Salvador
Os transtornos de Ansiedade devem primeiro ser diagnosticados.
É preciso que um Médico avalie quais outras condições médicas gerais podem estar proporcionando sintomas ansiosos.
Por isso o Médico é diferente de um Psicólogo ou outros grandes profissionais da àrea.
Existem alterações hormonais que pode simular uma doença psiquiátrica.
O melhor é buscar uma avaliação realmente médica.

Abraço

Sim, o quanto antes.Com os dois profissionais você poderá ser avaliada com segurança e posteriormente tratada com psicoterapia, e se necessário medicamentos.
Pode acreditar que será um alívio.

Um abraço,

Dra Lilian

Dra. Paula Oliveira
Dra. Paula Oliveira
Psicólogo
Barbacena
Num primeiro momento ambos os profissionais - Psicólogo ou Psiquiatra - são capazes de avaliar a intensidade dos sintomas e o grau de interferência na vida do paciente, caso o paciente esteja manifestando reações somáticas advindas dos fatores ansiogênicos a conduta mais apropriada é avaliar a necessidade do uso do ansiolítico, isso em grau intenso de sofrimento. Somente estes profissionais poderão fazer esta análise, nem sempre indica-se a terapêutica medicamentosa, muitas vezes o trabalho do Psicólogo Clínico é capaz de reverter tais sintomas com a responsabilização subjetiva aplicada, por exemplo.
O trabalho deve ser em conjunto, Psiquiatra regula o uso do psicotrópico enquanto Psicólogo trabalha na origem dos sintomas que estão desencadeando os quadros de ansiedade, objetivando levar o paciente à elaboração e alteração daquilo que está prejudicando sua saúde mental. Mas cada caso é um caso.

 Daniel Carvalho
Daniel Carvalho
Psicólogo
São Bernardo do Campo
A principal diferença entre psicólogo e psiquiatra, é que o primeiro trabalha com psicoterapia (um conjunto de técnicas e estratégias terapêuticas que não incluem medicação), já o segundo, com farmacologia (medicamentos). O tratamento em conjunto costuma proporcionar resultados mais eficazes.
Qualquer um destes dois profissionais pode ser procurado para uma avaliação e se necessário, encaminhará o paciente para um tratamento em conjunto.

Dr. Geraldo Magela Oliveira Fernandes
Dr. Geraldo Magela Oliveira Fernandes
Terapeuta complementar
Uberlândia
São os profissionais especializados que melhor poderão ajudar.

Todo transtorno, síndrome, ou qualquer condição clínica envolvendo a situação psíquica da pessoa, tem um aspecto fisiológico e um psicológico. O primeiro se refere à parte física, orgânica da pessoa, o funcionamento do organismo, enquanto a segunda se refere aos pensamentos, sentimentos, aspectos sociais do sujeito. Assim sendo, tanto o Psiquiatra quanto o Psicólogo são importantes no tratamento do referido transtorno de ansiedade. Recomendo procurar um profissional médico de sua confiança, para que este faça o encaminhamento apropriado.

Psicólogo sem sombra de dúvidas, e psiquiatra se seu transtorno estiver te tornando disfuncional pro que fazia antes e que seria bom continuar fazendo, e isso pode ser decidido junto com o psicólogo.

As terapêuticas de apoio ao paciente e ao sofrimento devem ser em principio multidisciplinares.

Existem ansiedades que são causadas por conflitos emocionais e que fazem surgir sintomas no organismo.
A sudorese, o estreitamento da consciência, as pontas dos dedos geladas e o coração apertado são alguns do indicadores somático avisando que as coisas não estão bem e os afetos precisam ser regulados. Esta é a visão da psicoterapia breve focal.
Abçs,

sao dois tratamentos distintos, Psiquiatria com o farmacológico, que age reacao neuroquimica biologicamente, aliviando os sintomas . E o Psicológico agevna causa e mantenedores relacionado a modo de funcionar mental, seja ex:s crencas que o modo como se ver, mas grosseiramente seria definida com aquelas frases repetidas nos , "eu sempre estou só" ninguem me ajuda" ou imagem de si mesmo etc. T esseTransforma um tipo de comando mental, que prepara que se tranforma ou em adrenalina, cortizol, ocitocina, pois é assim que nosso corpo funciona, nos preparando para reagir. Entao a Psicoterapia age quimicamente atraves do autoconhecimento tecnicas afim de aja uma homeostase funcional. Pois nosso organismo sempre procura o equilibro através das menssagem enviada, reais ou nao, seja de seguranca ou perigo. O tratamento ideal seria o combinado Psicoterapia e Psiquiatria.

Dr. Geime Rozanski
Dr. Geime Rozanski
Psicólogo, Terapeuta complementar
Porto Alegre
A busca por um Psicólogo ou Psiquiatra é para recuperar a autonomia em sua decisões e ações.
Ambos podem conduzir a esta recuperação, basta que mantenha o livre arbítrio sobre um ou sobre o outro.

Dr. Jorge Rodrigues da Silva
Dr. Jorge Rodrigues da Silva
Médico acupunturista, Homeopata
São Paulo
Transtornos de ansiedade pode ser tratado com o psiquiatra, psicologo e tambem com a homeopatia e fitoterapia.

 Dínerson Fiuza
Dínerson Fiuza
Psicólogo, Sexólogo
São Paulo
Tanto faz, porque se procurar um psicólogo e for um caso mto severo, com uma intensidade mto grande, o mesmo encaminhara a um psiquiatra para que seja feita uma intervenção medicamentosa. Caso contrário, um psicólogo com um bom conhecimento e atualizado, conseguirá tratar e acompanhar o paciente em questão

Especialistas em Transtornos de Ansiedade

Maria Tereza Gomes Rosa

Maria Tereza Gomes Rosa

Psiquiatra

Atibaia

Viviane Huruta

Viviane Huruta

Psiquiatra

Jundiaí

Luan Gramelich Pogian

Luan Gramelich Pogian

Psiquiatra

São Paulo

Marcelo Honda Yamamoto

Marcelo Honda Yamamoto

Psiquiatra

Telêmaco Borba

Julia Fonseca Farage Saito

Julia Fonseca Farage Saito

Psiquiatra

Cascavel

Luis Falivene Roberto Alves

Luis Falivene Roberto Alves

Psiquiatra

Campinas

Perguntas relacionadas

Você quer enviar sua pergunta?

Nossos especialistas responderam a 247 perguntas sobre Transtornos de Ansiedade

Este valor é muito curto. Deveria ter __LIMIT__ caracteres ou mais.

  • A sua pergunta será publicada de forma anônima.
  • Faça uma pergunta de saúde clara, objetiva seja breve.
  • A pergunta será enviada para todos os especialistas que utilizam este site e não para um profissional de saúde específico.
  • Este serviço não substitui uma consulta com um profissional de saúde. Se tiver algum problema ou urgência, dirija-se ao seu médico/especialista ou provedor de saúde da sua região.
  • Não são permitidas perguntas sobre casos específicos, nem pedidos de segunda opinião.

Iremos utilizá-lo para o notificar sobre a resposta, que não será publicada online.
Todos os conteúdos publicados no doctoralia.com.br, principalmente perguntas e respostas na área da medicina, têm caráter meramente informativo e não devem ser, em nenhuma circunstância, considerados como substitutos de aconselhamento médico.