Doenças vasculares periféricas - Informações, especialistas e perguntas frequentes

Especialistas em doenças vasculares periféricas

Encontre um especialista em Doenças Vasculares Periféricas na sua cidade:
Marcio Barreto de Araujo

Marcio Barreto de Araujo

Angiologista, Cirurgião vascular

São Paulo

Danilo Roberto Fadel Gaio

Danilo Roberto Fadel Gaio

Angiologista, Cirurgião vascular

Curitiba

Laurence Furtado e Souza

Laurence Furtado e Souza

Angiologista, Cirurgião vascular

Brasília

Vinícius Bezerra

Vinícius Bezerra

Angiologista, Cirurgião vascular

Aracaju

Joao Luiz Sandri

Joao Luiz Sandri

Angiologista, Cirurgião vascular

Vitória

Élide Reis

Élide Reis

Cirurgião vascular

Salvador

Perguntas sobre Doenças vasculares periféricas

Nossos especialistas responderam a 18 perguntas sobre Doenças vasculares periféricas

Dr. Tiago Cavalcante
Dr. Tiago Cavalcante
Cirurgião vascular
São Luís
Essas manchas durante muitos anos não tinham tratamento. Hoje dispomos de um tratamento a Laser onde conseguimos clarear e muitas vezes desaparecer por completo essas manchas.
1 respostas

 Teodorico Neto
Teodorico Neto
Angiologista, Cirurgião vascular
Olinda
O tratamento da Neuropatia depende do que está causando esse problema. Existe a Neuropatia Diabética, por processo inflamatório, por questões metabólicas, compressivas, entre outras. Cada caso…
1 respostas

Dr. Rodrigo Piccione Colatusso
Dr. Rodrigo Piccione Colatusso
Angiologista, Cirurgião vascular
Curitiba
O uso de meia elástica faz parte do tratamento clínico, que juntamente com os medicamentos e exercícios melhoram os sintomas de desconforto nas pernas. Quanto as varicoses, varizes e alterações…
2 respostas

Especialistas falam sobre Doenças Vasculares Periféricas

São inúmeras as doenças vasculares periféricas acometendo um grande percentual de paciente por todo o mundo. E a melhor forma de tratá-las e acompanha-las, é através de uma avaliação minuciosa feita pelo angiologista e cirurgião vascular. A grande maioria das patologias vasculares são diagnosticadas por um exame físico bem feito.

Jefferson Kleber Forti

Angiologista, Cirurgião vascular

Belo Horizonte

Agendar uma visita

O termo refrere-se principalmente às doenças que acometem artérias. Cada caso exigirá analise adequada para definir local (vasos de pequeno, medio ou grande calibre) assim como tipo de acometimento (estenose, oclusao ou dilatacao). Apos, uma conduta especifica é adotada, como tratamento conservador medicamentoso, caminhadas, cirurgias ou tratamentos minimamento ivasivos.

Airton Mota Moreira

Cirurgião vascular, Radiologista

São Paulo

Agendar uma visita

São doenças que atingem o sistema circulatório que consistem em: a) Artérias - que levam o sangue do coração aos tecidos, levando sangue oxigenado e nutrientes para as células dos tecidos e órgãos b) Veias - trazem o sangue de volta dos tecidos para o coração e pulmões para ser oxigenado e novamente impulsionado, fechando o circuito da circulação do sangue c) Vasos Linfáticos: Drenam o líquido (linfa) que fica entre as células para dentro das veias e são nossa primeira linha de defesa contra infecções. Doença nas artérias causam isquemia (falta irrigação) e doença nas veias e vasos linfáticos causam inchaço (falta drenagem).

Maira Souza

Angiologista, Cirurgião vascular

Aracaju

Agendar uma visita

Tratamento de varizes - "vasinhos" ou "veias quebradas" são veias doentes e não necessárias a circulação, de forma que podem ser tratadas de várias maneiras, como aplicação (escleroterapia) convencional, a laser ou espuma, e também o tratamento cirúrgico convencional e/ou com endolaser. Existem também as doenças arteriais e linfáticas, que podem estar associadas, e também apresentam formas de tratamento clínico e cirúrgico. Contamos com a presença e facilidade do exame de Eco Doppler colorido para adequado estudo de caso e definição do melhor tratamento.

Laurence Furtado E Souza

Angiologista, Cirurgião vascular

Brasília


As doenças vasculares periféricas envolvem um gama enorme de patologias. Basicamente o primeiro a ser feito é classificá-la em dois grandes grupos: doenças arteriais e doenças venosas. As arteriais estão relacionadas com aterosclerose, tabagismo, diabetes entre outras, podendo levar inclusive a perda do membro acometido. Nas doenças venosas encontram-se as varizes, ulceras varicosas, trombose venosa, etc. A consulta com o cirurgião vascular é fundamental para, primeiro identificar se as queixas relatadas pelo paciente tem origem nas doenças da circulação; solicitar exames complementares quando pertinente, e instituir a melhor terapia, individualizada para cada caso.

Mauro Bombonatti Filho

Angiologista, Cirurgião vascular

Jacareí


O checkupvascular é uma avaliação feita pelo angiologista ou cirurgião vascular com o objetivo de diagnosticar doenças silenciosas que oferecem perigo à sua saúde. Através de perguntas específicas, exame físico detalhado e exames complementares (principalmente o duplex scan) é possível mudar a história de um indivíduo. Lembramos que hoje , prevenção é fundamental. Diabéticos, hipertensos , pessoas com excesso de peso ou portadores de dislipidemias (colesterol ou triglicerídeos altos) precisam ser avaliados regularmente .

Suzanna Sanches

Angiologista, Cirurgião vascular

Salvador


Esse termo denomina de maneira geral, todas as doenças que se classificam como alterações da circulação periférica, englobando as doenças arteriais, venosas e linfáticas. As doenças arteriais comprometem essa circulação específica e trazem problemas na nutrição e oxigenação de segmentos devido às obstruções da circulação. A mais comum é a Doença Arterial Obstrutiva Periférica-DAOP. As doenças venosas são problemas na circulação de retorno- as veias, e a mais comum são as Varizes. No setor da circulação linfática, o mais encontrado é o Linfedema, geralmente provocado por Erisipelas de repetição, que é o edema crônico da perna e pé.

Teodorico Neto

Angiologista, Cirurgião vascular

Olinda

Agendar uma visita

A doença arterial obstrutiva das artérias das pernas por aterosclerose é muito prevalente em nossa população. Principais fatores de risco são tabagismo, hipertensão arterial, diabetes e aumento de colesterol. Entre os sintomas temos: (a) claudicação arterial ( dores na perna ao caminhar ); (b) dor na perna em repouso; (c) feridas com difícil cicatrização; (d) gangrenas. O Eco-Doppler arterial e a angiotomografia computadorizada são os principais exames solicitados para seu diagnóstico e para definição terapêutica. O tratamento inclui controle dos fatores de risco, medicações orais e procedimentos cirúrgicos. Atualmente, a grande maioria dos pacientes se beneficia do tratamento endovascular.

Daniel Leal

Angiologista, Cirurgião vascular

Rio de Janeiro


As doenças arteriais são provocadas por múltiplos fatores, dentre eles destacamos a pressão alta, diabetes, tabagismo, sedentarismo, obesidade e colesterol alto. Esses fatores promovem o aparecimento e o crescimento das placas de gordura nas artérias, ocasionando dificuldade na circulação. Essa doença pode causar uma série de consequências graves, por isso é importante o acompanhamento médico regular.

Ludmila Bertti Coelho

Angiologista, Cirurgião vascular

Brasília

Agendar uma visita

Quais profissionais tratam Doenças vasculares periféricas?


Todos os conteúdos publicados no doctoralia.com.br, principalmente perguntas e respostas na área da medicina, têm caráter meramente informativo e não devem ser, em nenhuma circunstância, considerados como substitutos de aconselhamento médico.