Gengivite - Informações, especialistas e perguntas frequentes

Especialistas em gengivite

Encontre um especialista em Gengivite na sua cidade:
Thiago Arruda

Thiago Arruda

Dentista

Maringá

Juliana Maria Wosch

Juliana Maria Wosch

Dentista

Colombo

Viviane de Oliveira Rabelo

Viviane de Oliveira Rabelo

Dentista

Caldas Novas

Greice Lopes

Greice Lopes

Dentista

Curitiba

Danielle Makino

Danielle Makino

Dentista

Campo Grande

Joyce Luiza Moreira Pereira

Joyce Luiza Moreira Pereira

Dentista

Campo Grande

Perguntas sobre Gengivite

Nossos especialistas responderam a 20 perguntas sobre Gengivite

olá, se o formigamento tiver acontecido após algum trauma no local ou pós extração dentária, pode ser uma parestesia . Que alguns pacientes relatam como esse formigamento, que com auxílio de…
3 respostas

Olá , se a cirurgia ocorreu sem nenhuma intercorrência , o desconforto pós operatório pode levar a falsos diagnósticos, como uma dor que se irradia, causando uma possível sensibilidade em outros…
3 respostas

Dr. Diego Limoeiro
Dr. Diego Limoeiro
Cirurgião buco-maxilo-facial, Dentista
Rio de Janeiro
Olá. Boa tarde. Acredito que não. Consulte um dentista, preferencialmente especialista em Cirurgia Bucomaxilofacial.
5 respostas

Especialistas falam sobre Gengivite

Gengivite - uma inflamação da gengiva - é o estágio inicial da doença da gengiva e a mais fácil de ser tratada. Como posso prevenir a gengivite? Uma boa higiene bucal é essencial. A limpeza profissional também é extremamente importante, pois uma vez que a placa se acumula e endurece (ou torna-se tártaro), apenas o dentista pode removê-la. Você pode prevenir a gengivite da seguinte maneira: Escovação correta e uso apropriado do fio dental para remover placa e restos de alimentos, e do controle do aparecimento de tártaro; Alimentação correta para garantir nutrição adequada; Evitar cigarros e outras formas de tabaco; Ir ao dentista regularmente.

Daniel De Barros Itikawa

Dentista, Terapeuta complementar

Goiânia


A gengivite é a doença periodontal que se limita à gengiva, que inflama devido à presença de placa bacteriana que se forma ao redor dos dentes e da gengiva. Normalmente, com uma visita ao dentista para uma profilaxia, uma correta escovação e uso do fio dental, a doença regride, uma vez que o osso e o tecido conjuntivo que sustentam os dentes ainda não foram atingidos. Os principais sintomas da gengivite são: - Sangramento após a escovação ou uso do fio dental - Gengiva levemente inchada e avermelhada. Se não for tratada, a gengivite pode progredir para periodontite, caracterizada por atingir os tecidos de sustentação dos dentes, onde o osso vai sendo reabsorvido devido à infecção.

Ana Carolina Matos

Dentista

Rio de Janeiro


A gengivite consiste na inflamação do tecido gengival que rodeia o dente. Esta inflamação é causada geralmente pela acumulação de placa. Se não for tratada a tempo, ela pode evoluir e passar a ter uma forma mais crónica de doença periodontal, conhecida como periodontite, uma das principais causas da perda de dentes nos adultos. Em geral, a gengivite é indolor, portanto, no caso de apresentar qualquer sinal ou sintoma, visite a seu odontologista para uma avaliação adequada e determinar um plano de tratamento.

A Gengivite é um dos problemas periodontais mais simples de ser tratado. Com as técnicas atuais, por ser especialista na área, o tratamento é bastante rápido e tranquilo. Geralmente em 1 ou 2 sessões de raspagem local orientação de escovação e uso de medicamentos para auxiliar no controle da placa bacteriana.

É a inflamação do tecido gengival, pode ocorrer sangramento expontâneo ou na escovação ou no uso de fio dental. Quando não tratada adequadamente pode evoluir para doença periodontal. Muita gente não sabe, mas manter a gengiva saudável pode evitar diversos problemas como : infecções renais e pulmonares, endocardite bacteriana, diabetes, hipertensão entre outros. Consulte o seu dentista.

Fabiana Lisboa

Dentista

Rio de Janeiro

Agendar uma visita

Gengivite é uma inflamação da gengiva. É o estágio inicial da doença periodontal e, portanto, mais fácil de ser tratada, porém, se não tratada, pode progredir e causar complicações mais graves. O acúmulo de placa no longo prazo, causado por higiene deficiente pode levar ao aparecimento de um depósito duro chamado popularmente de tártaro, que fica preso no dente, podendo gerar perda óssea, entre outras complicações de saúde. O controle da placa bacteriana e a remoção dos fatores que retêm placa (restaurações em excesso ou infiltradas) são fundamentais para a saúde do paciente. A motivação do paciente quanto aos cuidados é um dos itens chave para o sucesso do tratamento e manutenção da saúde.

Rafael Vieira

Dentista

Salvador


A gengivite é um dos problemas bucais mais frequentes e que é nada mais do que uma inflamação da gengiva. Muitas pessoas afetadas pela gengivite se perguntam quais são as causas que levam à essa inflamação da gengiva e o que podemos fazer para evitar e solucionar esse problema.A principal causadora da gengivite é a placa bacteriana, uma camada de bactérias que se forma em volta dos dentes e da gengiva com o acúmulo de sujeira e restos de alimentos. Ou seja, na verdade, a gengivite é causada pela má higienização. A gengivite em si é ainda o primeiro estágio de inflamação da gengiva. Se não for tratada corretamente, a gengivite pode evoluir e se transformar numa periodontite.

A doença periodontal é uma doença que afeta desde a gengiva até o osso que envolve e suporta o seu dente. Os três estágios da doença periodontal, que varia do menos ao mais grave, são gengivite, periodontite e periodontite avançada. Esse é o primeiro estágio da doença. É a inflamação da gengiva, causada pela placa bacteriana. Você poderá observar vermelhidão ou inchaço da gengiva ou até sangramento durante a escovação ou uso do fio dental. Escovação e uso do fio dental adequados ajudam a prevenir a doença periodontal. O uso de cremes dentais e enxaguantes bucais com agentes antibacterianos pode matar as bactérias e diminuir a quantidade de placa em sua boca.

Quais profissionais tratam Gengivite?


Todos os conteúdos publicados no doctoralia.com.br, principalmente perguntas e respostas na área da medicina, têm caráter meramente informativo e não devem ser, em nenhuma circunstância, considerados como substitutos de aconselhamento médico.