Disfunção sexual fisiológica - Informações, especialistas e perguntas frequentes

Não descuide da sua saúde

Escolha a consulta online para iniciar ou continuar o seu tratamento sem sair de casa. Se precisar, você também pode marcar uma consulta no consultório.

Mostrar especialistas Como funciona?

Especialistas - disfunção sexual fisiológica

Jose Freitas Melo Junior

Jose Freitas Melo Junior

Urologista

São José dos Campos

Tadeu Ravazi Piovesana

Tadeu Ravazi Piovesana

Urologista

Barra Bonita

Wilson Ricardo Rosolem

Wilson Ricardo Rosolem

Urologista

Campo Mourão

Natalia Castro

Natalia Castro

Ginecologista

São Paulo

João Marcos de Meneses e Silva

João Marcos de Meneses e Silva

Ginecologista

Fortaleza

Júlia Biegelmeyer

Júlia Biegelmeyer

Geriatra, Especialista em clínica médica

São Paulo

Perguntas sobre Disfunção sexual fisiológica

Nossos especialistas responderam a 28 perguntas sobre Disfunção sexual fisiológica

Olá.
O que é considerado normal pra ti?
A Sexualidade é uma questão cultural. Se estás bem com tua parceira, então estás bem com ela.
; )
A masturbação pode ser apenas…
3 respostas

Olá. A questão sexual é muito complexa para se analisar e responder por aqui. A evolução sexual normal de qualquer pessoa é ter desejo e prazer sexual; quando não há isso é por que houve algum…
1 respostas

Olá tudo bem ? Os motivos pela falta de prazer são variados, mas posso começar lhe afirmando que esse prazer que você busca no outro está em você. Uma boa viagem dentro de seu interior vai lhe…
3 respostas

Especialistas falam sobre Disfunção Sexual Fisiológica

Dispomos do mais moderno tratamento para a disfunção erétil do mundo. A Terapia por Ondas de Choque Acústico. As Ondas de Choque restauram a circulação arterial do pênis, estimulando o crescimento de novas artérias penianas, promovendo ereções de ótima qualidade. Essas novas artérias são limpas, desobstruídas, livres das placas de gordura e das calcificações. Volte a ter as suas ereções sem comprimidos, sem injeções, sem cirurgia, sem efeitos colaterais, sem riscos para o coração. O tratamento demora 3 semanas, fazendo 2 sessões por semana. Os resultados surgem ao final da segunda ou terceira semana podendo durar vários meses ou anos. Ligue, agende o seu horário e peça para conversar.

Henrique Chvaicer

Sexólogo, Urologista

Rio de Janeiro

Agendar uma visita

O envelhecimento traz mudanças corporais que podem relacionar-se com maiores dificuldades sexuais. Estas podem surgir tanto para homens quanto para mulheres. Estes problemas trazem grande sofrimento e prejuízo a qualidade de vida é difícilmente são abordados pelos médicos em geral. No entanto, a grande maioria tem tratamento. Uma abordagem compreensiva pode favorecer a qualidade de vida e interferir no tratamento de outras condições, como dor e depressão.

Guilherme Liausu Cherpak

Médico clínico geral, Geriatra

São Paulo


Atividade sexual não é errada ou inapropriada para os idosos Muitos profissionais referem dificuldades para abordar esse tema. Culpam alguns preconceitos, alguns constrangimentos e também o fato de não saberem tratar adequadamente desse assunto. Assim, acabam negligenciando essa questão. E com o processo de envelhecimento acontecem algumas mudanças no corpo humano e nas condições familiares que impactam diretamente nessa atividade. Condições de saúde, causas psicológicas, disfunções sexuais masculina e feminina e alguns problemas de ordem prática como a falta de privacidade são as principais causas de redução do interesse e da atividade sexual na faixa etária geriátrica.

Milton Roberto Furst Crenitte

Médico clínico geral, Geriatra

São Paulo

Agendar uma visita

Disfunção sexual feminina são problemas durante algumas das fases do ciclo de resposta sexual da mulher (desejo, excitação, orgasmo e resolução), que a impede de chegar ao prazer durante a relação sexual. Pode ser apresentadas como vaginismo (contração involuntária dos músculos pélvicos que impede a penetração), dispareunia (dor durante ou após o ato sexual), anorgasmia dentre outras. A fisioterapia utiliza de recursos manuais, eletroterapia, biofeedback, dilatadores vaginais e treinamento muscular do assoalho pélvico, que têm como objetivo aliviar as dores sexuais, promover relaxamento e melhora da percepção. A fisioterapia pélvica vem ganhando espaço no tratamento destas patologias.

Carolina Barreto

Fisioterapeuta

Salvador

Quais profissionais tratam Disfunção sexual fisiológica?

Pesquisas relacionadas


Todos os conteúdos publicados no doctoralia.com.br, principalmente perguntas e respostas na área da medicina, têm caráter meramente informativo e não devem ser, em nenhuma circunstância, considerados como substitutos de aconselhamento médico.