Síndromes do olho seco - Informações, especialistas e perguntas frequentes

Não descuide da sua saúde

Escolha a consulta online para iniciar ou continuar o seu tratamento sem sair de casa. Se precisar, você também pode marcar uma consulta no consultório.

Mostrar especialistas Como funciona?

Especialistas - síndromes do olho seco

Lucia Helena Meluzzi Xavier

Lucia Helena Meluzzi Xavier

Oftalmologista

Goiânia

 Joao Carlos Rodrigues de Melo

Joao Carlos Rodrigues de Melo

Oftalmologista

Goiânia

Newton de Matos Vale

Newton de Matos Vale

Oftalmologista

Juiz de Fora

Romeu Chiaramelli

Romeu Chiaramelli

Oftalmologista, Médico do trabalho

São Sebastião Do Paraíso

Guilherme Hermeto Ferrara de Almeida Cunha

Guilherme Hermeto Ferrara de Almeida Cunha

Oftalmologista

Belo Horizonte

José Barbieri Júnior

José Barbieri Júnior

Oftalmologista

Araraquara

Perguntas sobre Síndromes do olho seco

Nossos especialistas responderam a 62 perguntas sobre Síndromes do olho seco

Olho seco causa mais sensação de queimação! a pior consequência pode ser ulceração da córnea.
1 respostas


Olá! O Hyabak é 1 colírio lubrificante sem conservantes. Deixar na geladeira é 1 opção se você estiver com conjuntivite para ajudar a diminuir o inchaço, mas não é obrigatório.
1 respostas


Siga a prescrição médica. Em alguns casos, antibiótico pode ser passado de hora em hora e precisa seguir à risca. Na dúvida, fale com o médico dela.
2 respostas

Especialistas falam sobre Síndromes Do Olho Seco

Trata-se da alteração na qualidade e ou quantidade da lágrima, que umedece, protege, oxigena e limpa o epitélio corneano (membrana que reveste a córnea) e a conjuntiva (membrana que recobre o globo ocular), além de manter a transparência da córnea, que é essencial à boa visão.  Em 80% dos casos ocorre nos dois olhos ao mesmo tempo. Pode manifestar-se em qualquer época, mas no outono e inverno, pela baixa umidade do ar, tende a se intensificar. Os sintomas do olho seco são ardência, secreção ocular, coceira, queimação, olhos vermelhos e irritados, visão borrada que melhora com o piscar, sensibilidade à luz, desconforto depois de ver televisão e ler ou trabalhar ao computador.

Renato Garcia

Oftalmologista

São Paulo

Agendar uma visita

O Olho Seco foi recentemente redefinido como uma doença multifatorial da superfície ocular caracterizada pela perda de homeostase do filme lacrimal, acompanhada por sintomas oculares que podem causados por sua instabilidade, hiperosmolaridade, inflamação da superfície Ocular e anormalidades neurossensoriais. Para determinar a provável causa do olho seco e definir o melhor tratamento você deve submeter-se a avaliação com sua Oftalmologista. Agende sua consulta caso apresente sintomas como ardência , irritação , vermelhidão Ocular ou coceira .

Ana Laura De Oliveira Almeida

Oftalmologista

Goiânia


Olho seco causa sensação de cansaço, irritação, sensação de areia nos olhos, lacrimejamento, além de leve vermelhidão. A condição de olhos secos costuma afetar os dois olhos, especialmente em mulheres após a menopausa. Medicamentos como remédios para dormir, anti-histamínicos e algumas drogas contra a pressão alta podem causar ou piorar o ressecamento dos olhos. A síndrome do olho seco pode ser muito debilitante para as atividades do dia-a-dia.

Ana Paula Canto

Oftalmologista

Curitiba

Agendar uma visita

Fazemos acompanhamento e tratamento de olho seco. Realizamos oclusão de pontos lacrimais cirúrgica ou por plugs quando necessário.

Watfa De Oliveira Faneco

Oftalmologista

Poços de Caldas


Trata-se de patologia de alta prevalência nos dias de hoje devido a vários fatores (dentre eles o uso de computadores, tablets, celulares e notebooks). Necessita de avaliação de especialista para melhor escolha do tratamento (desde do uso de colírios lubrificantes até procedimentos cirúrgicos específicos).

Leonardo Diniz

Oftalmologista

Belo Horizonte

Quais profissionais tratam Síndromes do olho seco?

Pesquisas relacionadas


Todos os conteúdos publicados no doctoralia.com.br, principalmente perguntas e respostas na área da medicina, têm caráter meramente informativo e não devem ser, em nenhuma circunstância, considerados como substitutos de aconselhamento médico.