Fraturas de estresse - Informações, especialistas e perguntas frequentes

Não descuide da sua saúde

Escolha a consulta online para iniciar ou continuar o seu tratamento sem sair de casa. Se precisar, você também pode marcar uma consulta no consultório.

Mostrar especialistas Como funciona?

Especialistas - fraturas de estresse

Encontre um especialista na sua cidade:
Diego Astur

Diego Astur

Médico do esporte, Ortopedista - traumatologista

São Paulo

Anderson Araújo Paiva

Anderson Araújo Paiva

Ortopedista - traumatologista

Montes Claros

Andre Santos de Siqueira

Andre Santos de Siqueira

Médico do esporte, Ortopedista - traumatologista

Rio de Janeiro

Felipe Hardt

Felipe Hardt

Médico do esporte

São Paulo

Ruben Chavez

Ruben Chavez

Médico do esporte

São Paulo

Paulo Potiguara Novazzi

Paulo Potiguara Novazzi

Médico do esporte, Especialista em medicina física e reabilitação

São Paulo

Perguntas sobre Fraturas de estresse

Nossos especialistas responderam a 3 perguntas sobre Fraturas de estresse

Bom dia. Essa sensação (parestesia) pode ser um sinal de lesão nervosa ou vascular. Pode ocorrer no trauma ou posteriormente. Além disso.m, a imobilização não deve estar folgada. O ideal é retornar…
3 respostas


Não, só a insuficiência de vit D isoladamente não é causa determinante de fratura por estresse, existem outros fatores que devem estar associados, com tipo de atividade, metabolismo do cálcio,…
3 respostas


O que fazer depende da sua decisão e não da do médico. O melhor conselho neste caso é considerar qual a real importância desta trilha na montanha no contexto da sua vida ? É essencial ? Haverá…
1 respostas

Especialistas falam sobre Fraturas De Estresse

As fraturas por estresse geralmente ocorrem quando um osso saudável é submetido a cargas cíclicas (repetitivas) além da sua capacidade de recuperação, ou um osso fraco (osteopenia/osteoporose) submetido a cargas normais, no caso dos atletas, geralmente a primeira hipótese é a mais comum, exceto em alguns casos onde a paciente pode apresentar uma condição chamada tríade da mulher atleta (osteopenia, distúrbio menstrual e distúrbio alimentar). De maneira geral o tratamento é realizado retirando-se o fator causador, a carga cíclica, e minimizando os fatores de risco, alongamentos, fortalecimento e gesto esportivo (fisioterapia) alimentação, etc... a cirurgia geralmente não é necessária.

Eduardo Ramalho De Moraes

Médico do esporte, Ortopedista - traumatologista

São Paulo


A fratura por estresse acontece principalmente, quando mudamos bruscamente as atividades físicas que fazíamos. Muito comum em atletas de fim de semana, cadetes militares e mulheres com suporte nutricional inadequado, como ocorre nos casos da síndrome da mulher atleta. Diagnóstico precoce e repouso com diminuição de carga no membro afetado, são fundamentais no sucesso terapêutico.

Gustavo Asmar

Ortopedista - traumatologista

Rio de Janeiro


As fraturas por stress são lesões geralmente associadas à sobrecargas mecânicas. Dependendo do segmento acometido podem ser muito dolorosas. Nesse sentido é importante uma boa conversa sobre historico, atividades fisicas, trabalho. Além do exame físico, radiografias e ressonâncias costuma colaborar no diagnóstico final. O tratamento vai depender do estadiamento e do local acometido.

Juliano Rodrigo Martynetz

Ortopedista - traumatologista

Curitiba

Agendar uma visita

Quais profissionais tratam Fraturas de estresse?


Todos os conteúdos publicados no doctoralia.com.br, principalmente perguntas e respostas na área da medicina, têm caráter meramente informativo e não devem ser, em nenhuma circunstância, considerados como substitutos de aconselhamento médico.