Abuso de maconha - Informações, especialistas e perguntas frequentes

Não descuide da sua saúde

Escolha a consulta online para iniciar ou continuar o seu tratamento sem sair de casa. Se precisar, você também pode marcar uma consulta no consultório.

Mostrar especialistas Como funciona?

Especialistas - abuso de maconha

Raquel Appleby

Raquel Appleby

Psicanalista, Psicólogo

São José do Rio Preto

Ana Elisa de Assis Mendes

Ana Elisa de Assis Mendes

Psicólogo

São José dos Campos

Airton Ferreira dos Santos Filho

Airton Ferreira dos Santos Filho

Psiquiatra

Goiânia

Débora Torres

Débora Torres

Psiquiatra

São Paulo

Bruno Rangel

Bruno Rangel

Psicólogo

Rio de Janeiro

Renata Camargo

Renata Camargo

Psicólogo

Camaquã

Perguntas sobre Abuso de maconha

Nossos especialistas responderam a 6 perguntas sobre Abuso de maconha

Compreendo sua preocupação, e é importante discutirmos abertamente sobre esse assunto. A maconha, quando fumada por mães que estão amamentando, apresenta riscos potenciais, tanto para a saúde…

Quando a pessoa tem síndrome de abstinência de maconha, podem ocorrer vários sintomas, mas aceleração de batimentos cardíacos não é algo relatado com frequência. Os mais frequentes são diminuição…

É comum adolescentes quererem viver a transgressão. Faz parte do afastamento da relação de criança com o núcleo familiar. O consumo da maconha parece servir a este propósito, e o apoio da fratria…

Especialistas falam sobre Abuso de maconha

Ao contrário do que muitos pensam, a maconha não é uma planta inofensiva. Apesar de causar dependência com menor frequência que a cocaína ou mesmo o tabaco, cerca de 10% das pessoas que usam se tornam dependentes. Pesquisas mostram claramente que a maconha pode desencadear surtos psicóticos, comprometer a memória e o aprendizado e provocar problemas respiratórios. Não há ainda medicações comprovadamente eficazes no tratamento da dependência de maconha, mas é útil a abordagem com técnicas cognitivo-comportamentais.

Quais profissionais tratam Abuso de maconha?


Todos os conteúdos publicados no doctoralia.com.br, principalmente perguntas e respostas na área da medicina, têm caráter meramente informativo e não devem ser, em nenhuma circunstância, considerados como substitutos de aconselhamento médico.