Meu ex arrumou uma namorada e eu não consigo aceitar que minha filha tenha que se relacionar com ela

20 respostas
Meu ex arrumou uma namorada e eu não consigo aceitar que minha filha tenha que se relacionar com ela. Tenho ciúmes da minha filha.
Nesses momentos, apesar dos sentimentos que você tiver, é fundamental refletir sobre o que é importante para a tua filha também, ter um relacionamento saudável com os pais é importante em todas as fases do desenvolvimento, e a maneira como os pais se relacionam um com o outro e com as outras pessoas vai influenciar inclusive os relacionamentos dela quando adulta. Pais conseguem fazer muitas coisas pelo bem dos seus filhos, imagino que mesmo sendo difícil é muito importante você fazer essa reflexão. E, se encontrar dificuldades talvez seja o momento de procurar a ajuda de um profissional psicólogo para te ajudar a compreender melhor esses sentimentos e como lidar de uma maneira mais saudável com essa situação.

Tire todas as dúvidas durante a consulta online

Se precisar de aconselhamento de um especialista, marque uma consulta online. Você terá todas as respostas sem sair de casa.

Mostrar especialistas Como funciona?
Esta dificuldade de perceber que o outro seguiu em frente, pode estar atrelado com a minha dependência de fatores externos para estar bem, com o passar do tempo ficamos buscando saber se está tudo bem para depois seguir em frente. Ter este desconforto faz com que você fique buscando situações e criando possibilidades no seu pensamento, talvez estas possibilidades sejam catastróficas. Vale a pena pensar, porque eu tenho este medo? Ter este medo irá proteger minha filha de não me abandonar? Será que este meu medo tem a ver com minha insegurança de perdê-la?
Avaliar tudo isso, porque sabemos que isso passa por nossa cabeça, para prever e antecipar possíveis problemas, sabemos também que prever e antecipar tem a ver com um sintoma de ansiedade e para melhor interpretação é importante buscar apoio de uma psicólogo, o psicólogo cognitivo comportamental, irá te auxiliar e passar estratégias, para lidar com situações desconfortáveis da vida.
Busque exercitar sua autoestima, cuidar-se, fazer exercícios físicos, não tentar ficar buscando um solução sozinha para seus pensamentos que isso poderia te trazer ainda mais desespero. Busque conversar com amigos e familiares, além do atendimento psicológico.

Olá ! Você está falando de um novo arranjo na sua vida familiar q faz com q vc tenha q lidar com esse sentimento de ciúmes em relação a sua filha. Acredito q para poder cuidar bem dela, primeiro vc teria q cuidar de vc mesma, contando com a ajuda de um profissional em saúde mental, recomendo um psicanalista, que possa entender com você seus sentimentos. Muitas vezes, esses sentimentos q são tão intensos, são reedições de outros em outro tempo. Falar disso e localizar o q está em jogo te ajudará nesse desafio q vc enfrenta.
Um abraço.

Recomendo que procure um profissional de saúde mental para falar sobre essa questão.

Olá! Sim, pode sentir ciúmes da tua filha, está tudo bem. É um sentimento natural e que pode ser administrado. É muito saudável para todos vocês que tua filha se dê bem com a namorada do pai, assim como seria se tivesse um namorado também. Se isso não for possível ou estiver gerando muito sofrimento, procure ajuda de uma psicóloga. Um abraço
Convidamo-lo para uma consulta: Consulta psicológica online - R$ 160
Pode reservar uma consulta através do site Doctoralia, clicando no botão Reservar uma consulta.

Olá. O término de relacionamento costuma deixar feridas emocionais. A raiva, ciúmes, baixa estima ficam mais expostos. Nossos pensamentos e emoções ficam mais vulneráveis, e com isso nos sentimos mais inseguros e desprotegidos, dificultando ainda mais a retomada da vida com normalidade e paz.
Teu interesse em compreender o que está acontecendo contigo mostra teu interesse em superar esses conflitos para o bem de tua filha e em consequência teu próprio bem.
Sugiro que inicie uma terapia para a partir do autoconhecimento fortalecer tua capacidade de enfrentamento e solução dessas emoções conflitivas. Tenho certeza que vais produzir uma melhor qualidade de vida emocional para ti e tua filha.
Um forte abraço e conte comigo.

Apesar de estar sendo difícil pra você, é importante que neste momento vocês tenham uma relação saudável, sua filha terá um melhor desenvolvimento emocional, porque é muito difícil pra criança as brigas do casal, busque ajuda profissional, isso ajudará vc a se fortalecer, e compreender melhor esse seu momento. Um abraço.

Poder falar desses afetos te ajudará a dar um sentido para o que sente.

Olá, vc precisa deixar sua filha seguir em frente.Os filhos não são nossos!Os nossos filhos são do mundo! cuide-se, procure uma escuta psicanalitica. É uma atitude sabia, é um investimento muito maior do que vc imagina! Abraço

Olá!
Há muitos sentimentos envolvidos na situação que relatas que precisam ser enfrentados para que esta situação não te impeça de seguir em frente e permita que tua filha possa viver de maneira livre seus relacionamentos com quem se relaciona com o pai dela. Quem não quer que nossos filhos sejam bem tratados e acolhidos por onde passam, não é? Então, se sua filha estiver liberada de um conflito de fidelidade a ti, é provável que seja receptiva a esta situação e se houver qualquer situação que a incomode, vai conseguir trazer pra ti.
Ou seja, para que ela não sofra num conflito de fidelidade ao teu amor, precise ser porta-voz das tuas emoções se limitando na relação com o pai, não te esconda o que vivencia de bom ou ruim, tu precisas atentar aos teus sentimentos. Fora isto, o amor que ela receber fará bem. Mas importante é se perguntar se o teu ciúmes faz bem para a relação de vocês duas!
Ter um espaço para elaborar tuas questões pode te ajudar muito! Um análise com psicólog@ psicanalista é um bom caminho!
Convidamo-lo para uma consulta: Telemedicina - R$ 100
Pode reservar uma consulta através do site Doctoralia, clicando no botão Reservar uma consulta.

Olá, boa tarde!

Aconselho a procurar ajuda de um psicólogo.
É Importante entender que cada família tem características próprias que caracterizam maneiras distintas de adequação ao novo convívio. O que é fundamental é não subestimar pequenos conflitos, afim de que eles não venham a causar danos maiores tanto para criança quanto para você na construção de uma nova oportunidade de vida.

Boa sorte!!!

Boa noite.
O fim de um relacionamento sempre é muito complicado, sabemos que existe uma dor que sempre aparece em meio a tudo isso. No seu caso ainda existe o recomeçar de outra pessoa e a possibilidade de um filho se relacionar com esse novo par do antigo parceiro (a).
Aconselho que busque por psicoterapia para compreender melhor o que sente, quais são as questões que aparecem junto a esse sentimento de ciúme. Se é uma insegurança consigo a respeito da preferência da filha por alguém, ou até mesmo um apego ou sentimento de posse por ela. Enfim, nesse campo surgem inúmeras possibilidades que precisam ser trabalhadas.
Busque se compreender, busque um psicoterapeuta.
Abraço.
Convidamo-lo para uma consulta: Telemedicina - R$ 120
Pode reservar uma consulta através do site Doctoralia, clicando no botão Reservar uma consulta.

Boa noite. Você reconhecer esse sentimento de insegurança já é um excelente passo pra você vencê-la. Quem não fica inseguro com questões novas a serem administradas? Como os colegas já disseram a criança precisa beber nas duas fontes: do pai e da mãe. Não pode entrar em conflito de lealdade e ficar culpada de estar traindo a mãe estando com a namorada do pai. As crianças que não podem viver isso sem culpa costumam interromper a comunicação espontânea e isso é muito ruim para uma criança, que tem na sua essência a autenticidade. Por mais que seja difícil vc administrar isso é importante que vc proteja a sua filha deixando-a livre para viver a realidade e Tbem proteja a Sua criança ferida procurando uma ajuda psicoterapeutica. Espero ter ajudado!

Não é fácil lidar com o fim de um relacionamento. É importante que busque uma terapia com psicólogo ou psicanalista para que tenha um espaço de escuta e acolhimento. Em relação a sua filha já foi muito bem colocado pelos colegas. Reflita e busque cuidar de você. Um abraço!

Olá. Seus sentimentos são legítimos, mas é importante considerar que sua filha terá de conviver com os novos parceiros de seus pais. Se você ajudá-la a passar por tudo isso de forma tranquila, ela lembrará do seu apoio e se sentirá segura quanto a novos contatos afetivos. Você tem o seu lugar na vida dela e, agindo com equilíbrio e amor, ela saberá que pode contar com você. Boa sorte.

Boa tarde, é natural que a separação promova muito sofrimento, confusão, ciúmes, medo de ficar só e sensação de impotência. E nem sempre é possível elaborar todos esses sentimentos sozinha. Se existirem filhos, é muito importante manter a estabilidade emocional e tentar não envolver eles nisso. Mas, as vezes as angustias e aflições transbordam, especialmente se ainda estamos ligados emocionalmente a pessoa. Assim, procure um analista que te ajude a realizar o luto e a tocar a vida em frente.
Convidamo-lo para uma consulta: Consulta psicanalise online - R$ 100
Pode reservar uma consulta através do site Doctoralia, clicando no botão Reservar uma consulta.

Procure um psicólogo (a) para tratar esse sentimento de ciúme que é completamente compreensível, mas que se não tiver um bom manejo pode trazer prejuízos para sua filha e claro para você mesma.

Boa tarde. Devemos entender que é natural sentirmos determinadas emoções. Além disto, não é porque sentimos raiva que devemos necessariamente agir pela emoção. Recomendo que você busque um profissional de psicologia para avaliar sua demanda. As vezes não conseguimos lidar com determinadas emoções e nos prejudicamos.

Olá
Imagino que deva ser difícil para você, o ciúmes é um sentimento doloroso.
Provavelmente existem alguma inseguranças que você poderá trabalhar com um psicólogo. Com certeza você poderá superar esse momento.
boa sorte

Olá. Término de relacionamentos, mesmo quando desejados, podem causar ambivalência de sentimentos. Você relatou ter ciúmes da filha com a nova organização familiar que o pai fez . .
Tenta perceber em que momento e de que forma vem está emoção em teu pensamento ? preste atenção se é p q está sem fazer nada , ou aparecem imagens intrusas, a todo momento é muito importante investigar , este é o primeiro passo para a regulação emocional e acomodação do que está sentindo . Caso não consiga acomodar sozinha , e ficar ruminando cenas em seu pensamento , procure um psicólogo , pois te ajudará a superar e reorganizar este momento sem causar afastamentos de pessoas que são importantes para você.

Especialistas

Perguntas relacionadas

Você quer enviar sua pergunta?

Nossos especialistas responderam a 118 perguntas sobre Terapia de Casal

Este valor é muito curto. Deveria ter __LIMIT__ caracteres ou mais.

  • A sua pergunta será publicada de forma anônima.
  • Faça uma pergunta de saúde clara, objetiva seja breve.
  • A pergunta será enviada para todos os especialistas que utilizam este site e não para um profissional de saúde específico.
  • Este serviço não substitui uma consulta com um profissional de saúde. Se tiver algum problema ou urgência, dirija-se ao seu médico/especialista ou provedor de saúde da sua região.
  • Não são permitidas perguntas sobre casos específicos, nem pedidos de segunda opinião.

Escolha a especialidade dos profissionais que podem responder sua dúvida
Iremos utilizá-lo para o notificar sobre a resposta, que não será publicada online.
Todos os conteúdos publicados no doctoralia.com.br, principalmente perguntas e respostas na área da medicina, têm caráter meramente informativo e não devem ser, em nenhuma circunstância, considerados como substitutos de aconselhamento médico.