Trabalho de parto prematuro - Informações, especialistas e perguntas frequentes

Não descuide da sua saúde

Escolha a consulta online para iniciar ou continuar o seu tratamento sem sair de casa. Se precisar, você também pode marcar uma consulta no consultório.

Mostrar especialistas Como funciona?

Especialistas - trabalho de parto prematuro

Encontre um especialista na sua cidade:
Carlos Alberto Lopes

Carlos Alberto Lopes

Anestesiologista

Itápolis

Edson Luciano Rudey

Edson Luciano Rudey

Ginecologista

Maringá

Bárbara Caiado

Bárbara Caiado

Ginecologista

Recife

Najla Omar Smaili

Najla Omar Smaili

Ginecologista

São Paulo

CRISTINA RITTER

CRISTINA RITTER

Ginecologista

Caxias Do Sul

Guacyra Muzzi

Guacyra Muzzi

Anestesiologista

Vitória

Perguntas sobre Trabalho de parto prematuro

Nossos especialistas responderam a 5 perguntas sobre Trabalho de parto prematuro

Neste caso você poderá antecipar a próxima dose do Utrogestan vaginal mas é provável que alguma parte do medicamento utilizado já foi absorvida sim após a aplicação.
Converse com seu médico…
1 respostas


Sim, ainda existe essa possibilidade. A intenção do tratamento é tentar postergar ao máximo o nascimento do bebê, para caso mesmo que ocorra um trabalho de parto prematuro, esse seja mais tardio.…
2 respostas


Importante ressaltar também que com um acompanhamento adequado e um tratamento direcionado para o seu caso pode trazer grandes benefícios em gestações futuras, possivelmente postergando a idade…
2 respostas

Especialistas falam sobre Trabalho De Parto Prematuro

O Trabalho de Parto Prematuro com o nascimento de bebês prematuros podem ocorrer em aproximadamente 10-15% de todas as gestações. Muitas vezes ocorre na primeira gravidez de mulheres com baixo risco, portanto é de difícil prevenção. Um procedimento muito importante que pode e deve ser feito para a triagem de gestantes com alto risco de parto prematuro durante a gravidez é a realização da medida do comprimento do colo do útero no momento da realização da ultrassonografia morfológica fetal do segundo trimestre entre 20 e 24 semanas de gestação para assim identificar a presença de COLO uterino CURTO que aumentará o risco de Parto Prematuro antes de 34 semanas de gravidez.

Roberto Buenfil De Faria

Ginecologista

São Paulo

Quais profissionais tratam Trabalho de parto prematuro?


Todos os conteúdos publicados no doctoralia.com.br, principalmente perguntas e respostas na área da medicina, têm caráter meramente informativo e não devem ser, em nenhuma circunstância, considerados como substitutos de aconselhamento médico.