Aneurisma da aorta abdominal - Informações, especialistas e perguntas frequentes

O que é?

Aneurisma é uma dilatação permanente de um vaso sanguíneo. Isso ocorre quando ele perde sua elasticidade. O grande perigo é o rompimento. Quando essa condição se localiza na aorta abdominal infrarrenal, é chamada de aneurisma da aorta abdominal. Considera-se aneurisma quando a dilatação é igual ou maior que quatro centímetros.

Qual é a causa?

Não é conhecida a causa da dilatação da aorta abdominal. Todavia, são apontados alguns fatores que aumentam o risco de a pessoa desenvolver essa doença: hábito de fumar, pressão alta, colesterol alto, enfisema e obesidade. A doença é mais comum em homens com idade igual ou maior que 60 anos. Embora não exista comprovação, há a possibilidade de fatores hereditários também influírem no desenvolvimento da doença.

Quais os sintomas?

Na maioria das vezes o aneurisma da aorta abdominal não apresenta qualquer sintoma. Por vezes o paciente pode dizer que sente um desconforto no estômago. A dor só aparece mesmo quando o aneurisma se rompeu ou tenha iniciado o processo de ruptura. Nesse caso, a dor pode se irradiar para virilha, nádegas e pernas. Pele fria e úmida, náusea, vômitos, alteração da frequência cardíaca também fazem parte dos sintomas que conduzem o paciente para o estado de choque.

Como fazer o diagnóstico?

O aneurisma da aorta abdominal pode ser detectado através de um exame clínico comum. O médico consegue perceber sua presença apalpando a região. Para confirmar o diagnóstico, é possível a utilização de exame de raios-x. Também são utilizados exames de imagem como ecografia abdominal, arteriografia (ou aortografia) e ressonância magnética.

Qual o tratamento?

Quando o aneurisma da aorta se rompeu ou está em processo de ruptura, a cirurgia aberta é a única opção. No caso de aneurisma ser descoberto em seu início, médico e paciente podem optar por um tratamento conservador. Isso significa consultas e exames periódicos para verificar o ritmo de crescimento do aneurisma. Recomenda-se a cirurgia quando o aneurisma atinge um tamanho igual ou superior a 5,5 centímetros. Quando a cirurgia é feita precocemente, ela tem maior possibilidade de sucesso que as operações de emergência realizadas quando o aneurisma se rompe.

Especialistas em aneurisma da aorta abdominal

Encontre um especialista em Aneurisma da Aorta Abdominal na sua cidade:
Elias Garcia de Oliveira

Elias Garcia de Oliveira

Angiologista

Cachoeiro de Itapemirim

Valrian Campos Feitosa

Valrian Campos Feitosa

Angiologista, Cirurgião vascular

Teresina

Maria Helena de Almeida Costa

Maria Helena de Almeida Costa

Angiologista, Cirurgião vascular

Belo Horizonte

Guilherme Santiago Da Cunha

Guilherme Santiago Da Cunha

Cirurgião vascular

Porto Alegre

Eder Colombelli

Eder Colombelli

Cirurgião vascular

Foz do Iguaçu

Bruna Pilan

Bruna Pilan

Cirurgião vascular, Radiologista

São Paulo

Perguntas sobre Aneurisma da aorta abdominal

Nossos especialistas responderam a 66 perguntas sobre Aneurisma da aorta abdominal

 Ana Alice Tannuri
Ana Alice Tannuri
Cardiologista
Nova Iguaçu
Senhora boa noite, todas as duvidas referentes a consulta nunca devem ser tiradas pela internet e sim pessoalmente com seu medico assistente, retorne a consulta. Boa noite
2 respostas

Dr. Ricardo Aun
Dr. Ricardo Aun
Cirurgião vascular
São Paulo
Depende de um exame clínico e ultrassom. Os aneurismas costumam ocorrer em pessoas de mais idade, fumantes, hipertensas. Mas só um exame clínico e ultrassom para afirmar ou afastar esta hipótese
1 respostas

Olá tudo bem? Seria muito bom a Sra procurar seu cardiologista. Assim fazer mais exames para tentar descobrir o que esta acontecendo. Pois não é normal o coração perder o ritmo, e dps voltar…
2 respostas

Especialistas falam sobre Aneurisma da Aorta Abdominal

O que é Aneurisma de Aorta Abdominal? O aneurisma de aorta abdominal é a expansão das paredes da aorta na região do abdômen. Apesar de não apresentar riscos no primeiro momento, o diagnóstico precoce é importante para evitar a ruptura, que pode ocasionar sangramento interno e entupimento de demais artérias. Os aneurismas podem se desenvolver em qualquer parte da aorta-torácica e/ou abdominal. O local mais comum de dilatação da aorta é em sua porção abdominal, logo abaixo das artérias renais. A incidência do aneurisma da aorta abdominal é de 30 a 66 casos para cada 1000 habitantes.

Pedro Henrique Miguel Nunes

Angiologista, Cirurgião vascular

Goiânia


Aneurisma é a dilatação anormal de um vaso sanguíneo, que surge quando há alguma região enfraquecida na parede do vaso, podendo ser congênito, ou seja, o indivíduo nasce com o problema, ou pode se desenvolver tardiamente, caso o vaso seja lesionado. Existem vários tipo de aneurisma, aqui tratamos do aneurisma da aorta abdominal. A aorta é a maior artéria do corpo humano, e é responsável por levar sangue do coração para todos os órgãos, passando pelo tórax e abdômen.

Clayton De Paula

Cirurgião vascular

Osasco


A aorta é a artéria responsável por levar o sangue para todos os órgãos através de seus ramos. O aneurisma é caracterizado por um aumento localizado do diâmetro do vaso em 50% do normal. Sua incidência varia de 5%, quando não associado a outras doenças, a até 12% em hipertensos e tabagistas, aumentando ainda mais quando membros da família já foram diagnosticados. Uma vez feito o diagnóstico o paciente deve fazer acompanhamento com o cirurgião vascular através de exames como o doppler da aorta e as angiotomografias. Quando atingir diâmetros superiores a 5,5 cm no homem e 5,0 cm em mulheres está indicada a cirurgia que pode ser convencional ou endovascular.

Luiz Felipe Gannam De Almeida

Angiologista, Cirurgião vascular

São Paulo


A aorta é uma das principais artérias do organismo, responsável por levar sangue a todos os órgãos e tecidos. O aneurisma de aorta é uma dilatação anormal deste vaso, localizado mais frequentemente no segmento de aorta abaixo das artérias renais. Na maioria das vezes o aneurisma cresce silenciosamente, sem causar sintomas. O grande risco é que quanto maior o aneurisma, maior a chance de rotura do mesmo, causando hemorragia grave. No momento, há duas técnicas de tratamento, a cirurgia aberta e a cirurgia endovascular. A cirurgia endovascular é uma técnica mais moderna e menos invasiva, sendo realizada por cateterismo das artérias femorais, sem necessidade de grandes incisões.

Rafael Noronha Cavalcante

Cirurgião vascular

São Paulo


A aorta é a maior artéria do corpo humano, originando-se no ventrículo esquerdo do coração e se estendendo até a região do umbigo, onde se divide em duas artérias chamadas de ilíacas e que levam sangue para a pelve e os membros inferiores. O aneurisma de aorta abdominal (AAA) é uma dilatação da porção abdominal da artéria aorta. Mais frequente em homens com mais de 55 anos. Fatores de risco são o tabagismo, hipertensão arterial, diabetes e alterações do colesterol . A maioria dos pacientes não tem sintomas. Sua principal complicação é a ruptura, que é fatal em até 80% dos casos. Recomenda-se eco-doppler de aorta periódico para diagnóstico e acompanhamento.

Fabio S. Dinamarco

Angiologista, Cirurgião vascular

São Paulo


É a dilatação anormal da parede da aorta, maior artéria do corpo e responsável por transportar sangue rico em oxigênio para todo o organismo. Quando intactos são normalmente assintomáticos. Sua expansão rápida e rotura podem levar a dor intensa no abdomen e/ou nas costas. Diagnóstico: Realizado pelo exame clínico e exames de imagem como ultrassonografia e a tomografia abdominal. Fatores de Risco: Herança génetica, tabagismo, dislipidemia e hipertensão são fatores ligados ao Aneurisma da Aorta. Tratamento: Quando o aneurisma atinge determinado tamanho deve-se tratar para evitar a rotura. Pode ser realizada a cirurgia aberta (convencional) ou a cirurgia endovascular.

Rafael Apoloni

Angiologista, Cirurgião vascular

São Paulo

Agendar uma visita

É uma dilatação irreversível e focal da aorta, com diâmetro maior ou igual a 3,0 cm. Doença degenerativa, que caracterizada pela perda da integridade estrutural da parede aórtica. Geralmente é silencioso, sendo detectado por acaso em exames de imagem para outras indicações. Possui vários fatores de risco como o tabagismo, sexo masculino, idade maior que 65 anos, antecedentes familiares e níveis elevados de colesterol. O risco de rompimento aumenta com o tamanho e com a velocidade de crescimento. Existem duas formas de tratamento: o cirúrgico aberto e o endovascular que experimentou formidável evolução técnica, com redução significativa da mortalidade hospitalar.

Cláudio Santoro

Cirurgião vascular

Rio de Janeiro


É a dilatação (aumento de calibre) da artéria aorta, responsável por conduzir o fluxo sanguíneo para os orgãos abdominais e para os membros inferiores. Sua dilatação predispõe a formação de trombos em seu interior, que podem se desprender e ocluir as artérias das pernas, por exemplo. Quando muito dilatada, pode romper, sendo esse um quadro muitas vezes fatal.Consulte um cirurgião vascular rotineiramente para o seu diagnóstico precoce, especialmente pacientes idosos e fumantes.

Ivan Marcelo Martins

Cirurgião vascular

São Paulo

Agendar uma visita

A aorta é uma artéria que leva o sangue para o corpo todo através de seus ramos. No segmento localizado no abdome pode ocorrer a presença do aneurisma. A localização abaixo das artérias renais conta com 80% dos casos. O aneurisma é caracterizado por um aumento localizado do diâmetro do vaso acima de 50% do normal. Possui indicação tratamento cirúrgico geralmente após atingir diâmetro de 5,0 cm. Tratamento pode ser via endovascular (hoje em dia apresenta menor morbidade e menor período de internação hospitalar) ou por cirurgia convencional.

Eduardo Antonio Carpentieri

Angiologista, Cirurgião vascular

São Paulo

Agendar uma visita

A Aorta é a maior artéria do corpo, e envia ramos que nutrem cérebro, órgãos no abdômen e membros. O seu diâmetro normal tem cerca de 2 cm no abdômen. O aneurisma é quando há uma dilatação de 50% do calibre do vaso. Assim, um aneurisma da Aorta abdominal (AAA) é quando seu calibre ou diâmetro atinge 3 cm. O AAA é uma doença silenciosa, ou seja, os sintomas são raros e na maioria das vezes é descoberto por acaso. O tratamento do aneurisma tem como objetivo evitar o rompimento da aorta e está indicado quando seu diâmetro atinge 5-5,5 cm, que é o calibre que apresenta maior chance de ruptura. Também é indicado quando há dores abdominais associado ao aneurisma, ou quando há rompimento.

Aneurisma é definido como uma dilatação focal de um vaso, quando excede ao menos 50% do seu diâmetro normal. De acordo com seu formato, o aneurisma é classificado em “fusiforme” - com uma dilatação simétrica da circunferência completa do vaso - ou “sacular”, quando a dilatação ocorre em apenas uma porção do vaso. Existem aneurismas arteriais e aneurismas venosos, porém neste texto iremos nos ater apenas aos arteriais, que são aqueles que exercem maior risco à saúde, especificamente o aneurisma de aorta abdominal.

Felipe Silva Da Costa

Angiologista, Cirurgião vascular

Niterói

Agendar uma visita

Aneurisma de Aorta Abdominal é uma dilatação do segmento abdominal da aorta (principal artéria do corpo humano) maior que 50% do seu diâmetro. A sua etiologia (causa) é estudada até hoje, mas acredita-se que fatores de risco como idade maior que 60 anos, raça branca, sexo masculino, tabagismo e outros fatores de risco estejam associados à doença. O aneurisma não costuma gerar sintomas, sendo o seu diagnóstico realizado normalmente durante exame para outras patologias. O tratamento depende do tamanho. Hoje em dia, existem técnicas minimamente invasivas para o seu tratamento, proporcionando menor período de internação hospitalar e retorno precoce às atividades.

O aneurisma da aorta abdominal é uma das mais graves doenças existente dentro da cirurgia vascular e demando muita experiência no diagnóstico e principalmente no tratamento. Com uma formação e aprendizado constante voltado para o tratamento do aneurisma de aorta, contando com a estrutura dos melhores hospitais de são paulo, oferecemos um tratamento de excelência, contando com técnicas menos invasivas como o tratamento endovascular.

Vinicius Bertoldi

Cirurgião vascular

São Paulo

Quais profissionais tratam Aneurisma da aorta abdominal?


Todos os conteúdos publicados no doctoralia.com.br, principalmente perguntas e respostas na área da medicina, têm caráter meramente informativo e não devem ser, em nenhuma circunstância, considerados como substitutos de aconselhamento médico.