Distúrbios menstruais - Informações, especialistas e perguntas frequentes

Especialistas em distúrbios menstruais

Encontre um especialista em Distúrbios Menstruais na sua cidade:
Antonio Paulo Malmann

Antonio Paulo Malmann

Ginecologista

Campos Novos

Carlos Jose da Fonseca

Carlos Jose da Fonseca

Ginecologista

Cabo de Santo Agostinho

Norberto Nora

Norberto Nora

Ginecologista

Caxias Do Sul

Rozeilda Francisca

Rozeilda Francisca

Ginecologista

Ana Lucia Neves Semmelmann

Ana Lucia Neves Semmelmann

Ginecologista, Radiologista

Porto Alegre

Adriana Moise

Adriana Moise

Ginecologista

Itaquaquecetuba

Perguntas sobre Distúrbios menstruais

Nossos especialistas responderam a 145 perguntas sobre Distúrbios menstruais

Olá. Sempre siga as orientações do seu médico. Agende a sua consulta de reavaliação e esclareça suas dúvidas.
A sua avaliação clínica através da historia clinica, suasqueixas e exame físico…
1 respostas

Olá..Nunca inicie uma medicação anticoncepcional sem a ajuda do seu médico. Nem todas as mulheres podem usar qualquer anticoncepcional. Essas medicações podem estar associada a eventos graves…
2 respostas

Olá. Nunca inicie uma medicação anticoncepcional sem a ajuda do seu médico, mesmo que seja a pilula do dia seguinte. Nem todas as mulheres podem usar qualquer anticoncepcional. Essas medicações…
2 respostas

Especialistas falam sobre Distúrbios Menstruais

As razões dos distúrbios menstruais estão relacionadas com a ausência da menstruação (amenorreia) e ao sangramento uterino anormal. Alterações hormonais e lesões no útero, podem ser a causa desses distúrbios como: sinéquia uterina, mioma, adenomiose, pólipo, hiperplasia endometrial, ectopia cervical e câncer de útero. Se não houver lesões no útero, deve ser investigado desordens em outros órgãos como: ovário, fígado, tireoide, adrenal, hipófise hipotálamo e distúrbios da coagulação do sangue. A investigação diagnóstica através da consulta, exames laboratoriais e de imagens permite identificar a causa do problema para direcionar o tratamento que inclui desde o uso de hormônios até cirurgias.

Jose Alexandre Portinho

Ginecologista, Nutrólogo

Rio de Janeiro

Agendar uma visita

Distúrbios menstruais podem ser causados por vários motivos: alterações hormonais, problemas na estrutura do útero (ex: mioma, pólipo), infecções (ex: clamídia, endometrites, HPV), problemas no colo uterino (ex: pólipo, HPV, vaginites), alterações na tireóide ou prolactina, ausência de ovulação, etc. Portanto, na presença de alterações da menstruação, é necessária uma consulta com exame físico completo, coleta de exame papanicolau, ultra-som endovaginal, exames de sangue, e em alguns casos, exames da secreção vaginal.

Paula Guastaferro Magalhães

Ginecologista

Belo Horizonte


A regularidade dos ciclos menstruais é uma das principais características do organismo feminino que assegura que ele está saudável, pronto para uma gestação. Excluindo os extremos das idades - adolescência e climatério- onde as irregularidades são esperadas e não representam distúrbios. Há diversas doenças que podem acarretar irregularidade menstrual, como alterações hormonais (por exemplo síndrome dos ovários policísticos), alterações metabólicas (como por exemplo doenças da tireóide), alterações anatômicas(como por exemplo miomas e pólipos), infecções, uso de medicamentos, entre outras, e uma investigação minuciosa é necessária.

Alterações no padrão da menstruação, como sangramento aumentado, cólicas fortes, sangramentos fora do período habitual da menstruação, ausência de menstruação, sintomas de TPM como ansiedade, tristeza e irritabilidade devem ser diagnosticados e podem ser tratados de diversas formas, dependendo de cada paciente. Assim, durante a consulta, a conversa sobre histórico pessoal e familiar, o exame clínico e, se necessários, os exames laboratoriais, permitem direcionar e individualizar o tratamento para esses distúrbios

Os distúrbios menstruais ou sangramento uterino anormal são os padrões menstruais que fogem da normalidade. O padrão menstrual são menstruações com intervalo entre 25 e 35 dias, duração entre 3 e 7 dias e volume entre 30 e 80 g. As causas do sangramento uterino anormal podem ser diversas: estruturais (mioma, polipo, adenomiose, hiperplasia ou malignidade) e não estruturas (coagulopatia, disfunção ovulatória,endometrial, idiopática e não classicada). O diagnóstico e baseado na historia clínica, exame físico, uso de medicações, dosagens hormonais e exames de imagem como o ultrasom. O tratamento é direcionado, individualizado e baseado na correção a alteração encontrada.

Irregularidade menstrual com aumento do fluxo, dor, ausência ou atraso do fluxo menstrual podem ser tratados com uso de anticoncepcional ou outros medicamentos não hormonais e necessitam de exames como ultrassonografia e exames laboratoriais para decidir qual tratamento adequado.

Silvia Regina De Oliveira Freitas

Ginecologista

São José Dos Pinhais

Agendar uma visita

As irregularidades no ciclo menstrual como ausência de menstruação ou sangramento uterino excessivo são os distúrbios que mais afetam as mulheres na idade reprodutiva. O desequilíbrio na produção dos hormônios estrogênios e progesterona em geral são os causadores dessas irregularidades porém em alguns casos podem ser consequência de problemas psíquicos ou estresse físico. Além do exame físico ,alguns exames serão necessários para se descobrir a causa tais como dosagens hormonais e US pélvico. O tratamento portanto vai depender da causa encontrada. Por isso é de grande importância que diante de atrasos menstruais ou sangramentos anormais a procura pelo ginecologista para o tratamento adequado.

Maria Luisa Dos Santos Rodrigues

Ginecologista

São Luís


Distúrbios menstruais são um conjunto de alterações hormonais ou não que tornam os ciclos menstruais irregulares. Deve-se realizar exame físico minucioso bem como investigação laboratorial condizente com as informações em anamnese. O tratamento vai depender do fator que está acarretando a irregularidade. A paciente não deve se automedicar pois pode ter consequências indesejadas bem como dificultar o correto diagnóstico.

Anne Karine Zampieri Rebuglio

Generalista, Ginecologista

São Paulo

Agendar uma visita

O atraso da menstruação assim como o aumento de fluxo durante o período menstrual podem ter diversas causas e gerar muitos desconfortos durante a sua ocorrência.O ciclo menstrual é muito influenciado por vários fatores externos e emocionais, que são suficientes para gerar várias mudanças no padrão de sangramento de cada paciente. Isso pode acontecer de maneira isolada, sem representar uma doença ou algo de errado, porém, quando passa a aparecer de forma mais usual, e trazer desconfortos à rotina da paciente, é importante uma investigação do quadro, para que se tente identificar o motivo do acontecimento. Quando identificado, podemos tratar de forma mais acertiva, trazendo diversos benefícios

Alterações do ciclo menstrual ( tanto a falta de menstruação quanto menstruar mais de uma vez por mês) podem indicar alterações hormonais. Essa é uma área que engloba tanto a Ginecologia quanto a Endocrinologia e a investigação deve ser conduzida de forma bastante criteriosa.

Stéphanie Cozzolino Abrahão

Médico clínico geral, Endocrinologista

Rio de Janeiro

Agendar uma visita

O ciclo menstrual normal dura de 2 a 8 dias, se repetindo em intervalos entre 21 a 35 dias. Caso a mulher tenha alterações nestes padrões ou tenha um fluxo de sangramento aumentado durante o dia com necessidade de troca de absorventes frequentes, ou caso exista uma mudança no padrão habitual da menstruação que a paciente costumava ter é necessário que seja feita investigação clínica. O sangramento uterino anormal é um sintoma que pode estar relacionado a várias doenças entre elas miomas, pólipos, endometriose, distúrbios da coagulação e doenças sistêmicas. É necessário anamnese detalhada, exames laboratoriais e ultrassonografia transvaginal na maioria dos casos.

Yzabel Basílio

Ginecologista

São Paulo

Agendar uma visita

Os distúrbios menstruais podem ter várias causas e merecem investigação adequada. O diagnóstico precoce seguido do tratamento adequado previnem sequelas e promovem saúde e bem estar das mulheres.

Raquel Reis Magalhães

Ginecologista

São Paulo


Ciclos menstruais irregulares, com intervalos acima de 35 dias ou menores que 22 dias , fluxos intensos ou escassos, são problemas que afetam as mulheres todos os dias . Também são frequentes as queixas de cólicas menstruais e TPM, que afetam a qualidade de vida daquela pessoa de maneira importante . A realização de exames hormonais , assim como os exames de ultrassom são ferramentas comuns utilizadas pelo médico ginecologista para esclarecimento dos quadros . Nesses casos também é relevante a avaliação de aspectos emocionais da paciente pois estes podem interferir no equilíbrio dos ciclos menstruais.

Muitas mulheres sofrem com distúrbios menstruais como fluxo intenso, cólicas fortes, irregularidade do ciclo ou até mesmo não menstruam. Agende sua consulta comigo para que eu te examina e entenda o que acontece com seu corpo e assim, resolva estes probleminhas e melhore sua qualidade de vida.

Isabel Botelho

Ginecologista

São Paulo

Agendar uma visita

Quais profissionais tratam Distúrbios menstruais?


Todos os conteúdos publicados no doctoralia.com.br, principalmente perguntas e respostas na área da medicina, têm caráter meramente informativo e não devem ser, em nenhuma circunstância, considerados como substitutos de aconselhamento médico.