Deficiência de vitamina d - Informações, especialistas e perguntas frequentes

Não descuide da sua saúde

Escolha a consulta online para iniciar ou continuar o seu tratamento sem sair de casa. Se precisar, você também pode marcar uma consulta no consultório.

Mostrar especialistas Como funciona?

Especialistas - deficiência de vitamina d

Marcelo Mayrink

Marcelo Mayrink

Nutrólogo

Belo Horizonte

Larissa Valle

Larissa Valle

Nutricionista

Campos Dos Goytacazes

Diego Benevolo

Diego Benevolo

Médico clínico geral, Geriatra

Natal

Brenda Jacomo de Abreu Nunes

Brenda Jacomo de Abreu Nunes

Nutricionista

Rio de Janeiro

Thiago Cezar Rocha Azevedo

Thiago Cezar Rocha Azevedo

Médico clínico geral

Recife

Renata Maria Monteiro Leite

Renata Maria Monteiro Leite

Endocrinologista

Rio de Janeiro

Perguntas sobre Deficiência de vitamina d

Nossos especialistas responderam a 142 perguntas sobre Deficiência de vitamina d

Não é aconselhável o uso de vitamina D em altas doses sem o acompanhamento do seu medico. Procure um endocrinologista para avaliar seus níveis de vitamina D e se os sintomas estão relacionados…
1 respostas

Olá, bom dia !
Esse valor de vitamina D não é deficiência, já é considerado insuficiência.
Valores ótimos e indicados para uma boa saúde ficam acima de 50 ng/dL (sim, acima da referência).
3 respostas

Especialistas falam sobre Deficiência De Vitamina D

A deficiência de Vitamina D em adultos pode contribuir para o desenvolvimento da osteoporose por exemplo. É necessário realizar o exame de Vitamina D, para verificar se existe uma insuficiência ou deficiência desta vitamina. O tratamento é composto por uma alimentação equilibrada associado com uma suplementação da vitamina D se necessário. Funções da vitamina D: Ação no sistema imunológico, reprodução, secreção de insulina. Também estimula o sistema de transporte ativo de fosfato no intestino. Em conjunto com o paratormônio, mobiliza cálcio dos ossos e aumenta a reabsorção tubular renal de cálcio e de fosfato.

Luci Souza

Nutricionista

São Paulo


A deficiência de vitamina D vem afetando muitas pessoas, devido ao estilo de vida atual, que nos expomos pouco aos raios solares. A longo prazo ela pode afetar a produção de hormônios, saúde óssea e mental. Por isso, é muito relevante a reposição e tratamento adequado da sua deficiência.

Essa é uma dúvida muito frequente ! A vitamina D está associada a osteoporose, aumento do risco de quedas e aumento do risco de fraturas. Não existe recomendação para dosagem de rotina para a população em geral ou em grávidas. Quem deve dosar ? Idosos, institucionalizados, obesos, usuários de anticonvulsivantes, portadores de osteopenia / osteoporose, doença inflamatória intestinal. Por isso não esqueçam, as vitaminas também são consideradas medicações e possuem riscos, caso não sejam prescritas por um profissional especializado.

Laís Abreu

Médico clínico geral, Geriatra

Natal


A vitamina D que atualmente é considerada um "hormônio" que exerce diversas funções no nosso organismo que vão alem da saude óssea. Sabe-se que manter níveis adequados de Vit D melhora imunidade, perda de peso, fatores de proteção para o câncer, hipertrofia e varias outros. O Brasil apesar de ser um pais tropical vive uma epidemia de vit D baixa e como detectamos tal deficiencia? Através de exame de sangue. Procure o medico para orientar e prescrever a melhor forma de suplementar sua vit D.

Lázaro Lourenço

Nutrólogo

São Paulo


A vitamina D hoje já é considerada por muitos especialistas como um hormônio diante do elevado número de reações bioquímicas no qual ela participa direta ou indiretamente. Percebe-se na grande maioria da população uma concentração sanguínea ineficiente para seu potencial total. Ela é fundamental para: • Saúde Cerebral • Imunidade • Saúde Cardiovascular • Ossos e Músculos • Diminuição da mortalidade por câncer

Kaue Kranholdt

Nutrólogo

São Paulo


A deficiência de Vitamina D é muito prevalente nos dias de hoje, e gera inúmeras conseqüências. A otimização dos níveis de vitamina D é feita em consulta de forma totalmente individualizada, levando em conta idade do paciente, patologias, uso de medicações, histórico de câncer do paciente e de familiares, etc, sendo que para cada caso está indicado uma dosagem específica para prevenção de doenças e qualidade de vida.

Mariana Carballeda

Nutrólogo

Balneário Camboriú


As doses de vitamina D devem ser acertadas individualmente considerando diversos fatores e, portanto, o tratamento deve ser realizado necessariamente sob supervisão médica.

Fabricio Galli

Nutrólogo, Pediatra

Belo Horizonte

Quais profissionais tratam Deficiência de vitamina d?

Pesquisas relacionadas


Todos os conteúdos publicados no doctoralia.com.br, principalmente perguntas e respostas na área da medicina, têm caráter meramente informativo e não devem ser, em nenhuma circunstância, considerados como substitutos de aconselhamento médico.