Alergia dermatológica - Informações, especialistas e perguntas frequentes

Não descuide da sua saúde

Escolha a consulta online para iniciar ou continuar o seu tratamento sem sair de casa. Se precisar, você também pode marcar uma consulta no consultório.

Mostrar especialistas Como funciona?

Especialistas - alergia dermatológica

Encontre um especialista na sua cidade:
Omar Lupi da Rosa Santos

Omar Lupi da Rosa Santos

Dermatologista

Rio de Janeiro

Anthony Kudsi Rodrigues

Anthony Kudsi Rodrigues

Alergista, Dermatologista

Rio de Janeiro

Paula Voltarelli

Paula Voltarelli

Dermatologista

São Paulo

Ricardo Sousa

Ricardo Sousa

Dermatologista

Santo André

Reynaldo Herdy

Reynaldo Herdy

Dermatologista

Nova Friburgo

Rochelle Frizon

Rochelle Frizon

Dermatologista

Belo Horizonte

Perguntas sobre Alergia dermatológica

Nossos especialistas responderam a 75 perguntas sobre Alergia dermatológica

Dra. Mariana Ormay
Dra. Mariana Ormay
Dermatologista
Rio de Janeiro
Lavar o rosto com água e sabão neutro, tomar anti alérgico e procurar médico para melhor avaliação.
1 respostas

O Dermato poderia lhe ajudar nessas queixas.
Muitas vezes temos urticárias colinergicas e sensibilidade a oscilações de temperatura
Se for necessário após a anamnese poderia ser…
1 respostas

Dra. Leticia Botigeli Baldim
Dra. Leticia Botigeli Baldim
Dermatologista
Piracicaba
Olá! Nesse momento delicado em que todos os cuidados são necessários, o maior uso do álcool (gel/líquido) pode acarretar ressecamento das mãos, com surgimento de vermelhidão/outros sintomas.…
1 respostas

Especialistas falam sobre Alergia Dermatológica

Entenda melhor quais as reações alérgicas às picadas de insetos: O tratamento sugerido para as crises é a associação de anti-histamínicos orais e corticosteroides tópicos. Não é indicada a automedicação, pois existem pomadas de anti-histamínicos, por exemplo, que podem ser fotossensibilizantes, ou seja, quando a pessoa sai em ambiente ensolarado pode provocar queimaduras. Essa informação somente o especialista pode fornecer. Não é incomum o paciente comprar pomadas com associação de corticosteroides e outras substâncias que não tem nada a ver com picada de inseto, e portanto pode piorar a lesão. A orientação, portanto, é procurar um médico especialista que possa indicar o melhor tratamento.

Rosane Bleivas Bergwerk

Alergista, Pediatra, Pneumologista pediátrico

São Paulo

Agendar uma visita

Quase todos os dias atendo pelo menos um paciente com algum tipo de alergia de pele. A mais frequente na região de Curitiba é a dermatite atópica. Esta é tão comum que, muitas vezes, o paciente já chega com o diagnóstico, desejando obter orientações a respeito de seu tratamento. Tenho extensa experiência no diagnóstico e tratamento da dermatite atópica e de todas as outras alergias de pele.

André Lauth

Dermatologista

Curitiba

Agendar uma visita

A alergia na pele se apresenta como uma reação inflamatória que pode manifestar-se na pele de diferentes regiões do corpo. Mãos, pés, boca, braços, pescoço, pernas, costas ou barriga são as áreas mais comumente afetadas. Ela pode causar sintomas como vermelhidão, coceira e bolinhas brancas ou avermelhadas na pele. Além disso, em alguns casos a alergia na pele pode levar a outros problemas como angioedema alérgico por exemplo. A alergia na pele pode ter diferentes causas Procure sempre um Dermatologista.

Luciane Pesqueira

Generalista, Especialista em medicina estética

São Paulo

Agendar uma visita

A dermatite atópica é uma doença inflamatória, comum em bebês e crianças.Geralmente, está muito relacionada à genética e associada a doenças como asma e rinite alérgica. Comumente começa na infância, podendo melhorar até a fase adulta. A pele é seca e sensível e há muito prurido (“coceira”). Geralmente, as lesões aparecem no rosto, pescoço, atrás dos joelhos, na região dos cotovelos, nádegas. Há períodos de melhora e exacerbação com crises de coceira, descamação, rachaduras e vermelhidão na pele. Ela não tem cura, mas é possível controlar os sintomas. É importante tomar banhos rápidos e mornos, usar pouco sabonete e bastante hidratante. Nas crises, há opções de pomadas e antialérgicos orais.

Caroline Batista

Dermatologista

Sete Lagoas


A Dermatite atópica ou Dermatite alérgica acomete 10% de nossas crianças, pode durar até a adolescência. Até hoje não tem cura, porém tem tratamento pois já se conhece seus mecanismos. Sabe-se que tem carácter genético. Estudos recentes indicam que seja devido a um defeito na barreira cutânea. Por esse motivo deve-se evitar uso de sabonetes abrasivos, banhos quentes, prolongados. Deve-se fazer uso de creme hidratante com boa frequência. Nos últimos 15 anos alguns estudos indicaram uma relação cronológica entre dermatite alergica, rinite alérgica e asma. Esta relação foi chamada de marcha atópica porque os indivíduos que tem dermatite atópica geralmente vão desenvolver rinite alérgica e asma.

Eduardo Duque Estrada Medeiros

Generalista, Especialista em medicina estética


Alergia é uma resposta de defesa exagerada do sistema imune. As causas mais comuns de alergia de pele são: 1- dermatite atópica: tendência genética em ter a pele seca, muita coceira, erupções nas dobras dos braços e atrás dos joelhos. 2- dermatite de contato: inflamação decorrente da exposição a um agente capaz de causar irritação ou alergia. O diagnóstico pode ser esclarecido pelo teste alérgico de contato (aplicação das substâncias na pele das costas para tentar induzir uma alergia no local). 3- urticária: lesões avermelhadas e inchadas, como vergões com muita coceira. pode ser induzida por medicamentos, alimentos, infecções,causas físicas (calor, frio, sol, água) e sem causa definida.

Nivea Godinho Alves De Souza

Dermatologista

Paulínia


Como dermatite contato, dermatite atópica. Que causam coceira , manchas na pele feridas.

Karla Vianna De Souza

Alergista

Rio de Janeiro


Há diversas formas de manifestação de alergias na pele, e muitas vezes chamamos de alergia, sem que realmente se trate de uma. Um exame físico e história clínica completos, feitas por dermatologista, são necessários para excluir outras doenças de pele que não se tratem de alergia, o correto diagnóstico e a individualização da investigação para avaliar a real causa e como evitar sua recorrência.

Fernanda H Mello De Souza Klein

Dermatologista

Curitiba


Alergias de pele é algo que acontece com grande frequência e pode se iniciar em qualquer idade. Muitas vezes com comprometimento das atividades diárias. Existem tratamentos para melhora do problema e exames que ajudam a detectar a causa, deixando o paciente saber o que deve evitar no dia a dia.

A identificação do tipo de alergia e a causa da alergia é muito importante para iniciar um tratamento. Exames complementares como Teste de contato alérgico podem ser necessários. Diversos tratamentos podem ser propostos, atingindo bons resultados.

Isabela Pitta Rodrigues Corrêa

Generalista, Especialista em medicina estética

Curitiba


O dia a dia do dermatologista é atender pacientes crianças e adultos com alergias de pele. Elas se manifestam por pequenas lesões avermelhadas e que costumam coçar, no rosto, mãos, braços e corpo. Durante a consulta e através de alguns exames, pode ser identificada a causa da alergia, para indicarmos o tratamento mais adequado, que inclui alguns cremes e medicamentos via oral.

Murilo Calvo Peretti

Dermatologista

Presidente Prudente

Quais profissionais tratam Alergia dermatológica?


Todos os conteúdos publicados no doctoralia.com.br, principalmente perguntas e respostas na área da medicina, têm caráter meramente informativo e não devem ser, em nenhuma circunstância, considerados como substitutos de aconselhamento médico.