Neoplasias encefálicas - Informações, especialistas e perguntas frequentes

Não descuide da sua saúde

Escolha a consulta online para iniciar ou continuar o seu tratamento sem sair de casa. Se precisar, você também pode marcar uma consulta no consultório.

Mostrar especialistas Como funciona?

Especialistas - neoplasias encefálicas

Encontre um especialista na sua cidade:
Fernando Simões

Fernando Simões

Neurocirurgião

Goiânia

Paulo Tavares

Paulo Tavares

Neurocirurgião

Rio de Janeiro

Carlos Roberto Pereira Alves Filho

Carlos Roberto Pereira Alves Filho

Neurocirurgião, Neurologista

Santo Antônio de Pádua

Marcio Pina

Marcio Pina

Neurocirurgião

São Paulo

Dalton Makoto Senda

Dalton Makoto Senda

Neurocirurgião

Maringá

Marcelo Medeiros Felippe

Marcelo Medeiros Felippe

Neurocirurgião

São José dos Campos

Perguntas sobre Neoplasias encefálicas

Nossos especialistas responderam a 1 perguntas sobre Neoplasias encefálicas

Os sintomas variam conforme a localização da lesão no cérebro, podendo apresentar desde dores de cabeça a paralisia de braços e pernas. Consulte um neurocirurgião e tire suas dúvidas
2 respostas

Especialistas falam sobre Neoplasias Encefálicas

Os tumores são causados pelo crescimento anormal de um grupo de células. Essas células formam uma massa tumoral que pode ter características benignas ou malignas. Os tumores benignos costumam ter um crescimento lento e são pouco invasivos, enquanto os tumores malignos crescem mais rápido e são mais invasivos. Os tumores intracranianos são aqueles localizados dentro do crânio, o osso que protege o cérebro. Existem diversos tipos de tumores intracranianos. O mais comum são as metástases, provenientes de tumores presentes em outras localizações. Hoje em dia, existem muitas opções de tratamento para os tumores intracranianos, mas a avaliação deve ser feita caso a caso.

São tumores que afetam o cérebro ou tronco encefálico. Podem ser benignos ou malignos. Sua origem pode ser no tecido cerebral, envoltórios (meninges), nervos ou de outros órgãos, como as metástases. Os sintomas dependem da localização, desde alterações neurológicas, comportamentais, dor de cabeça, déficit de sensibilidade, força, crise convulsiva, aumento da pressão intracraniana, queixas visuais, etc. O diagnóstico é confirmado por imagem (geralmente RNM) e biópsia / cirurgia. O tratamento pode incluir ressecção cirúrgica, químio e radioterapia.

Os pacientes que recebem o diagnóstico de tumor cerebral passam sempre por um momento delicado e sofrem bastante com a notícia. Antes de decidir sobre a forma de tratamento deste tumor, o paciente deve realizar uma série de exames com o objetivo de obter todas as informações possíveis e necessárias para a escolha do melhor tratamento. A maioria dos tumores cerebrais são tratados através de cirurgia. Inclusive, muitos destes pacientes podem ser curados com o tratamento (tumores benignos). Por outro lado, frequentemente é necessário a complementação com quimioterapia e/ou radioterapia após a cirurgia. Converse com o seu médico e esclareça todos estes detalhes.

Iuri Neville

Neurocirurgião

São Paulo

Agendar uma visita

A metástase cerebral é a neoplasia que mais frequentemente acomete o encéfalo. Históricamente esses pacientes tinham uma sobrevida pequena, porém com o avanço da terapia sistêmica, da técnica microcirúrgica e da radioterapia os pacientes passaram a ter uma maior expectativa de vida. Atualmente o objetivo da terapia é aumento de sobrevida associado à diminuição dos efeitos colaterais do tratamento. Os estudos científicos mais recentes relatam que cada vez menos ocorrem óbitos causados pelas metástases cerebrais mas sim pelo avanço da doença sistêmica, já que é possível fazer um bom controle dessas lesões com cirurgia associada a radioterapia.

Renvik Demauir

Neurocirurgião

Rio de Janeiro

Agendar uma visita

A notícia de que há um tumor cerebral não é uma notícia fácil de contar, muito menos de ouvir. O paciente portador de tumor cerebral geralmente tem muitas dúvidas. Não só ele, mas como seus familiares também. Portanto, geralmente é uma consulta com o paciente e um ou mais familiares. Examinar o paciente, explicar onde está a lesão, quais os sintomas associados ao tumor e qual a proposta de tratamento deve ser OBRIGAÇÃO do médico atendente.

Bruno Silva Pereira

Neurocirurgião

Rio de Janeiro

Agendar uma visita

Quais profissionais tratam Neoplasias encefálicas?


Todos os conteúdos publicados no doctoralia.com.br, principalmente perguntas e respostas na área da medicina, têm caráter meramente informativo e não devem ser, em nenhuma circunstância, considerados como substitutos de aconselhamento médico.