Dificuldade na tomada de decisões - Informações, especialistas e perguntas frequentes

Especialistas em dificuldade na tomada de decisões

Encontre um especialista em Dificuldade na tomada de decisões na sua cidade:
Patrícia Jericó de Lima

Patrícia Jericó de Lima

Psicólogo

Itatiba

Renata Camargo

Renata Camargo

Psicólogo

Camaquã

Ana Larissa Marques Perissini

Ana Larissa Marques Perissini

Psicólogo, Sexólogo

São José do Rio Preto

Andressa Mara Netto

Andressa Mara Netto

Psicólogo

Cristiany Moura Oliveira Lisita

Cristiany Moura Oliveira Lisita

Psicólogo

Goiânia

Ana Amélia de S. Pereira Piske

Ana Amélia de S. Pereira Piske

Psicólogo

Vitória

Perguntas sobre Dificuldade na tomada de decisões

Nossos especialistas responderam a 1 perguntas sobre Dificuldade na tomada de decisões

 Cladismari Zambon
Cladismari Zambon
Psicanalista, Psicólogo
São Paulo
As escolhas profissionais estão diretamente relacionadas as escolhas pessoais. Ao longo do desenvolvimento, a criança sonha com várias possibilidades e também tem várias pressões do seu meio…
8 respostas

Especialistas falam sobre Dificuldade na tomada de decisões

Uma das maiores dificuldades do ser humano é saber tomar decisões. Isso se dá devido ao sentimento de insegurança, pois sabemos que é preciso lidar também com as consequências de nossas decisões. No entanto, se trabalharmos bem nossos medos e deixarmos de lado a crença de que não podemos errar nunca, tomar decisões acaba se tornando uma atitude mais natural, afinal toda decisão implica em ganhos e perdas, vantagens e desvantagens. Saber controlar a ansiedade nessas situações é algo extremamente necessário. Quando tomamos decisões sob pressão e pensando em “acabar logo com isso” podemos ter sentimentos de frustração e até mesmo arrependimento. A psicoterapia pode ajudar nisso.

Cladismari Zambon

Psicanalista, Psicólogo

São Paulo

Agendar uma visita

É muito comum ficar em dúvida quando a vida exige de você uma tomada de decisão, principalmente em assuntos delicados, complexos. Sabe o que dificulta ainda mais? O medo. Medo da reação das pessoas, da opinião alheia, de tomar a decisão errada, de se arrepender por ter (ou não ter) tomado tal decisão... Sim, pode até ser "comum", mas não deve atrapalhar a sua vida. Se te paralisa, se te faz sofrer, se a frequência e a intensidade do medo e da incerteza forem altos, você tem sim como tratar e superar essas questões com o meu trabalho.. Ofereço sessões objetivas, diretivas e com 2, 3 meses de atendimento psicológico dá para começar a sentir os benefícios (dependendo do seu empenho, claro).

Bibiana Ribeiro Alves

Psicólogo

Florianópolis


Investiga-se quais os pensamentos disfuncionais e as crenças que impedem o paciente de tomar decisões assertivas. Depois é utilizado, principalmente, o treinamento comportamental para tomadas de decisões e técnicas cognitivas que auxiliem o auto-conhecimento e uma reestruturação cognitiva.

Edith Vieira Carneiro Andrade

Psicólogo

Nova Iguaçu


Algumas decisões são fáceis de serem tomadas; outras são muito difíceis e geram bastante ansiedade e medo. Devo comprar uma moto ou fazer uma viagem? Permaneço num emprego estável e chato ou mudo para um emprego instável e dos "sonhos"? Continuo casado ou me separo? Estes são comportamentos que precisam de bastante reflexão e muitas pessoas apresentam dificuldades para fazer escolhas, pois qualquer escolha envolve ganhos e perdas. Se você está confuso e não sabe que decisões tomar, busque a ajuda de um profissional que possa lhe ajudar neste processo.

A tomada de decisões pode ser afetada por muitos fatores: ansiedade, depressão, Transtornos de personalidade, crenças centrais, pensamentos e até mesmo pelas nossas emoções. Se você se percebe com muitas dúvidas (e se... Será...) quando precisa decidir a ponto de trazer consequências negativas, impulsividade ou paralisia para uma ou mais áreas da vida, a Psicoterapia pode lhe ajudar.

Realmente tomar uma decisão nem sempre é um ato simples e rápido, muitas pessoas tem medo de errar e ficam pensando como esse erro pode afetar diretamente a sua vida. A dificuldade em lidar com as emoções, o hábito de valorizar o que é negativo, a culpa e até mesmo o perfeccionismo são características da grande maioria das pessoas que não conseguem tomar decisões podendo assim resultar em bloqueios que geram ansiedade e estresse. O fato de se responsabilizar e reconhecer que ninguém consegue prever todas as consequências de uma decisão já é um grande começo para tentar.

Toda e qualquer decisão implica em um ganho, mas também em uma perda por parte de quem está decidindo e, por isso, pode se tornar difícil fazer uma opção por algo em detrimento de outras possibilidades pensadas ou imaginadas. Decidir por algo solicita de quem decide um certo posicionamento frente à vida, frente a seus relacionamentos e frente a si próprio. Na psicoterapia de base psicanalítica, o psicanalista auxilia o paciente a tomar a decisão por si mesmo, ou seja, a ideia não é dizer ao paciente o que ele deve fazer, mas sim mobilizar seus recursos para que encontre o próprio caminho.

Clara Kislanov

Psicanalista, Psicólogo

São Paulo


Toda escolha implica perdas. É por isso que é difícil decidir. Podemos dar um singelo exemplo quando vamos a um restaurante. São tantas possibilidades no cardápio que ficamos um tanto perdidos quanto a decisão sobre o prato a ser solicitado. Muitas vezes na vida somos instados a decidir sobre questões delicadas e difíceis. Uma terapia dessa natureza aborda as ansiedades geradas por essa situação, ensina a lidar com o luto gerado pela perda da outra alternativa, além de ensinar algumas técnicas que orientam o decisor nesse processo, entre outras ferramentas.

O qué é dificuldade em tomar decisaçao? Quando uma pessoa depende da outra para ser feliz, para tomar decisão, agir, ter iniciativa. A pessoa depende de outro para ser feliz: esse outro pode ser a namorada, esposa, ex-namorado(a), mãe, sogra, pai, filho, chefe. A pessoa tende a pedir sempre opinião dos outros antes de tomar decisão.Necessidade que o outro aprove o que você vai fazer. Por que é importante tratar a dificuldade de decidir? A terapia possibilita o desenvolvimento e potencialização da auto estima, autonomia (fazer as coisas que gosta) indiferente se sozinha ou acompanhada, aprender a confiar em si próprio, assumir erros e saber que eles fazem parte do seu desenvolvimento.

Miriam Da Cruz Seifert

Psicólogo

Santo André


E necessário ouvir o cliente saber o porque de seus medos, e inseguras, para começar uma terapia, nunca o julgando-o estabelecer um relacionamento de confiança, entre terapeuta e o cliente, aonde aos poucos, com a técnica certa , ir devolvendo a confiança, a segurança de que o paciente precisa , após se conhecer, e se conectar com ele mesmo, trazendo pensamento de que ele e capaz de superar qualquer obstáculo em sua vida.

Tatiana Cristina

Psicólogo

São Bernardo do Campo


Tomar decisões nunca é fácil, visto que ao escolher por algo deixamos de lado outra coisa, ou seja, há sempre uma perda. Quando deixamos a infância para nos tornarmos adolescentes, ganhamos mais autonomia, fomos em direção à nossa identidade, mas perdemos o tempo inesgotável de brincar, perdemos a atenção exclusiva dos pais. Assim acontece quando passamos para a vida adulta, que nos cerca de responsabilidades, compromissos e momentos de tomada de decisões. A psicoterapia ajuda qualquer pessoa nesse momento, visto que faz refletir sobre as perdas, ações e consequências tornando o indivíduo mais consciente de suas escolhas e permitindo que o mesmo se conheça melhor, para assim escolher melhor.

Tatiany Dreger Schiavinato

Psicólogo

São Paulo


Dificuldade na tomada de decisões: deve-se tomar o cuidado para não tratar o tema como uma característica patológica, pois, dependendo da natureza da situação, a dificuldade em tomar decisões é algo bastante compreensível e natural. Ela pode estar presente em pessoas extremamente seguras, por exemplo. Imagine que esteja procurando trocar de emprego. Diante desta possibilidade diversas questões aparecem: Será uma boa troca? Financeiramente é mais viável? Vou me adaptar? E por aí vai... Entretanto, se a dificuldade de tomar decisões aparece em várias circunstâncias, principalmente as mais simples e cotidianas, deve-se olhar com mais cautela. A solução é focar nos pontos positivos da decisão.

Quais profissionais tratam Dificuldade na tomada de decisões?


Todos os conteúdos publicados no doctoralia.com.br, principalmente perguntas e respostas na área da medicina, têm caráter meramente informativo e não devem ser, em nenhuma circunstância, considerados como substitutos de aconselhamento médico.