Insegurança - Informações, especialistas e perguntas frequentes

Especialistas em insegurança

Encontre um especialista em Insegurança na sua cidade:
Celi de Lara

Celi de Lara

Psicólogo

Porto União

Natália Franco

Natália Franco

Psicólogo

Brasília

Esther Arnold

Esther Arnold

Psicopedagogo

Renata Camargo

Renata Camargo

Psicólogo

Camaquã

Ana Larissa Marques Perissini

Ana Larissa Marques Perissini

Psicólogo, Sexólogo

São José do Rio Preto

Andressa Mara Netto

Andressa Mara Netto

Psicólogo

Perguntas sobre Insegurança

Nossos especialistas responderam a 3 perguntas sobre Insegurança

Dr. Eduardo Santos
Dr. Eduardo Santos
Psicólogo
Ribeirão Preto
Meu jovem essa fase, adolescência, é um pouco complexa e confusa. Então VC está no caminho certo, chegou até aqui :) Eu fico feliz em saber da sua iniciativa de procurar suporte e por estar recebendo…
14 respostas

Dra. Aline M. S. De Coster
Dra. Aline M. S. De Coster
Psicólogo, Psicopedagogo
Rio de Janeiro
No processo de Psicoterapia Analítica, o trabalho do analista consiste em despertar aquilo que já existe no analisando. É despertar o sujeito para suas potencialidades e dificuldades de modo…
13 respostas

 Vitor Paese
Vitor Paese
Psicólogo
Florianópolis
Existem técnicas pontuais de curto prazo na psicologia para lidar com estados de ansiedade como o que você relatou. Procure um profissional experiente. Isso pode fazer a diferença para sua vida…
10 respostas

Especialistas falam sobre Insegurança

Crenças distorcidas a respeito do sexo, bem como a interpretação das situações sexuais, têm um impacto direto na maneira como as pessoas reagem ao ato sexual, sendo um fator decisivo na preparação do corpo para a relação sexual e na gama de habilidades sexuais. O foco não está mais no desempenho, e sim em um novo padrão de comportamento sexual, focado no prazer e no respeito às diferenças entre os indivíduos, em detrimento a um padrão imposto por mitos e regras da sociedade. A terapia sexual busca focar na pessoa e na sua história de vida, lembrando que ele, indivíduo, é o centro das atenções, sendo o conhecedor de sua dor, e que busca acolhimento e solução para os seus dissabores.

Paulo Roberto Buarque De Gusmão

Psicólogo, Sexólogo

Rio de Janeiro

Agendar uma visita

Na psicoterapia podemos trabalhar a insegurança e reconhecer quais os motivos que esta levando a sentir - se inseguro. Trabalhar comportamentos que estão contribuindo para o aumento de sua insegurança.

Filipe Torelli

Psicólogo

Sorocaba


Em análise de casal, a perspectiva sistêmica é adotada juntamente com alguns conceitos junguianos e as técnicas expressivas não verbais (pinturas, modelagem, colagem, etc.), favorecem um campo de diálogo sobre a conjugalidade e a problemática gerada pela ideia imagética/fantasia do primeiro filho. Sabemos que este processo se caracteriza por ser um tempo difícil - insegurança, porém a terapia possibilita aos cônjuges dialogar sobre a vida, sobre o amor, o momento e o novo papel a que estão sujeitos.

Sandra Santos

Psicólogo

Rio de Janeiro


a insegurança é uma demanda que o paciente traz para análise, quando necessita trabalhar questões de valor, mais antes o analista verificará a sua história, para apontar algumas direções. Analista e paciente juntos, podem caminhar para a direção de empoderamento da segurança do paciente. Precisando almejar este lugar autonomia, pode me contactar que iniciaremos o seu tratamento.

A infância tem um papel fundamental para a construção das nossas ações e comportamentos na fase adulta, uma vez que quando adultos muitas situações, fazem renascer emoções vividas quando criança. Os adultos tendem a reagir de acordo com as representações (memórias) guardadas de suas experiências vividas no contexto familiar e principalmente com os pais. No entanto, tais reações acontecem de forma automática ( inconsciente), neste tipo de demanda, atuo junto ao cliente, realizo intervenções e experimentos (vivências) para que o cliente possa entrar em contato com situações inacabadas (Gestaltens), ressignificando e tornando-se sujeito ativo e responsável do seu sentido de existir.

Todos nós, no curso de nosso desenvolvimento , especificamente na infância e adolescência, acumulamos experiências advindas do núcleo familiar, bem como, de outras relações sociais. Inconscientemente " enraizamos", como parte incontestável de nossa personalidade, a percepção dos outros, em relação a nós. Redescobrir as potencialidades,bem como, dissolver os " fantasmas "introjetados, em busca da liberdade de ser, na sua forma autêntica , pessoal e saudável.

Elizabeth Martins Da Conceição

Psicólogo

Rio de Janeiro


Fortalecer a pessoa, transmitindo maior segurança às questões mais importantes e mostrar que se errar, não será o fim de tudo. Começar sempre com pequenas questões para ir ganhando confiança e gradativamente aumentar para grandes questões.

A insegurança tem o medo em sua base, gera ansiedade diante do novo. Em bom nível ativa o sitema de proteção do indivíduo, porém quando se apresenta muito intensa traz prejuízos ao desempenho do indivíduo, distorcendo sua auto-avaliação sobre suas capacidades. A psicoterapia apresenta um "espaço" sigiloso, onde será acompanhado por uma profissional ética, que seguindo técnicas com base teórica, será uma facilitadora no processo de autoconhecimento do indivíduo. Nesta caminhada psicoterápica, com a proposta de ouvir, acolher e facilitar ao individuo perceber, apreender e se aproximar de suas emoções, as quais aparecem na vida diária em forma de comportamentos, por vezes disfuncionais.

Laura Vargas Medina

Psicólogo

Barueri


Insegurança para falar, manter uma conversa, se posicionar, se relacionar, dar a sua opinião...são inúmeras as situações em que ela aparece. Autoestima baixa é apenas um dos fatores que afetam a pessoa que se sente insegura. O trabalho no espaço terapêutico não se restringe em apenas desenvolver a confiança, mas trabalhar os aspectos mais internos como crenças, pensamentos, emoções, comportamentos, e outras questões. Tudo isso envolve a qualidade de vida pessoal e o bom desempenho no trabalho. Técnicas e métodos são aplicados durante o processo de psicoterapia para que o paciente consiga trabalhar esses e outros aspectos.

Quais profissionais tratam Insegurança?


Todos os conteúdos publicados no doctoralia.com.br, principalmente perguntas e respostas na área da medicina, têm caráter meramente informativo e não devem ser, em nenhuma circunstância, considerados como substitutos de aconselhamento médico.