Transtornos afetivo-emocionais - Informações, especialistas e perguntas frequentes

Não descuide da sua saúde

Escolha a consulta online para iniciar ou continuar o seu tratamento sem sair de casa. Se precisar, você também pode marcar uma consulta no consultório.

Mostrar especialistas Como funciona?

Especialistas - transtornos afetivo-emocionais

Estela Noronha

Estela Noronha

Psicólogo, Terapeuta complementar

São Paulo

Leonardo Rodrigues

Leonardo Rodrigues

Psicanalista

Campinas

Priscilla Calaça

Priscilla Calaça

Psicanalista

Recife

Paola Angelis Souza

Paola Angelis Souza

Terapeuta complementar

Palmas

Luís Pierott

Luís Pierott

Psicanalista

Campos Dos Goytacazes

Renata Camargo

Renata Camargo

Psicólogo

Camaquã

Perguntas sobre Transtornos afetivo-emocionais

Nossos especialistas responderam a 21 perguntas sobre Transtornos afetivo-emocionais

Todas as abordagens da psicologia tem seus benefícios, assim como a psicanálise. Deste modo, independente da abordagem, parece que seria interessante buscar terapia/análise, pois, como você mesma…
17 respostas


A Atensina* (clonidina) pode controlar a hipertensão arterial independente de sua origem. Entretanto, se há suspeita de componente emocional em sua hipertensão, convém fazer uma avaliação psiquiátrica,…
1 respostas


Olá, seria importante você procurar fazer uma avaliação com um psicólogo com o intuito de se aprofundar melhor nessas questões, na maioria das vezes corre o risco de ficar preso a uma categorização…
22 respostas

Especialistas falam sobre Transtornos afetivo-emocionais

Conhecer-se profundamente é algo fundamental para uma melhor regulação emocional. Tem pessoas que lutam contra sentimentos e emoções que julgam negativos mas vale ressaltar que todas as emoções tem sua função, o que vai defini-la como funcional ou não é a adequação ao contexto. A função primordial das emoções é nos comunicar algo a nosso respeito, são sentinelas internas vitais. Em janeiro de 2019 sairá um artigo de minha co-autoria na Revista Psique onde explicarei melhor cada uma delas. Por ora, fiquemos com a tarefa de conviver e interagir harmonicamente com nosso mundo interno, tudo que vibra, movimenta, repercute debaixo de nossa pele, é um comunicado, vamos aprender a decifra-lo.

Lilian Botelho Marques

Psicólogo

Rio de Janeiro

Quais profissionais tratam Transtornos afetivo-emocionais?

Pesquisas relacionadas


Todos os conteúdos publicados no doctoralia.com.br, principalmente perguntas e respostas na área da medicina, têm caráter meramente informativo e não devem ser, em nenhuma circunstância, considerados como substitutos de aconselhamento médico.