Acromegalia - Informações, especialistas e perguntas frequentes

É uma síndrome causada pela secreção aumentada do hormônio do crescimento (GH - hormônio produzido normalmente pela hipófise, glândula localizada no cérebro), durante a fase adulta. Por esse desequilíbrio hormonal ocorrer na fase adulta, em que os ossos e outros tecidos corporais já cessaram o crescimento longitudinalmente (pararam de crescer em seu comprimento), eles passam a crescer inadequadamente, resultando em diversas deformidades como: alargamento da testa, queixo mais proeminente, espessamento da pele, pés e mãos aumentados entre outras. Também podem ocorrer complicações no sistema cardiovascular (insuficiência cardíaca. hipertensão arterial), diabetes e problemas visuais.
A acromegalia frequentemente acontece como resultado de tumores benignos na hipófise que levam a uma aumento da produção do hormônio do crescimento, podendo também ser decorrentes de outros tipos de tumores.

Não descuide da sua saúde

Escolha a consulta online para iniciar ou continuar o seu tratamento sem sair de casa. Se precisar, você também pode marcar uma consulta no consultório.

Mostrar especialistas Como funciona?

Especialistas - acromegalia

Mariana Peres Paim Ribeiro

Mariana Peres Paim Ribeiro

Endocrinologista

Rio de Janeiro

Rafaela Norbim Barcelos

Rafaela Norbim Barcelos

Endocrinologista

Linhares

Andreza Juliani Gilio

Andreza Juliani Gilio

Endocrinologista pediátrico, Pediatra

Araraquara

Natália Koga

Natália Koga

Endocrinologista

Salvador

Camila Sayuri Horita Alves Da Silva Ratão

Camila Sayuri Horita Alves Da Silva Ratão

Endocrinologista

São Paulo

Eduardo Henrique Rodrigues Ferreira

Eduardo Henrique Rodrigues Ferreira

Endocrinologista, Médico clínico geral

São Paulo

Perguntas sobre Acromegalia

Nossos especialistas responderam a 11 perguntas sobre Acromegalia

Só enquanto cresce.Pode ter uma deformidade adquirida ou um tumor.
1 respostas


Boa noite
Pode sim ser um achado radiológico nos quadros de acromegalia, mas não é exclusivo dela, por isso a investigação hormonal se faz necessária para confirmar ou não a acromegalia.…
1 respostas


Se a suspeita é alta, já houve a confirmação laboratorial com GH e IGF-1 elevados e a RM de sela túrcica foi normal faz-se necessário revisar a imagem com um radiologista experiente em hipófise.
3 respostas

Especialistas falam sobre Acromegalia

A Acromegalia é uma doença que se caracteriza pelo excesso de produção do hormônio do cresciemento (GH). Na imensa maioria das vezes isto ocorre pela presença de um adenoma na hipófise (um tumor benigno que cresce na glândula hipófise, que fica dentro da nossa cabeça, bem perto do cérebro). Essa doença causa crescimento excessivo (gigantismo) se começar antes de 18 anos e em pessoas adultas leva ao aumento de extremidades, da língua, dores articulares, sindrome de tunel do carpo, diabetes, entre outras alterações. Na suspeita dessa doença, o paciente deve procurar um endocrinologista que tenha experiência em tratamento de doenças da hipófise.

Paula Bruna Araujo

Endocrinologista

Rio de Janeiro

Agendar uma visita

Acromegalia é um distúrbio com excesso da produção do hormônio de crescimento, sendo necessária avaliação, identificação do local onde é produzido em excesso, instituição do tratamento e seguimento periódico.

Thais H. Inoue Lima

Endocrinologista

São Paulo


Acromegalia e uma doenca causada principalmente por uma lesao localizada na hipofise (glandula na base do cerebro). Esta lesao produz hormonio do crescimento em excesso e por isso os pacientes apresentam crescimento de maos e pes, ossos da face, aumento de alguns orgaos internos, podem perder aneis e sapatos por crescimento dos dedos e dos pes. Varios outros sintomas podem ocorrer como suor, alteracao da glicose no sangue e da pressao arterialm entre outros. Essa lesao precisa ser investigada e tratada, podendo trazer a cura da doenca.

Débora Nazato

Endocrinologista

São Paulo

Quais profissionais tratam Acromegalia?


Todos os conteúdos publicados no doctoralia.com.br, principalmente perguntas e respostas na área da medicina, têm caráter meramente informativo e não devem ser, em nenhuma circunstância, considerados como substitutos de aconselhamento médico.