Cefaléias - Informações, especialistas e perguntas frequentes

Não descuide da sua saúde

Escolha a consulta online para iniciar ou continuar o seu tratamento sem sair de casa. Se precisar, você também pode marcar uma consulta no consultório.

Mostrar especialistas Como funciona?

Especialistas - cefaléias

Encontre um especialista na sua cidade:
Mayani Costa Ribeiro Temple

Mayani Costa Ribeiro Temple

Neurologista, Neurofisiologista

Campinas

caio matias

caio matias

Neurologista

Brejo Santo

Roberto Satler Cetlin

Roberto Satler Cetlin

Neurologista

Ribeirão Preto

Marcelo Diesel

Marcelo Diesel

Neurologista

Cuiabá

Pablo Silva

Pablo Silva

Neurologista

Novo Hamburgo

Francis Júnior de Miranda Alves

Francis Júnior de Miranda Alves

Neurologista

Curvelo

Perguntas sobre Cefaléias

Nossos especialistas responderam a 27 perguntas sobre Cefaléias

Dr. Carlos Hortala
Dr. Carlos Hortala
Neurologista
Niterói
Olá.
O topiramato, quando utilizado para cefaleias, tem o papel de medicamento profilático, isto é, seu objetivo é reduzir o número e a intensidade das crises de dor de cabeça. A dipirona…
1 respostas

Olá! Sem diagnóstico ou sem sucesso no tratamento? Muitas vezes a dor de cabeça é o sintoma de um outro desequilíbrio físico e não a causa primária. Há que se avaliar hábitos comportamentais,…
1 respostas

Olá internauta. Li sua pergunta; é importante comentamos que existem dores de cabeças; a qual nós profissionais nomeamos como: cefaleias que são primárias ou seja são condições medicas que nao…
1 respostas

Especialistas falam sobre Cefaléias

As dores de cabeça, chamadas de "cefaléias", devem ser investigadas e tratadas. Existem várias causas, que vão desde enxaqueca, dor tensional até tumores ou inflamações. Uma boa história e exame físico ajudam a definir a necessidade de realizar uma investigação mais profunda com Tomografia ou Ressonância de crânio. Existem vários tratamentos que podem ser sugeridos, com a participação do paciente e seus familiares, para a aliviar as dores ou prevenir crises, quando se trata de uma dor de cabeça primária (sem tumor, inflamação ou outra causa orgânica), e mesmo quando tiver uma causa existem várias opções de tratamento.

Gladys Lentz Martins

Neurologista

Florianópolis


Existem critérios clínicos bem definidos para dizer que uma cefaleia é enxaqueca e seguimos a classificação internacional das cefaleias para encontrar o diagnóstico. São eles: 1º) 5 crises de dor de cabeça ao longo da vida que preenchem os demais critérios; 2º) cefaleia que dura de 4 a 72 horas com pelo menos 2 destes sintomas: dor moderada ou forte; laejante ou pulsátil; unilateral e piora com movimentos da cabeça; 3º) cefaleia acompanhada de pelo menos 1 destes sintomas: náuseas; vômitos; fonofobia e fotofobia. Não existe nenhum exame que detecta ou confirma a enxaqueca.

A dor de cabeça é um sintoma comum na população geral, afetando praticamente todos os indivíduos no decorrer da vida. É causada por uma diversidade de doenças que podemos dividir, de modo geral, em causas primárias e secundárias. As causas primárias são as mais comuns e, embora benignas, podem trazer grande prejuízo para a qualidade de vida, dentre as quais podemos citar a enxaqueca, a cefaleia tipo tensional, a cefaleia em salvas entre tantas outras. Já as secundárias são, em geral, associadas a lesões do crânio e pescoço ou decorrentes de fatores externos, sendo em alguns casos de extrema gravidade. A avaliação médica cuidadosa é o principal instrumento na sua definição e tratam

Rodrigo Vargas

Neurologista

Goiânia


Diversos tipos de cefaléia (dor de cabeça) são identificados na prática clínica. Devem ser controladas devido ao modo em que afeta a vida dos indivíduos que sofrem destas condições.

Manoel Pedro Rodrigues Soares Júnior

Anestesiologista

Teixeira de Freitas


As dores de cabeça podem ser muito incomodativas tirando-lhe a qualidade de vida no seu dia-a-dia. Objetivamos através de um seguimento padronizado tratar suas dores de cabeça, devolvendo-lhe o bem estar de viver.

Neudson Alcântara

Neurologista

Fortaleza


A maioria dos pacientes com cefaleia não são tratados adequadamente por falta de uma avaliação especializada. Se você usa analgésicos todo dia, saiba que existem tratamentos adequados para a maioria das cefaleias. Melhore sua qualidade de vida.

Cefaleia é uma das queixas mais comuns no ambulatório de neurologia. Inúmeras são as causas de cefaleia (enxaqueca, cefaleia tensional, cefaleia em salvas, hemicrania contínua, Sunct/Suna, hípnica, entre outras causas mais raras). Saber reconhecer o tipo de cefaleia é importante para definir e individualizar o tratamento nos pacientes que procuram o neurologista.

Renan Coutinho

Neurologista

Rio de Janeiro

Quais profissionais tratam Cefaléias?


Todos os conteúdos publicados no doctoralia.com.br, principalmente perguntas e respostas na área da medicina, têm caráter meramente informativo e não devem ser, em nenhuma circunstância, considerados como substitutos de aconselhamento médico.